Siga-nos nas redes

Economia

Grande parte das empresas considera medidas para combate à crise “insuficientes”

Publicado

em

Quarenta e nove por cento das empresas considerou insuficientes as medidas do Governo no combate à crise provocada pela pandemia, demonstra um inquérito apresentado hoje pela CIP – Confederação Empresarial de Portugal (CIP).

O inquérito é o décimo feito no âmbito do “Projeto Sinais Vitais”, desenvolvido pela CIP em parceria com o Marketing FutureCast Lab do ISCTE, que abrangeu 513 empresas, a maioria micro e pequenas empresas.

Segundo o documento, as novas medidas para combater a pandemia são consideradas insuficientes por 49% dos empresários inquiridos, com 27% a considerarem-nas adequadas e 24% demasiado restritivas.

Em causa estão as medidas anunciadas até à realização do inquérito, que se realizou entre 06 e 11 de novembro, pelo que “não estarão refletidas na totalidade as restrições ao abrigo do novo estado de emergência” que entrou em vigor no dia 09, explicou Pedro Esteves, professor do ICSTE e um dos responsáveis técnicos pelo estudo.

Isto significa que as perspetivas dos empresários deverão piorar nos próximos tempos devido às novas restrições, acrescentou.

De acordo com o inquérito, 68% das empresas preveem uma queda do volume de vendas em média de 40% nos últimos dois meses de 2020 face ao período homólogo, enquanto apenas 10% preveem um crescimento de 20% em média.

“Estes valores pioraram este mês”, já que no mês anterior 60% das empresas previam uma diminuição de vendas, sublinha a CIP.

Também as expectativas quanto à evolução dos recursos humanos nos últimos dois meses do ano agravaram-se, com 21% das empresas a anteverem diminuir o número de trabalhadores (em média de 24% do número de efetivos), contra 17% no mês anterior.

Por outro lado, 75% das empresas esperam manter o número de trabalhadores até final do ano e 4% antecipam um aumento de 15%, em média.

Também a expectativa quanto ao investimento piorou face ao mês anterior, com 46% dos empresários a preverem uma redução face a 2019, em média de 53%.

No mês anterior, a percentagem de empresas a pensar diminuir o investimento era de 39%.

Quanto ao barómetro, os dados mostram que a opinião das empresas sobre os apoios do Estado piorou, com 83% das empresas a afirmarem que estão “aquém ou muito aquém” do que necessitam, contra 77% no mês anterior.

“Quatro em cada cinco empresários consideram que as medidas de combate à crise económica estão aquém ou muito aquém do necessário, o que tem sido recorrente ao longo dos meses e que é muito preocupante”, salientou o vice-presidente da CIP, Óscar Gaspar, realçando que o inquérito foi feito já depois de ser conhecida a proposta de Orçamento do Estado para 2021.

“O Orçamento do Estado não é suficiente para resolver uma série de questões das empresas”, acrescentou Óscar Gaspar.

Segundo o barómetro, 61% das empresas indicam que as vendas caíram em outubro face ao mesmo mês de 2019 (em média 39%), enquanto 27% mantiveram as vendas e 12% aumentaram (em média 25%).

Por outro lado, a pandemia levou a uma abertura a novos clientes, com 36% das empresas a registaram vendas a novos clientes em outubro face ao período homólogo.

Os novos clientes representam, em média, 15% das vendas de outubro, indica o documento.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Famalicãohá 4 horas

Famalicão: ASAE encerra entreposto após apreender toneladas de produtos alimentares

A Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica (ASAE) encerrou dois armazéns de produtores alimentares em Vila Nova de Famalicão...

Paíshá 5 horas

Queixas de criminalidade na internet aumentaram 182% em 2020

As queixas apresentadas na Procuradoria-Geral da República (PGR) relacionadas com a cibercriminalidade aumentaram em 2020 182% face a 2019, revelou...

Desportohá 5 horas

Pedro Almeida e Hugo Magalhães garantem 3.º lugar no Rallye Vosges Grand Est em França

O terceiro lugar do pódio e a vitória numa das classificativas foi o balanço da estreia de e Pedro Almeida...

