Siga-nos nas redes

Desporto

Alfredo Quintana é o terceiro atleta a morrer em Portugal em 2021

Publicado

em

O andebolista internacional português Alfredo Quintana tornou-se hoje o terceiro atleta a morrer em Portugal no novo ano civil, fruto de idênticos problemas cardíacos que vitimaram Alex Apolinário e Paulo Diamantino em janeiro.

O guarda-redes, de 32 anos, sofreu na segunda-feira uma paragem cardiorrespiratória num treino do FC Porto e deu entrada no Hospital de São João, no Porto, sendo transferido para a Unidade de Cuidados Intensivos com um prognóstico reservado.

Um mês e meio antes, em 08 de janeiro, o basquetebolista Paulo Diamantino caiu inanimado durante um jogo entre o Mirandela Basket Clube e o Juventude Pacense, da II divisão, e não resistiu às manobras de reanimação tentadas durante quase uma hora.

O internacional sub-20 luso iria completar 36 anos no dia seguinte ao encontro em Paços de Ferreira e desapareceu com pouco mais de 24 horas de diferença face ao futebolista brasileiro Alex Apolinário, que representava o Alverca, do Campeonato de Portugal.

O médio, de 24 anos, esteve quatro dias internado em coma induzido, na sequência de uma paragem cardiorrespiratória sofrida aos 27 minutos do duelo caseiro com o União de Almeirim (0-0), da 10.ª ronda da Série F, sem que estivesse a disputar qualquer lance.

No recente historial de morte repentina em provas desportivas realizadas em Portugal surge a copiloto espanhola Laura Salvo, que morreu em 10 de outubro de 2020, aos 21 anos, devido a um acidente no Rali Vidreiro Centro de Portugal, na Marinha Grande.

O Peugeot 208 R2 conduzido por Miguel Socias despistou-se no início do primeiro troço da sexta prova do Campeonato de Portugal de Ralis, que acabou por ser cancelada mediante a declaração do óbito no local, apesar dos esforços de 27 operacionais.

Há quase um mês, em 25 de janeiro, cumpriu-se o 17.º aniversário da morte do avançado húngaro Miklos Féher, vítima de uma paragem cardiorrespiratória nos instantes finais da visita do Benfica ao Vitória de Guimarães (1-0), da 19.ª jornada da I Liga de futebol.

Caso idêntico aconteceu em 25 de outubro de 2009 com o basquetebolista norte-americano Kevin Widemond, da Ovarense, que morreu no intervalo do duelo frente à Académica para a atribuição do terceiro lugar do Troféu António Pratas, em Leiria.

Já o lote de desportistas portugueses malogrados é encabeçado pelo motociclista Paulo Gonçalves, falecido há pouco mais de um ano, em 12 de janeiro, aos 40 anos, na sequência de uma queda ao quilómetro 276 da sétima de 12 etapas da 42.ª edição do Rali Dakar.

À imagem do piloto da equipa indiana Hero, o automobilista Augusto Mendes morreu em 01 de março de 1989, com 36 anos, na sexta classificativa do Rali de Portugal, ao despistar-se ao volante de um Opel Kadett GSI numa ravina da Serra da Lousã.

O lote de malogrados lusos começou a desenhar-se no início do século XX, em 15 de julho de 1912, quando Francisco Lázaro, de 24 anos, desfaleceu na maratona de Estocolmo, tornando-se a primeira vítima mortal dos Jogos Olímpicos da Era Moderna.

O carpinteiro de uma fábrica de carroçarias de automóveis no Bairro Alto, em Lisboa, arrancou no grupo da frente, mas foi sucessivamente perdendo posições e começou a cambalear ao quilómetro 29, na colina de Öfver-Järva, até tombar de vez.

Porta-estandarte da primeira participação olímpica de Portugal, Francisco Lázaro acabou por colapsar na madrugada seguinte, vitimado pelo sebo que espalhou pelo corpo e que impedia a transpiração da pele face aos 32 graus sentidos na capital sueca.

O atleta foi homenageado na cerimónia de encerramento por Pierre de Coubertin, fundador dos Jogos Olímpicos modernos, tal como o mundo do futebol prestou tributo a Fernando Pascoal Neves, mais conhecido por Pavão, em 16 de dezembro de 1973.

