Siga-nos nas redes

Mundo

Situação caótica nos hospitais portugueses já chegou à CNN

Publicado

em

A situação caótica vivida nos hospitais portugueses chegou, mais uma vez, aos meios de comunicação internacionais.

Desta vez foi a CNN que, através de uma reportagem, deu a conhecer aos seus telespectadores a realidade portuguesa, classificando-a como um “tsunami” e atribui as culpas do aumento de casos ao relaxamento de medidas no Natal.

A reportagem do canal norte-americano põe em evidencia os hospitais sobrelotados, as filas de ambulâncias em frente ao Hospital Santa Maria e aborda a falta de profissionais de saúde.

A CNN retrata Portugal como o país com “maior número de mortes e maior número de casos diários de Covid-19 por milhão de habitantes” e afirma que  “os hospitais estão sobrecarregados e perto do limite” e os “profissionais de saúde estão exaustos”, aponta a repórter do canal.

Dulce Gonçalves, enfermeira-chefe, Nuno Côrte-Real, diretor-clínico, ambos do Hospital de Cascais, e ainda Gustavo Carona, médico intensivista e anestesista do Hospital Pedro Hispano, foram alguns dos entrevistados.

Veja abaixo a reportagem da CNN na íntegra …

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Mundo

O fim da covid-19: OMS admite fim da pandemia com a variante Ómicron

Publicado

em

Por

A variante Ómicron levou a pandemia de Covid-19 para uma fase diferente e pode encerrá-la na Europa, disse o diretor da OMS, no domingo.

“É plausível que a Europa esteja a caminhar para uma espécie de final de pandemia”, disse Hans Kluge à AFP em entrevista, acrescentando que o Ómicron pode infetar 60% dos europeus até março.

“Haverá por algumas semanas e meses uma imunidade global, seja graças à vacina ou porque as pessoas têm imunidade devido à infeção, e também diminuindo a sazonalidade”.

“Antecipamos que haverá um período de silêncio antes que o Covid-19 possa voltar no final do ano, mas não necessariamente a uma pandemia”, disse Kluge.

Uma das “autoridades” no estudo da covid-19 nos EUA, Anthony Fauci, expressou otimismo semelhante este domingo, quando disse ao programa de entrevistas da ABC News “This Week” que, com o número de casos de Covid-19 a reduzir “bastante acentuadamente” em partes dos Estados Unidos, “as coisas parecem boas”.

Embora advertindo contra o excesso de confiança, Fauci disse que, se a recente queda no número de casos em áreas como o nordeste dos EUA continuar, “acredito que vamos começa a ver uma reviravolta em todo o país”.

O escritório regional da OMS para a África também disse na semana passada que os casos de Covid caíram nessa região e as mortes estão a diminuir pela primeira vez desde que a quarta onda do vírus, dominada pela Ómicron, atingiu seu pico.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Cantora e compositora brasileira Elza Soares faleceu aos 91 anos

Publicado

em

Por

A cantora Elza Soares, ícone da música brasileira, morreu hoje à tarde, aos 91 anos, na cidade do Rio de Janeiro, divulgou a sua assessoria de imprensa.

“É com muita tristeza e pesar que informamos o falecimento da cantora e compositora Elza Soares, aos 91 anos, às 15 horas e 45 minutos em sua casa, no Rio de Janeiro, por causas naturais”, diz o comunicado enviado aos ‘media’ locais pela assessoria de comunicação da cantora.

“Ícone da música brasileira, considerada uma das maiores artistas do mundo, a cantora eleita como a Voz do Milénio teve uma vida apoteótica, intensa, que emocionou o mundo com sua voz, sua força e sua determinação”, acrescenta a mesma nota.

Considerada uma das maiores cantoras da música brasileira, Elza Soares começou a sua carreira no samba no final da década de 1950, lançou 34 discos, em que além do género mais popular da cultura brasileira, também cantou outros ritmos como jazz, hip hop, e até mesmo música eletrónica.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

“Rockeiro” e ator americano Meat Loaf morreu aos 74 anos

Publicado

em

Por

 O cantor e ator norte-americano Meat Loaf, autor da música “Bat out of Hell”, morreu na quinta-feira aos 74 anos, segundo um comunicado publicado hoje na sua página da rede social Facebook.

“É com o coração partido que anunciamos que o incomparável Meat Loaf partiu esta noite, com a esposa Deborah ao seu lado”, é referido na mensagem.

