Siga-nos nas redes

País

Candidatos de esquerda obtiveram o resultado mais baixo de sempre

Publicado

em

Os três candidatos de esquerda, Ana Gomes, João Ferreira e Marisa Matias, tiveram globalmente no domingo o resultado mais baixo de sempre em presidenciais, indiciando que Marcelo Rebelo de Sousa captou largamente o eleitorado de centro-esquerda.

No ato eleitoral de domingo, a socialista Ana Gomes ficou com cerca de 13%, o dirigente comunista João Ferreira com 4,27% e a eurodeputada do Bloco de Esquerda Marisa Matias com 3,95%. Há cinco anos os candidatos de esquerda obtiveram em conjunto 41,19%, então, já aí, o pior resultado desde as primeiras eleições presidenciais de 1976.

Nessas eleições presidenciais de 2016, surgiram duas candidaturas na área do PS, a do antigo reitor da Universidade de Lisboa Sampaio da Nóvoa, que alcançou 22,88% com mais de um milhão de votos, e a da antiga ministra Maria de Belém que teve 4,24%. O resultado de conjunto dos dois candidatos na área socialista, na ordem dos 27%, ficou bem acima daquele que agora foi obtido por Ana Gomes.

Das presidenciais de 2016 para 2021, a bloquista Marisa Matias perdeu mais de 300 mil votos, enquanto o dirigente do PCP João Ferreira ficou ligeiramente acima em termos percentuais do comunista Edgar Silva.

Mas o resultado dos três candidatos presidenciais de esquerda é ainda significativamente mais baixo se comparado com a dimensão popular dos partidos que pretenderam representar neste ato eleitoral.

Nas eleições legislativas de outubro de 2019, PS venceu com 36,34% (1.908.036 votos), o PAN teve 3,32% (174.511 votos) e o Livre 1,09% (57.172 votos), sendo que estes dois últimos partidos apoiaram formalmente a candidatura presidencial da diplomata e ex-eurodeputada socialista.

Ainda em relação às legislativas de outubro de 2019, o Bloco de Esquerda chegou aos 9,52%, com meio milhão de votos, e a CDU 6,33% (332.473 votos).

Os resultados destas eleições presidenciais indiciam por isso, em primeiro lugar, que uma larga maioria dos eleitores do PS votou pela reeleição do Presidente da República. Uma circunstância à qual não será estranha o facto de o secretário-geral do PS e primeiro-ministro, António Costa, assim como figuras socialistas como Ferro Rodrigues ou Augusto Santos Silva, terem sido incisivos nos elogios ao primeiro mandato presidencial de Marcelo Rebelo de Sousa.

Marcelo Rebelo de Sousa teve mesmo o apoio formal de socialistas como o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, dos ex-ministros Vieira da Silva e Adalberto Campos Fernandes, de vários autarcas de peso, casos de Manuel Machado (Coimbra) e Eduardo Vítor Rodrigues (Porto), e do membro da Comissão Política do PS Álvaro Beleza.

Ana Gomes, dentro do PS, teve consigo o apoio de figuras históricas como Manuel Alegre, João Cravinho ou Vera Jardim, e também as chamadas “franjas” do partido: na ala direita, o antigo líder parlamentar Francisco Assis; na ala esquerda o ministro Pedro Nuno Santos e o líder da Federação da Área Urbana de Lisboa e secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro.

Além dos indicadores que revelam que o eleitorado de centro esquerda optou maioritariamente por Marcelo Rebelo de Sousa, houve também perdas relevantes por parte da bloquista Marisa Matias. Perdas que poderão ter beneficiado em parte a socialista Ana Gomes e que acontecem um mês e meio depois de o Bloco de Esquerda ter votado contra no Parlamento a proposta do Governo de Orçamento do Estado para 2021, que foi viabilizado pelo PCP, PAN e PEV.

Observando a evolução política do Bloco de Esquerda desde 1999, outra quebra relevante aconteceu em 2011, com o fim do segundo executivo do PS de José Sócrates e na sequência de eleições legislativas antecipadas em que o PSD de Pedro Passos Coelho venceu e formou depois maioria de Governo com o CDS-PP de Paulo Portas.

Em relação à área do PCP, apesar de a campanha eleitoral feita pelo eurodeputado João Ferreira ter sido elogiada na esquerda política, sobretudo nos meios socialistas, o resultado ficou longe dos 7,4% de Francisco Lopes em 2011 ou dos 8,59% de Jerónimo de Sousa em 2006.

No PCP, tem-se registado uma perda eleitoral desde 2015 em legislativas e também em autárquicas, sobretudo nas de 2017, em que os comunistas perderam câmaras municipais como Almada, Barreiro ou Alcochete na Área Metropolitana de Lisboa.

Os analistas dividem-se se as mais recentes quedas do PCP em termos de votos são um resultado direto da viabilização dos governos de António Costa no parlamento, ou se, pelo contrário, apresentam uma causa mais estrutural e que estará ligada ao envelhecimento do seu eleitorado.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Desportohá 2 horas

Associação Portuguesa de Defesa do Adepto critica decisões do Governo sobre a presença de público nos estádios

As decisões do Governo sobre a presença de adeptos nos estádios de futebol durante a pandemia de covid-19 são “para...