Natural de Chaves, o médio sofreu uma paragem cardiorrespiratória ao minuto 13 do encontro entre FC Porto e Vitória de Setúbal, da 13.ª jornada da I Liga, caindo inanimado no relvado do Estádio das Antas e morrendo no Hospital de São João, aos 26 anos.

Joaquim Agostinho notabilizou-se à escala mundial pela alcunha ‘Quim Cambalhotas’, devido aos constantes tombos sofridos ao longo de 16 anos em cima das bicicletas, que estiveram na origem da sua morte em Quarteira, na décima edição da Volta ao Algarve.

Natural de Torres Vedras, o corredor do Sporting caiu pela última vez aos 41 anos, após um cão se ter cruzado no seu caminho, causando fraturas no crânio, e 10 dias em coma e um óbito declarado em 10 de maio de 1984, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa.

Final idêntico ao mais emblemático ciclista luso, vencedor de três Voltas a Portugal e com dois terceiros lugares na Volta a França, sofreu Bruno Neves, ao bater com a cabeça no chão quando integrava o pelotão da Clássica de Amarante, em 11 de maio de 2008.

Já o basquetebolista Paulo Pinto foi atraiçoado por um colapso cardíaco em 02 de março de 2002, ao oitavo minuto do duelo entre Aveiro Basket e Benfica, no Pavilhão dos Galitos, da Liga portuguesa, morrendo antes de chegar ao Hospital Infante D. Henrique.

Oriundo de São João da Madeira, o extremo-poste, de 27 anos, denotava uma carreira promissora, assente no estatuto de capitão das ‘quinas’ e jogador nacional do ano em 2000, um ano após ter sido o primeiro luso a figurar nos candidatos ao ‘All-Star’ europeu.

Outros desportistas portugueses ou estrangeiros falecidos em solo nacional:

  • Veiga da Mota (ciclismo): 26 de fevereiro de 1959
  • José Zeferino (ciclismo): agosto de 1982.
  • Paulo Navalho (futebol): 23 de agosto de 1987.
  • Manuel Abreu (ciclismo): 25 de fevereiro de 1997.
  • Ángel Almeida (basquetebol): 29 de julho de 1997.
  • Rui Guimarães (basquetebol): 06 de julho de 1998.
  • Paulo Sérgio (futebol): 26 de dezembro de 2000.
  • Landu Ndonbasi (futebol): 17 de fevereiro de 2002.
  • Bruno Baião (futebol): 15 de maio de 2004.
  • Hugo Cunha (futebol): 25 de junho de 2005.
  • Mike Plowden (basquetebol): 28 de fevereiro de 2008.
  • Francisco Ribeiro (andebol): 17 de dezembro de 2009.
  • Vando Duarte (motociclismo): 08 de maio de 2011.
  • Luís Carreira (motociclismo): 15 de novembro de 2012.
  • Alex Marques (futebol): 17 de novembro de 2013.
  • Nuno Silva (automobilismo): 16 de agosto de 2014.
  • Sérgio Leitão (motociclismo): 23 de setembro de 2018.
  • André Campos (andebol): 16 de outubro de 2018.
  • Fábio Mendes (futsal): 16 de março de 2019.
  • Filipa Gomes (motociclismo): 26 de julho de 2019.
  • Matthias Sandeck (pesca submarina): 08 de setembro de 2019.
  • Paulo Diamantino (basquetebol): 08 de janeiro de 2021.
PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Desportohá 8 horas

Reportagem Rali de Famalicão 2021

O piloto Adruzilo Lopes, navegado por Paulo Silva, foi o vencedor da edição 2021 do Rali de Famalicão. A dupla...

Famalicãohá 9 horas

Coligação Mais Ação Mais Famalicão apoia Carlos Lima na recandidatura à Junta de Freguesia de Mogege

A coligação “Mais Ação Mais Famalicão” apresentou, este domingo, o seu apoio ao presidente da Junta de Freguesia de Mogege,...

