Siga-nos nas redes

Braga

Covid-19: Moreirense totaliza 30 casos positivos

Publicado

em

O Moreirense, com 30 casos positivos, apelou hoje à Direção-Geral da Saúde (DGS) que tome “medidas preventivas que entenda adequadas”, caso o jogo com o Paços de Ferreira, da sétima jornada da I Liga de futebol, não seja adiado.

“Caso a Liga de clubes, porque responsável pela organização das competições, se abstenha de tomar medidas preventivas, que se impõem e que se revela incapaz de tomar, deverá a Direção-Geral da Saúde tomar medidas preventivas que entenda adequadas, o que apela”, lê-se em comunicado dos minhotos enviado à agência Lusa.

A mais recente bateria de despistagem, realizada na segunda-feira, revelou 30 testes positivos no conjunto vimaranense, entre jogadores, equipa técnica e outros funcionários, acentuando um cenário que já abrangia os guarda-redes Miguel Oliveira, Kewin e Nuno Costa, o defesa Matheus Silva, o médio Galego e o avançado Derik Lacerda.

“A Moreirense SAD foi assolada por um violento foco de infeção, que infelizmente grassa na região em que se situa e que até ao momento contagiou 21 dos seus atletas, todos os membros da equipa técnica, dois elementos do ‘staff’ e o presidente do Conselho de Administração, além de um outro atleta com teste inconclusivo”, indicou.

Os vimaranenses lembram que a “autoridade local de saúde pública ordenou a imposição de medidas profiláticas de quarentena obrigatória a outros cinco atletas e cinco membros do ‘staff’, com responsabilidades várias na organização dos jogos, seja diretor de segurança, direto desportivo e responsável pela comunicação”.

“Os factos descritos são manifestamente impeditivos da realização do jogo, pelo que a Moreirense SAD comunicou o impedimento à Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que é de força maior, e solicitou o adiamento do jogo, por entender não haver condições humanas, de segurança e de saúde pública, para a sua realização”, prosseguiu.

O Moreirense, na nona posição, com oito pontos, deveria receber o Paços de Ferreira, oitavo colocado, com idêntico registo pontual, no sábado, às 15:30, em Moreira de Cónegos, num encontro da sétima jornada do principal escalão nacional, arbitrado por Rui Costa, da associação do Porto.

“As diligências decorreram até quinta-feira, quando o Paços de Ferreira comunicou a decisão de pretender jogar no sábado, pelas 15:30. Defrontam-se duas equipas dos concelhos mais assolados pela covid-19. Nada fazer é sinónimo de irresponsabilidade, em vésperas da entrada em vigor do estado de emergência”, defendeu.

Face ao alastrar da situação, a administração da SAD, liderada por Vítor Magalhães, decidiu na terça-feira suspender com efeitos imediatos os treinos do plantel principal, em articulação com o departamento médico, enquanto o estádio e outras instalações do Moreirense recebiam os habituais trabalhos de desinfeção.

“A deslocação de meios humanos e técnicos normais neste tipo de eventos, como seja pessoal ligado à transmissão televisiva, afeto à organização dos jogos, ARD´s, força policial, delegados ao jogo, equipa de arbitragem e equipa adversária aumenta o risco de propagação da infeção, que tem foco ativo, pelo menos, na Moreirense SAD”, frisou.

O plano de retoma das competições profissionais da Liga de clubes encara um caso de infeção pelo novo coronavírus como uma lesão e estabelece um número mínimo de sete jogadores, entre os quais um guarda-redes e um capitão, para a realização das partidas, condições inviabilizadas junto da estrutura minhota, cuja maioria está assintomática.

“A apenas dois atletas não foi imposta medida obrigatória de recolhimento à sua residência. Dos atletas com resultados positivos, um é reincidente na infeção, depois de mais de 90 dias sobre a primeira cura. Manter o propósito (ridículo) de realização do jogo, que já se viu impossível, poria ainda mais em causa a saúde pública”, reforçou.

Sem equipa B nem sub-23, o Moreirense tem 28 jogadores inseridos nos quadros da Liga de clubes, dos quais seis estão lesionados, casos de Abdu Conté, Pedro Amador, André Luís, Derik Lacerda, Lucas Rodrigues e Yan, a par de Sori Mané, que não está inscrito.