Além da carreira de sucesso no rock, em que chegou a vender mais de 43 milhões de cópias num dos seus álbuns (“Bat Out Of Hell”), Meat Loaf, nome artístico de Marvin Lee Aday, teve também destaque em programas de televisão, em filmes como “Fight Club”, de David Fincher (1999), e em comédias musicais como “Rocky Horror Picture Show” (1975).

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Componentes da canábis impedem covid-19 de infetar células saudáveis -Estudo

Publicado

em

Por

Duas componentes presentes na canábis impediram que o vírus que causa a covid-19 penetrasse nas células humanas saudáveis, de acordo com um estudo laboratorial, publicado no Journal of Nature Products, que agora está a ser divulgado em todo o mundo.

Estes dois componentes, encontrados no cânhamo – chamados de ácido canabigerólico, ou CBGA, e ácido canabidiólico, ou CBDA – foram identificados, durante um processo de triagem química, como tendo potencial para combater o coronavírus, disseram investigadores da Oregon State University.

Estes testaram o efeito dos componentes contra variantes alfa e beta do vírus em laboratório.

O estudo não envolveu dar os suplementos às pessoas ou comparar as taxas de infeção entre aqueles que usam os compostos e aqueles que não usam.

O cânhamo é uma fonte de fibra, alimento e ração animal, e os extratos são comumente adicionados a cosméticos, loções corporais, suplementos dietéticos e alimentos.

“Esses componentes podem ser tomados por via oral e têm uma longa história de uso seguro em humanos”, disse Richard van Breemen, pesquisador do Centro Global de Inovação em Cânhamo do Estado de Oregon.

“Eles têm o potencial de prevenir e tratar a infeção por SARS-CoV-2”, disse o mesmo.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Funcionários não vacinados da Nike serão despedidos a 15 de janeiro. Batalha legal é provável

Publicado

em

Por

A Nike irá terminar os contratos dos funcionários não vacinados, a partir deste fim de semana, de acordo com um relatório publicado pelo The Oregonian, que afirma que os funcionários que não cumpriram a “ordem” de vacinação imposta pela empresa serão demitidos a 15 de janeiro.⁠

Esta data foi o prazo estabelecido pela empresa, em outubro de 2021, quando introduziu um mandato de vacina que exigia que os funcionários fossem vacinados ou mostrassem prova de isenção médica ou religiosa.⁠

De acordo com o relatório, um e-mail foi enviado aos funcionários da Nike na semana passada.

Este e-mail supostamente diz: “Você não conseguiu concluir o processo de verificação e os nossos registos mostram que você não possui uma (isenção) aprovada. Como resultado, não estará em conformidade com a política estabelecida e o seu contrato de trabalho está programado para ser rescindido no sábado, 15 de janeiro de 2022.”⁠

Como uma empresa privada, acredita-se que a Nike seja capaz de implementar estes mandatos de forma mais eficaz do que o governo americano, embora seja altamente provável que a empresa encontre resistência legal.⁠

Curiosamente, um dos atletas de contratados pela divisão Nike Basketball, é Kyrie Irving, famoso por não ser vacinado.

Irving, que foi impedido pela primeira vez das atividades dos Brooklyn Nets, que representa, só está a jogar fora de casa devido à diferença de políticas implementadas na cidade de Nova York.

Como um dos rostos da Nike Basketball e autor de uma das sapatilhas de assinatura mais populares da marca, resta saber como a Nike lida com sua parceria com o jogador.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Espanha quer parar de contar infeções diárias e tratar covid-19 como a gripe

Publicado

em

Por

A Espanha prepara-se para adotar um novo pacote de procedimentos em relação à covid-19, bastante semelhantes aos usados no tratamento da gripe, denominado como sistema “Sentinela”.

Especificamente, estão contemplados o fim da contagem de infeções diárias, assim como o fim da realização de teste diante do menor sintoma ou de um contacto de risco, de acordo com o jornal El País.

Tudo isto pode agora acontecer, já que a taxa de vacinados e a gravidade reduzida dos sintomas da variante Ómicron, assim o permitem.

Neste sistema “Sentinela”, médicos e hospitais irão colaborar na criação de uma amostra populacional estatisticamente viável, e assim controlar a propagação do vírus e a gravidade das infeções.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Homem de 57 anos recebeu o 1.º transplante de coração de um porco e já está a recuperar

Publicado

em

Por

Uma equipa médica norte-americana transplantou um coração de porco num paciente – numa tentativa derradeira para salvar a sua vida – que se encontra em condição estável, três dias após esta cirurgia inédita.

Embora seja muito cedo para aferir se a operação terá sucesso, a iniciativa marca um passo na tentativa de décadas para conseguir usar órgãos de animais em transplantes que salvam vidas humanas.