Bragahá 6 horas

GNR apreende “arsenal” de armas em caso de violência doméstica em Fafe

A GNR de Fafe e o Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Guimarães, identificaram, esta...

Paíshá 6 horas

Covid-19: Restauração e hotelaria exigem “regras específicas” para casamentos e batizados

A associação do setor da hotelaria e restauração alertou hoje para a urgência de existirem “regras específicas” para os casamentos,...

Famalicãohá 6 horas

Agrupamento de Escolas de Ribeirão vence Concurso das Cascatas Antoninas 2021

O Agrupamento de Escolas de Ribeirão foi o vencedor do Concurso das Cascatas Antoninas 2021. Tentando retratar da melhor forma...

Famalicãohá 6 horas

Agrupamento de escuteiros de Esmeriz ganha nova sede nas antigas instalações da Junta de Freguesia

O Agrupamento de escuteiros 330 S. Pedro de Esmeriz irá passar a utilizar o terreno e antiga sede da Junta...

Famalicãohá 6 horas

Famalicão: CDU reúne-se com as corporações de bombeiros do concelho reivindicando melhores condições

Ao longo da última semana, uma delegação da Coligação Democrática Unitária (CDU) constituída por Miguel Lopes, candidato à Câmara Municipal...

Paíshá 8 horas

Dadores de sangue reivindicam dispensa de serviço no dia da dádiva

Os dadores de sangue devem voltar a ter direito à dispensa laboral no dia da dádiva, reivindicou hoje a federação...

Paíshá 8 horas

Covid-19: Portugal sem óbitos regista 625 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 625 novos casos de infeção, num dia em que não foram registados quaisquer óbitos causados pela...

Desportohá 9 horas

Futebol: I Liga regressa a 07 de agosto

A I Liga de futebol da época 2021/22 arranca no fim de semana de 07/08 agosto e termina no de...

Desportohá 9 horas

RAHC disputa Taça World Skate Europe no próximo fim de semana de 18 a 20 junho

O Riba d’Ave Hóquei Clube (RAHC) estreia-se no próximo fim de semana, de 18 e 20 de junho, em provas...

Bragahá 9 horas

Gerês passa a contar com dois Postos de Emergência Médica do INEM

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) vai reforçar o dispositivo de emergência médica nacional entre junho e setembro com...

Famalicãohá 11 horas

PS Famalicão constrói programa eleitoral com opiniões dos munícipes

A candidatura autárquica do Partido Socialista (PS) de Famalicão colocou online, no último sábado, o seu website, acessível em eduardoliveira21.pt....

Paíshá 11 horas

Certificado digital covid-19 já chegou para que se possa “viajar em liberdade e em segurança”

O primeiro-ministro, António Costa, considerou hoje que o certificado covid-19 da União Europeia (UE) para facilitar a circulação cria uma...

Desportohá 11 horas

ARTIS de Famalicão arrecada 11 medalhas em Concurso Internacional de Bailado

A ARTIS, Academia de Bailado de Vila Nova de Famalicão congratula os seus alunos pelos títulos alcançados no CIB –...

Desportohá 12 horas

FC Famalicão: Ivo Vieira pede retorno de Ofori ao plantel após empréstimo ao Arouca

O treinador do FC Famalicão, Ivo Vieira, optou pela manutenção de Lawrence Ofori no plantel do clube para a próxima...

Famalicãohá 12 horas

Jovem natural de Ribeirão falecido por afogamento no Gerês será sepultado esta terça-feira

João André Costa Couto, o jovem residente em Candeeira, na freguesia de Ribeirão, que na última quinta-feira faleceu após se...

Famalicãohá 12 horas

Alerta: Famalicão sob aviso amarelo com a previsão de granizo, chuva e trovoada

Dez distritos de Portugal continental vão estar a partir das 12:00 de hoje sob aviso amarelo devido à previsão de...

Paíshá 12 horas

Teletrabalho deixa de ser obrigatório a partir de hoje

O teletrabalho deixa de ser obrigatório a partir de hoje, passando a ser recomendado na generalidade do território de Portugal...

Arquivo

FAMA NAS REDES

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191