“Não quer crer a Moreirense SAD que a Liga pretenda a todo o custo entrar dentro da casa de gente enferma para realizar um jogo de futebol, que assim desvirtua a competição, a verdade desportiva e roça o desrespeito pela integridade e saúde”, concluiu, lembrando que a FPF tem “adiado e remarcado jogos por motivos semelhantes”.

A Liga de clubes adiou o Sporting-Gil Vicente, da primeira jornada da I Liga, após testes positivos nos dois plantéis, tal como o Feirense-Desportivo de Chaves e o Académico de Viseu-Académica, da ronda inaugural da II Liga.

Já na semana passada, o organismo liderado por Pedro Proença recusou o pedido do Cova da Piedade em faltar ao jogo com o Estoril Praia, da oitava jornada do escalão secundário, apesar dos 18 casos de infeção, incluindo 15 jogadores, nos almadenses.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,2 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 2.740 em Portugal.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Braga

Braga: UMinho lança mais de 100 Pós-Graduações

Publicado

em

Numa “aliança” com empresas, a Universidade do Minho (UMinho) lançou mais de 100 pós-graduações, no âmbito do projeto “Aliança de Pós-Graduação – Competências para o Futuro”, aprovado com financiamento no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Os cursos são de curta duração e não conferentes de grau, contudo, são creditados e abrangem oitos áreas distintas de conhecimento. Os programas serão lançados gradualmente, até 2026, num total de 2.730 vagas. As vagas para as primeiras pós-graduações já se encontram abertas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Padeiro fica em estado grave após “carrinha do pão” ser abalroada por outro veículo em Fafe

Publicado

em

Um homem de 40 anos que conduzia uma carrinha de distribuição de pão ficou gravemente ferido na madrugada desta quinta-feira, após uma colisão na Rua de Bouças, Fafe, avança o Grupo Santiago.

Tudo terá acontecido quando a carrinha de distribuição de pão foi abalroada pela outra viatura, enquanto estava parada para fazer uma entrega.

A vítima foi transportada para o Hospital de S. João no Porto.

O condutor do outro veículo, de 36 anos, sofreu também ferimentos, embora ligeiros.

O alerta foi registado às 05:11.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Vários concelhos do Distrito de Braga sob perigo máximo de incêndio

Publicado

em

Cerca de 80 concelhos do interior Norte e Centro e norte Alentejo estão hoje em perigo máximo de incêndio rural, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com a informação disponível no ‘site’do IPMA, os concelhos que estão sob risco máximo localizam-se nos distritos de Bragança, Vila Real, Braga, Porto, Coimbra, Guarda, Viseu, Castelo Branco, Santarém e Portalegre.

O IPMA colocou também em risco muito elevado de incêndio rural cerca de 50 municípios dos distritos Viana do Castelo, Vila Real, Braga, Porto, Aveiro, Viseu, Coimbra, Leiria, Santarém, Castelo Branco, Portalegre e Faro.

O risco de incêndio, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Para hoje, as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera apontam para uma subida da temperatura máxima, nebulosidade no litoral oeste até ao fim da manhã, podendo persistir nalguns locais, e no interior a partir da tarde. O vento vai soprar fraco.

As temperaturas as mínimas vão oscilar entre os 14 graus Celsius (Beja, Sines e Setúbal) e os 22º em Bragança e as máximas entre os 23º (Viana do Castelo) 38º (Castelo Branco).

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Urgências de Obstetrícia do Hospital de Braga não devem voltar a fechar este ano

Publicado

em

O Hospital de Braga anunciou hoje que o Serviço de Urgência (SU) de Ginecologia e Obstetrícia se encontra “totalmente reestabelecido” e “sem qualquer previsão de encerramento num futuro próximo”.

Em comunicado enviado à Lusa, o hospital acrescenta que, desta forma, aquele SU “manter-se-á em pleno funcionamento, assegurando a prestação de cuidados de saúde de forma regular às grávidas e parturientes da região”.