Paíshá 2 horas

COVID-19: Efeito de cada vacina está a ser monitorizado pelo INSA

 A efetividade das vacinas contra a covid-19 em Portugal está a ser monitorizada através de seis estudos coordenados pelo Instituto...

Famalicãohá 5 horas

Famalicão: Lions Clube oferece livros brinquedos e jogos ao Centro Social da Paróquia de Esmeriz

O Lions Clube de Famalicão entregou, este domingo, ao Centro Social da Paróquia de Esmeriz, livros, brinquedos e jogos, no...

Famalicãohá 6 horas

Famalicão: Deputada do PAN acusa suinicultora de Fradelos de pôr em causa saúde pública

A deputada do PAN (Pessoas-Animais-Natureza) Bebiana Cunha criticou hoje o funcionamento de uma suinicultora em Fradelos, Vila Nova de Famalicão,...

Famalicãohá 6 horas

Escola profissional CENFIM irá dar formação em Famalicão a partir de setembro

O Centro de Formação Profissional da Indústria Metalúrgica e Metalomecânica, da Trofa, CENFIM, irá, a partir de setembro deste ano,...

Famalicãohá 7 horas

Castelões inaugura cemitério ampliado este domingo com a presença de Paulo Cunha

A Junta de Freguesia de Castelões, divulgou, esta segunda-feira, nas redes socias, o convite para a cerimónia de inauguração do...

Paíshá 8 horas

Covid-19: Índice de transmissibilidade (Rt) volta a subir em Portugal

O índice de transmissibilidade (Rt) do coronavírus SARS-Cov-2 em Portugal subiu hoje para 1, enquanto a incidência de casos de...

Paíshá 10 horas

Covid-19: Mais 2 mortos e 199 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 2 óbitos provocados pela pandemia e 199 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Desportohá 10 horas

Covid-19: 2.900 militares da GNR irão fiscalizar Rali de Portugal

A Guarda Nacional Republicana (GNR) anunciou hoje que vai destacar 2.900 militares para a operação de segurança do Rali de...

Famalicãohá 11 horas

Famalicão: Câmara Municipal promove desporto ao ar livre com iniciativa “Move-te”

Arrancou esta segunda-feira, 17 de maio, mais uma edição do Move-te, uma iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Famalicão, para...

Famalicãohá 11 horas

Coligação PDS-CDS apoia autarcas de Joane e de Castelões nas próximas eleições autárquicas

A Coligação “Mais Ação. Mais Famalicão”, que integra o PSD e do CDS/PP no processo para as autárquicas 2021, declarou, esta segunda-feira, o...

Barceloshá 12 horas

PSP “apanha” proprietário de bar em Barcelos que recebia bebidas furtadas em outros estabelecimentos

Na última sexta-feira , a PSP de Braga, através da Esquadra de Investigação Criminal de Barcelos, no âmbito de um...

Economiahá 12 horas

Gasóleo e gasolina mais caros a partir de hoje

Mais um vez o preço dos combustíveis volta a subir, esta segunda-feira, registando-se a 3.ª semana consecutiva em que se...

Desportohá 12 horas

I Liga: Bancadas dos estádios afinal vão continuar vazias até ao final do campeonato

Os jogos da 34.ª e última jornada da I Liga portuguesa de futebol vão ser disputados sem público, por decisão...

Economiahá 12 horas

Trabalhadores das cantinas e refeitórios estão hoje em greve por salários mais altos

Os trabalhadores das cantinas, refeitórios, fábricas de refeições e bares concessionados estão hoje em greve por aumentos salariais e pela...

Desportohá 12 horas

Basquetebol: FAC vence BC Barcelos por 52-50 em partida disputada até ao último minuto

A equipa sénior de basquetebol do Famalicense Atlético Clube, (FAC), venceu este domingo o BC Barcelos por 52-50, num jogo...

Famalicãohá 13 horas

Deputados do PSD acusam silêncio do Governo sobre nova ponte sobre o Rio Ave

O deputado famalicense do PSD, Jorge Paulo Oliveira, acompanhado dos deputados Alberto Fonseca, Sofia Matos e Márcia Passos, diz que “o...

Desportohá 13 horas

Ivo Vieira deixa mensagem de apoio ao Nacional: “Sei que não é fácil passar por um momento destes”

Depois de uma partida vencida por 3-0, que despromoveu o Nacional à II Liga, o treinador do FC Famalicão foi...

Famalicãohá 13 horas

Bruna Silva Famalicão interpretou I Will Survive no ‘All Together Now’ este domingo

Mais uma cantora Famalicense encanta o país com a sua participação no programa da TVI, All Together Now. Bruna Silva...

Paíshá 1 dia

Covid-19: ‘Task Force’ contabiliza mais 200 mil pessoas vacinadas só este fim de semana

A ´task force` que coordena o programa de vacinação contra a covid-19 prevê que este fim de semana venham a...

Arquivo

FAMA NAS REDES

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191