A equipa do Centro Médico da Universidade de Maryland disse que o transplante provou que um coração de um animal geneticamente modificado pode funcionar no corpo humano, sem rejeição imediata.

O doente, David Bennett, de 57 anos, sabia que não havia garantias de que a experiência médica resultaria, mas estava em estado terminal, sendo inelegível para um transplante de coração humano e não tinha outra opção, disse o filho.

“Era morrer ou fazer este transplante. Eu quero viver. Eu sei que é um tiro no escuro, mas é a minha última hipótese”, disse Bennett, um dia antes da cirurgia, de acordo com um comunicado da Faculdade de Medicina da Universidade de Maryland.

Na segunda-feira, três dias após a cirurgia, Bennett estava a respirar autonomamente, enquanto ainda estava conectado a uma máquina de auxílio cardíaco.

As próximas semanas serão críticas, enquanto Bennett recupera da cirurgia e os médicos monitorizam cuidadosamente o seu coração.

Há uma enorme escassez de órgãos humanos doados para transplante, o que levou os cientistas a tentar descobrir como usar órgãos de animais.

No ano passado, houve pouco mais de 3.800 transplantes de coração nos EUA, um número recorde, de acordo com a agência que supervisiona o sistema de transplantes do país.

“Se isto funcionar, haverá um suprimento infinito destes órgãos para pacientes que estão em sofrimento”, explicou Muhammad Mohiuddin, diretor científico do programa de transplante de animais para humanos da Universidade de Maryland.

Tentativas anteriores deste tipo de transplantes — xenotransplantes — falharam, em grande parte porque os corpos dos pacientes rejeitaram rapidamente o órgão animal.

Uma experiência com um bebé moribundo, em 1984, falhou ao fim de 21 dias de experiência com um coração de babuíno.

A diferença desta vez é que os cirurgiões de Maryland usaram um coração de um porco que passou por uma alteração genética para remover o açúcar nas suas células.

Várias empresas de biotecnologia estão a desenvolver órgãos de porco para transplante humano.

A agência norte-americana de supervisão na área da Saúde Food and Drug Administration (FDA), permitiu a cirurgia sob o a classificação de autorização de emergência “por compaixão”, aplicável quando um paciente com uma condição de risco de vida não tem outras opções.

Em setembro passado, investigadores em Nova Iorque realizaram uma experiência nesta área médica, concluindo que este tipo de porcos pode ser promissor nos transplantes de animais para humanos.

A cirurgia, realizada na passada sexta-feira, demorou sete horas.

Bartley Griffith, o médico que realizou a operação, disse que a condição do paciente – insuficiência cardíaca e batimentos cardíacos irregulares – o tornava inelegível para um transplante de coração humano.

Griffith já tinha transplantado corações de porco em cerca de 50 babuínos ao longo de cinco anos, antes de oferecer esta opção a Bennett.

As válvulas cardíacas de porco também têm sido usadas com sucesso há décadas em humanos, e o filho de Bennett disse que o seu pai recebeu uma, há cerca de 10 anos.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Mãe apanhada por câmaras de vigilância a atirar bebé recém-nascido para o lixo

Publicado

em

Por

Uma mãe adolescente foi presa e acusada de tentativa de assassinato e abuso infantil, no estado do Novo México, nos Estados Unidos, depois ter sido capturada por câmaras de vigilância a atirar o seu bebé recém-nascido para um contentor de lixo.

Alexis Avila, de 18 anos, confessou ter dado à luz a criança noutro local, antes das cenas captadas em vídeo.

O bebé foi encontrado seis horas depois por um grupo de pessoas que “escavam” diariamente em contentores à procura de alimentos e objetos, perto da fronteira com o Texas.

O vídeo foi fornecido pelo Departamento de Polícia da cidade de Hobbs e mostra Alexis Avila, de 18 anos, a abandonar seu bebé recém-nascido.

VÍDEO:

Avila foi acusada de tentativa de homicídio e abuso infantil.

O chefe de polícia do Departamento de Polícia de Hobbs, August Fons, disse que o bebê foi encontrado por dois homens e duas mulheres, que cuidaram da criança e chamaram a polícia.

A resposta rápida destes “bons samaritanos” salvou seguramente a vida da criança, segundo a polícia.

Alexis disse às autoridades que não sabia que estava grávida até 6 de janeiro.

“Ela explicou que na sexta-feira, 7 de janeiro, estava com dor de estômago e deu à luz inesperadamente”,.

“Ela explicou ainda que entrou em pânico, não sabia o que fazer ou para quem ligar. Ela disse que cortou o cordão umbilical, enrolou o bebê em uma toalha e colocou o bebê em um saco de lixo branco, contendo um pouco de lixo e depois dentro de um saco de lixo maior.”