“O Conselho de Administração congratula-se com este desfecho e enaltece a flexibilidade demonstrada pelos médicos do serviço durante o permanente diálogo, o qual foi fundamental para a resolução dos constrangimentos”, remata

Nos últimos dois meses, o SU de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Braga esteve encerrado uma dúzia de vezes, quase sempre por períodos de 24 horas, por impossibilidade de completar as escalas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Ex-aluna da Universidade do Minho cria pulseira que repele os mosquitos

Publicado

em

 Uma ex-aluna da Universidade do Minho (UMinho) criou uma pulseira odorífera “que leva os mosquitos a julgar que os humanos são plantas”, prevenindo assim picadas associadas a doenças como malária, dengue ou zika, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a UMinho refere que aquela tecnologia, chamada X-OCR e desenvolvida ao longo de cinco anos, está a ser alvo de patente e foi agora testada com 98% de sucesso em 300 pessoas no Brasil, prevendo-se para breve novo teste no Burkina Faso, com aval da Organização Mundial de Saúde.

A pulseira é produzida em Vila Verde, distrito de Braga, e começou a ser vendida este mês, em seis cores, em style-out.com e em farmácias do sul do país, mas o foco principal está nas regiões tropicais e subtropicais.

“Podemos ajudar a diminuir a mortalidade destas doenças e, quiçá, a erradicar a propagação, além de permitir poupanças aos sistemas nacionais de saúde”, admite, citada no documento, a investigadora Filipa Fernandes, autora da pulseira.

Citando estudos, notou que os mosquitos “custam” 410 milhões de euros por ano ao Governo do Brasil e a cada 30 segundos morre uma criança africana por malária.

“Mortes são casos extremos, mas importa contar ainda todos os doentes e os milhões de pessoas picadas”, sublinha.

Segundo a investigadora, cada pulseira tem um raio de ação de 60 centímetros e dura 30 dias.

“Só sentimos um leve aroma ao colocar a pulseira, ao contrário dos mosquitos, que até se podem aproximar e pousar em nós, mas não vão picar, pois desta vez julgam estar sobre uma planta e irão procurar alimento [sangue] noutros animais”, frisa.

Sublinha que a pulseira não danifica o ecossistema e também não é um repelente.

A pulseira é feita de silicone medicinal e, no interior, de cera com compostos e derivados de plantas, que, perante o calor corporal, liberta de forma controlada um odor que “confunde” os insetos.

As plantas utilizadas são citronela, neem e lavanda, a combinação que, segundo Filipa Fernandes, “se revelou mais eficaz para confundir” as espécies de mosquitos ‘Anopheles’ e ‘Aedes’, transmissoras de doenças como malária, zika, dengue, febre amarela e chikungunha.

Os ensaios em contexto real arrancaram no Ceará, nordeste do Brasil.

“Foi um sucesso e com inúmeros relatos de felicidade. Um jovem deu a sua pulseira à avó fragilizada para a proteger. Não é medicamento, mas claramente previne o contacto com mosquitos e doenças associadas e é uma esperança para quem vive nesses ambientes”, refere Filipa Fernandes.

Prevê-se novo ensaio na Unidade de Investigação Clínica de Nanoro, no Burkina Faso, com supervisão da Organização Mundial de Saúde, estando-se a aguardar financiamento da Fundação Bill & Melinda Gates.

Outro desafio é o dispositivo poder camuflar também os humanos perante as espécies ‘Culex’, transmissoras da febre do Nilo, entre outras doenças.

“Cada espécie de mosquito tem repulsa por plantas específicas, como quando gostamos ou não de um perfume, e estamos a apurar a equação certa neste caso”, diz ainda a investigadora.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Barcelos

PSP: Rebentamento de petardo faz 8 feridos durante jogo entre Braga e Sporting. Adepto de 33 anos detido

Publicado

em

A PSP procedeu à detenção de um cidadão com 33 anos, por rebentamento de um artigo pirotécnico (petardo), causando diversos ferimentos ligeiros a oito adeptos, este domingo, cerca das 19:30, no Estádio Municipal de Braga, no âmbito do policiamento desportivo entre as
equipas do SC Braga e o Sporting CP da Liga Portugal Bwin.