Paíshá 14 horas

Covid 19. Mais 2.625 novos casos e oito mortes

Portugal registou este domingo mais oito mortes pela Covid-19 e mais 2.625 casos, segundo os dados do mais recente boletim...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Projeto de reabilitação do Largo Senhor dos Aflitos está aberto às propostas da população

Criar um espaço que sirva a todos e dar-lhe a dignidade que merce. Foi com este pressuposto que o presidente...

Mundohá 16 horas

Papa: “Cuidem dos idosos porque estes não são sobras da vida”

O Papa Francisco apelou este domingo para que se cuidem dos idosos porque eles “não são sobras da vida ou desperdícios...

Regiãohá 19 horas

Vila do Conde: adolescente e homem em dificuldades no mar resgatados

Os elementos do “Projeto SeaWatch”, pertencente à Autoridade Marítima Nacional, colaboraram ontem no auxílio a duas pessoas, um homem de...

Famalicãohá 19 horas

CDU de Famalicão alerta: “há muitos famalicenses sem médico de família”

Os comunistas famalicenses alertam que há muitos famalicenses sem médico de família. A CDU de Famalicão, representada por Miguel Lopes,...

Famalicãohá 19 horas

Verão tímido: domingo de aguaceiros e semana com temperaturas amenas

Depois deste domingo com céu nublado e alguma chuva, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê, para...

Paíshá 20 horas

Morreu Otelo Saraiva de Carvalho, o “capitão de Abril”

EM ATUALIZAÇÃO Otelo Saraiva de Carvalho, o principal operacional do golpe de Estado de 25 de Abril de 1974, morreu...

Sociedadehá 20 horas

Famalicão: Coligação apresenta candidatos na União de Abade e Antas e de Seide S. Miguel e S. Paio

Este domingo a coligação “Mais Ação Mais Famalicão” apresenta Manuel Alves, que se recandidata a um terceiro mandato à frente...

Famalicãohá 21 horas

Famalicão: Incêndio destrói ecopontos no centro da cidade

Um incêndio destruiu três ecopontos, esta madrugada. Pelas 02h42m, os Bombeiros Voluntários Famalicenses foram acionados para um incêndio nos ecopontos...

Famalicãohá 21 horas

Famalicão: PS apresenta hoje mais quatro candidatos nas freguesias

O Partido Socialista oficializa neste domingo a candidatura de Álvaro Machado, o primeiro presidente democraticamente eleito da Junta de Freguesia...

Entretenimentohá 21 horas

Famalicão: Toy canta hoje no Anima-te

A música popular romântica sobe, hoje, ao palco do Anima-Te, em Famalicão, pela voz do cantor Toy, pelas 19h00.  Natural...

Famalicãohá 1 dia

Famalicão: Homem de 39 anos gravemente ferido após queda de andaime em Vilarinho das Cambas

Um homem de 39 anos ficou gravemente ferido, durante a tarde deste sábado, após ter caído de um andaime, no...

Desportohá 1 dia

FC Famalicão vence o Feirense e segue em frente na Taça da Liga

O Famalicão venceu hoje o Feirense por 1-0, em jogo da primeira fase da Taça da Liga em futebol, disputado...

Famalicãohá 2 dias

Apagão não foi só em Famalicão. Afetou várias zonas do país e teve origem na Europa

Terá sido um problema na rede elétrica de alta tensão, que originou a falta de eletricidade que afetou, na tarde...

Famalicãohá 2 dias

Várias freguesias de Famalicão ficaram esta tarde sem luz elétrica

Várias freguesias do concelho de Famalicão ficaram na tarde deste sábado sem luz elétrica. O problema poderá estar relacionado com...

Regiãohá 2 dias

Movimento “Viver o Ave” nomeado para o prémio Guarda Rios 2021

O Movimento “Viver o Ave” é um dos cinco nomeados para o prémio Guarda Rios 2021 promovido pela associação ambiental...

Desportohá 2 dias

REPORTAGEM: AD Ninense ganha novo campo e iluminação LED

A Associação Desportiva Ninense inaugurou este sábado um novo campo de futebol de 7 com relvado sintético e a iluminação...

Paíshá 2 dias

Covid 19:Mais 20 mortos e 3396 novos casos em Portugal

O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde deste sábado dá conta de 3396 novos infetados e mais 20 vítimas mortais. No...

Arquivo

FAMA NAS REDES

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191