Mais tarde, o vídeo mostra pessoas vasculhando a lixeira e encontrando a criança dentro.

Joe Imbriale, proprietário da Rig Outfitters and Home Store, que vive na área há 10 anos disse à Sky News que, quando a polícia inicialmente o chamou e pediu para ver as imagens de vigilância, ele pensou que teria havido um assalto.

“Quando me disseram, comecei a chorar”, explica.

Joe acrescentou que estava “muito frio”, naquela noite e que a comunidade está chocada com o incidente.

“Isto foi intervenção divina, ninguém consegue explicar como é que o bebé sobreviveu”, sublinha.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

Jovens que não dormem o suficiente consomem mais dois quilos de açúcar ao longo do ano letivo.

Publicado

em

Por

Um recente estudo da Universidade Brigham Young, nos Estados Unidos, vem revelar que os adolescentes que dormem horas insuficientes todas as noites apresentam uma maior probabilidade de fazer más escolhas alimentares ao longo do dia, podendo isso resultar num maior ganho de peso e doenças associadas ao excesso de peso.

De acordo com o estudo, publicado na revista Sleep, os adolescentes que não dormem horas suficientes comem mais alimentos que fazem aumentar rapidamente os níveis de açúcar no sangue, como hidratos de carbono simples, alimentos processados e bebidas açucaradas. A vontade por consumir este tipo de alimentos acontece ao final do dia, pelas 21:00.

Para o estudo, os cientistas analisaram o impacto de horas de sono, tendo dividido 93 adolescentes em dois grupos: um em que apenas dormiram seis horas e meia por noite (tempo insuficiente tendo em conta a faixa etária) e outro em que dormiram nove horas e meia por noite (tempo adequado) ao longo de uma semana. O aporte calórico diário ingerido, o tipo de macronutrientes e o indíce glicémico dos alimentos consumidos foram também analisados.

Depois de cruzarem os dados obtidos e de fazerem estimativas para as consequências a longo prazo, os cientistas detetaram que dormir horas insuficientes leva a um consumo de mais 12 gramas de açúcar por dia. Ao longo do ano letivo, esta relação entre sono e alimentação pode resultar em mais de dois quilos de açúcar.

Os cientistas concluíram ainda que os jovens que não dormem o suficiente tendem a comer menos frutas e vegetais ao longo do dia, acabando por ter uma alimentação pouco equilibrada.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Mundo

França deteta nova variante da covid-19. Chama-se “ihu” e tem mais mutações que a Ómicron

Publicado

em

Por

As autoridades de saúde francesas identificaram uma nova variante do coronavírus que causa a covid-19, que tem mais de 40 mutações genéticas, sendo que uma delas está associada a um potencial aumento da transmissão do vírus.

Segundo investigadores do Instituto Hospitalar Universitário (IHU) de Marselha que fizeram a descoberta, a nova variante do SARS-CoV-2 tem 46 mutações, incluindo uma que está associada a um possível aumento de contágios, noticiou a agência de notícias Efe.

A variante, da qual pouco ainda se sabe, foi batizada pelos cientistas com as iniciais do instituto, IHU, e deriva de uma outra, a B.1.640, detetada em finais de setembro de 2021 na República do Congo e atualmente sob vigilância da Organização Mundial da Saúde.

Em França, os primeiros casos da nova variante, que tem a designação técnica B.1.640.2, foram detetados na localidade de Forcalquier, na região de Provença-Alpes-Costa Azul.

Na mesma região, mas em Marselha, uma dezena de casos surgiram associados a viagens aos Camarões, país que faz fronteira com a República do Congo.

O IHU de Marselha, especialista em doenças infecciosas, é dirigido pelo polémico médico Didier Raoult, que recebeu uma advertência da Ordem dos Médicos francesa por ter violado o código de ética ao promover o uso do antimalárico hidroxicloroquina como tratamento para a covid-19 sem provas da sua eficácia.

A covid-19 é uma doença respiratória causada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado há dois anos em Wuhan, cidade do centro da China, e que se disseminou rapidamente pelo mundo.

A variante ómicron, identificada em novembro, é a mais contagiosa de todas as variantes do coronavírus consideradas de preocupação, apresentando mais de 30 mutações genéticas na proteína da espícula, a “chave” que permite ao vírus entrar nas células humanas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Economiahá 4 horas

Combustíveis vão voltar a aumentar depois de nova subida no preço do petróleo. Barril já ultrapassa os 90 dólares

Uma recente subida no preço do barril de Brent (petróleo) faz prever mais aumentos no preço dos combustíveis, que continuam...