O detido foi notificado para comparecer no Tribunal Judicial da Comarca de Braga.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Urgências de obstetrícia do Hospital de Braga e mais dois encerradas até segunda-feira

Publicado

em

 As urgências de Ginecologia e Obstetrícia e os blocos de parto dos hospitais de Beja, Braga e Garcia de Orta, em Almada, estão hoje encerradas, sendo que neste último só reabrem na segunda-feira.

Além destes hospitais, outros dos distrito de Lisboa e Santarém vão sofrer constrangimentos durante o fim de semana, segundo a informação disponibilizada na plataforma do Serviço Nacional de Saúde que permite ver o horário destes serviços de urgência e blocos de partos, consultada pela agência Lusa às 12:00.

De acordo com a informação do portal do SNS, o serviço de urgência de ginecologia e obstetrícia e bloco de partos do Hospital Garcia de Orta, no distrito de Setúbal, encerraram às 08:00 de hoje e só voltam a reabrir na segunda-feira às 08:00.

O Hospital de Beja também encerrou hoje estes serviços até às 08:00 de sábado, voltando a fechá-los no domingo, a partir das 08:00.

o serviço de urgências e bloco de partos do Hospital de Braga estão hoje encerrados até às 20:00, voltando a fechar sábado às 20:00, de acordo com os dados disponibilizados, que não têm informação disponível para domingo.

Em Lisboa, o Hospital São Francisco Xavier terá o serviço de Urgência de Ginecologia e Obstetrícia e o bloco de partos encerrados entre as 21:00 de sábado e as 09:00 de domingo, e a Maternidade Alfredo da Costa fecha o bloco de partos no domingo, entre as 09:00 e as 21:00.

O Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, tem estes serviços encerrados às utentes entre as 20:00 de domingo e as 08:00 de segunda-feira, dia em que funcionam até às 20:00.

Igualmente no distrito de Lisboa, no Hospital de Vila Franca de Xira os constrangimentos são no bloco de partos que encerra no domingo às 09:00.

Já no Hospital de Santarém, o serviço de urgência encerra entre as 08:30 de sábado e as 08:30 de domingo, enquanto o bloco de partos encerrou hoje às 08:30, voltando a reabrir no domingo às 08:30.

O Hospital São Bernardo, em Setúbal, terá o serviço de urgência destas especialidades encerrado entre as 09:00 de sábado e as 09:00 de domingo, assim como o bloco de partos.

As urgências de ginecologia e obstetrícia e os blocos de parto têm registado condicionamentos nos últimos meses, uma situação que se repete um pouco por todo o país, por dificuldades em assegurar escalas por falta de especialistas.

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Lacerda Sales, garantiu recentemente que “ninguém ficará sem resposta” do Serviço Nacional de Saúde durante o mês de agosto, porque os hospitais funcionam em rede.

Para informar as grávidas destes constrangimentos foi criada esta plataforma no Portal do SNS sob proposta da Comissão de Acompanhamento da Resposta em Urgência de Ginecologia/Obstetrícia e Bloco de Partos.

Uma vez que a informação é dinâmica, os utentes são aconselhados a consultarem o motor de busca antes de se deslocarem a estes serviços de saúde.

O coordenador da Comissão de Acompanhamento, Diogo Ayres de Campos, disse que esta medida tem como objetivos “evitar que haja situações de risco neste verão”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Homem pega fogo à própria casa em Fafe após disputa familiar

Publicado

em

 A Polícia Judiciária (PJ), com a colaboração da GNR, deteve, fora de flagrante delito, o presumível autor de um incêndio numa habitação ocorrido na quarta-feira, numa freguesia de Fafe, no distrito de Braga, informou hoje a autoridade.

O detido, de 58 anos de idade, sem ocupação laboral, segundo a PJ, “atuou num quadro de instabilidade emocional e de adição de bebidas alcoólicas, presumivelmente motivado por sentimentos de raiva. Terá ateado fogo à habitação onde residia, com recurso a chama direta”.

Com tal conduta, refere-se num comunicado enviado à Lusa, o suspeito “provocou a destruição parcial do imóvel” e “não fosse o rápido alerta por populares e a pronta intervenção dos bombeiros o incêndio teria consumido todo o edificado”.

Atendendo às condições meteorológicas que se verificavam na altura, conjugadas com as características do local, um meio rural com várias habitações próximas, acentua a autoridade policial, “foi criado um perigo concreto para terceiros e para outros bens patrimoniais de valor elevado”.

Logo que a ocorrência do incêndio foi comunicada à PJ, “foram de imediato realizadas no local várias diligências de investigação, que permitiram a recolha de substanciais elementos de prova e que levaram à detenção.

O arguido será presente à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Homem de 70 anos perde a vida após colisão em Esposende. Netos e esposa ficaram feridos

Publicado

em

Um homem com cerca de 70 anos perdeu a vida, na manhã desta quarta-feira, na sequência de uma colisão entre dois veículos ligeiros, na freguesia de Antas, em Esposende, avança o jornal E24.

Três outras pessoas, uma mulher de 66 anos e duas crianças, de 11 e 7 anos, esposa e netos da vítima, ficaram feridas e foram transportadas para o Hospital de Braga.

A vítima mortal necessitou de esforços de desencarceramento para ser retirado da viatura acidentada.

O alerta foi registado às 10:30.

Foto: E24/DR

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Braga

Homem ameaça elementos da PSP com uma tesoura em Braga

Publicado

em

Um homem de 45 anos foi detido, esta sexta-feira, depois de ter ameaçado elementos da PSP com uma tesoura, no decorrer de uma intervenção policial em Braga.

O detido foi presente no Tribunal Judicial de Barcelos.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

pub

Artigos Recentes

Economiahá 2 horas

Na Brasa – Hamburgueria Artesanal

Abriu em Famalicão e espera por si com originais hambúrgueres confecionados na grelha cúmplices dos sabores diferenciados chegados do Brasil....

Desportohá 2 horas

Famalicão: Inscrições abertas para o Trail Mosteiro de Arnoso

O Trail Mosteiro de Arnoso, organizado pela associação Quebraritmo, de Arnoso Santa Eulália, está agendado para o dia 9 de...

Paíshá 4 horas

Porto: Condutor em fuga à PSP atropela homem na Avenida da Boavista

Na manhã desta quinta-feira, um condutor entrou em contramão na Avenida da Boavista, o que resultou no atropelamento de um...

Desportohá 4 horas

Famalicão: Inscrições abertas para a 6ª corrida Esmeriz/Cabeçudos

A sexta edição da corrida Esmeriz/Cabeçudos está agendada para o dia 10 de setembro. O início da prova está agendado...

Famalicãohá 4 horas

Famalicão: Sr. dos Perdões agendado para o último fim de semana de agosto

As festas em honra do Sr. dos Perdões, em Ribeirão, decorrem ao longo do último fim de semana de agosto,...

Paíshá 7 horas

Condução sob efeito de álcool supera valores pré-pandemia

Nos primeiros seis meses de 2022, registaram-se quase 20 mil infrações rodoviárias. Um número que supera significativamente os valores pré-pandemia....

Regiãohá 7 horas

Vila do Conde: Feira de Gastronomia instalada até dia 28

Regressou, esta quinta-feira, a Vila do Conde, a Feira de Gastronomia, que ficará instalada até ao dia 28 de agosto....

Desportohá 9 horas

Famalicão: Mafalda Guedes vence torneio sénior de ténis em Aveiro

A famalicense Mafalda Guedes, atleta da Escola de Ténis da Maia, foi a vencedora do torneio sénior da Federação Portuguesa...

Paíshá 9 horas

Época balnear já conta com 17 banhistas afogados

Desde o início da época balnear até esta quarta-feira já morreram 17 banhistas afogados nas praias portuguesas, um número que...

Desportohá 9 horas

Pablo Pichardo é campeão europeu em triplo salto

Pedro Pablo Pichardo subiu ao pódio nos Europeus de atletismo, que estão a decorrer em Munique, tornando-se campeão europeu em...

Jornal

Rádio

Arquivo

FAMA NAS REDES