Famalicãohá 5 horas

Mercado Municipal de Famalicão nomeado para dois prémios de arquitetura

Depois de ter sido tema de um trabalho fotojornalístico na edição de janeiro da revista norte-americana “Architectural Record”, a Praça-Mercado...

Paíshá 6 horas

Atropelamento junto ao El Corte Inglês em Gaia tira a vida a homem de 71 anos

Um homem de 71 anos morreu, na tarde desta quinta-feira, atropelado na A44, em Vila Nova de Gaia, avança a...

Paíshá 6 horas

IPMA prevê agravamento da seca “muito provável” em Portugal continental

O Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) considerou esta quinta-feira que é “muito provável” que a seca meteorológica se...

Paíshá 7 horas

Covid-19: Aberto autoagendamento para maiores de 18 anos para dose de reforço

As pessoas com 18 ou mais anos podem, a partir de hoje, fazer o autoagendamento para a toma da dose...

Famalicãohá 7 horas

Famalicão: Riopele diversifica negócio para os segmentos militar e automóvel

A indústria automóvel e os segmentos profissional e militar são duas novas apostas da têxtil Riopele, que encara o setor...

Famalicãohá 8 horas

Famalicão: antiga Silma dá lugar a nova zona habitacional Vai nascer a poente da cidade de Famalicão uma nova zona...

Paíshá 8 horas

Sismo sentido na tarde desta quinta-feira “abalou” região Norte

A região Norte de Portugal sentiu, ao início da tarde desta quinta-feira (14:44), um sismo que Um sismo com magnitude...

Paíshá 8 horas

Já foi encontrada Iara: Desaparecida esta quarta-feira em Matosinhos

Já apareceu a jovem Iara, desaparecida em Matosinhos, na noite desta quarta-feira. Uma nota elaborada pela sua mãe e publicada...

Regiãohá 8 horas

Fica absolvido o casal acusado da morte de idoso que tinham aliciado para relações sexuais e roubo em Santo Tirso

Um casal acusado de aliciar um idoso para uma relação sexual para depois o roubar e agredir e que acabria...

Famalicãohá 9 horas

Trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Famalicão em greve

Os trabalhadores do lar S. João de Deus da Santa Casa da Misericórdia de Famalicão iniciaram, esta quinta-feira, uma greve...

Famalicãohá 9 horas

Obras da Estação Rodoviária de Famalicão sofrem novo atraso e ficam mais caras

As obras de reabilitação na Estação Rodoviária de Famalicão só deverão ficar concluídas dentro de quatro meses e vão ficar...

Paíshá 10 horas

Covid-19: Mais 41 mortos e 65.706 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 41 óbitos provocados pela pandemia e 65.706 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Paíshá 10 horas

Legislativas: CDS-PP quer “complemento social de pensão” para idosos

O presidente do CDS-PP defendeu hoje um “complemento social de pensão” para ajudar os idosos a aquecerem as suas casas...

Paíshá 11 horas

Covid-19: Testes rápidos de antigénio de uso profissional continuam gratuitos em fevereiro

Os testes rápidos de antigénio de uso profissional vão continuar a ser comparticipados no mês de fevereiro, tendo em conta...

Paíshá 11 horas

Idosa de 87 anos espera 12 horas para ser atendida em hospital de Gaia

Uma idosa de 87 anos esperou cerca de 12 horas para ser atendida no Hospital Eduardo Santos Silva, em Vila...

Paíshá 12 horas

Pequena Sofia precisa de uma operação urgente aos rins. Família pede ajuda na internet

Os pais de Sofia Martins de 7 anos levam a cabo uma campanha de angariação de fundos para uma cirurgia...

Paíshá 12 horas

Programa “Big Brother” domina pesquisa por “sondagens” no Google mesmo com as Legislativas “à porta”

Meros dias antes das Eleições Legislativas de 2022, assunto central das notícias e conversas das últimas semanas, vários internautas repararam...

Paíshá 13 horas

Luísa Bartolomeu e pastor belga “Maet” representam Portugal no o Campeonato do Mundo de Obediência Canina

A Campeã Nacional de Obediência Canina, Luísa Bartolomeu vai representar Portugal, entre 22 e 26 de junho, no Campeonato do...

Paíshá 14 horas

Covid-19: Médicos de família propõem 10 medidas para um combate à pandemia mais eficiente

 Os médicos de família apelaram hoje para uma revisão urgente da organização do combate à pandemia e a um reforço...

Arquivo

FAMA NAS REDES