Siga-nos nas redes
“E-REDES”

País

Diretora-geral da Saúde justifica ausência de quase um mês das comunicações sociais

Publicado

em

Justificando a ausência com uma nova estratégia de comunicação, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, desvalorizou hoje o facto de não aparecer em público há quase um mês, durante o pior período da pandemia de covid-19.

“A diretora-geral da Saúde não precisa de aparecer; a diretora-geral da Saúde precisa de trabalhar. E esta foi uma fase, em que, do ponto de vista comunicacional, se tomaram outras opções. E eu continuo a trabalhar exatamente como sempre trabalhei”, disse.

“A comunicação já teve muitas formas de existência. Esta é apenas uma delas e, portanto, cá estou para trabalhar como sempre trabalhei em torno da vacinação” disse Graça Freitas que falava aos jornalistas na cerimónia que assinalou o arranque do rastreio ao cancro da mama, numa Unidade Móvel da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), junto ao Centro de Saúde de Alcochete, no distrito de Setúbal.

Questionada sobre a demissão do coordenador da ‘task force’ da campanha de vacinação, a diretora-geral da Saúde escusou-se a fazer comentários, mas fez questão de elogiar a carreira de Francisco Ramos.

“Foi uma decisão tomada pelo Dr. Francisco Ramos, num contexto que todos conhecemos. Não me compete comentar a sua saída da ‘task force’. Compete-me apenas aqui deixar uma palavra de homenagem a toda a carreira do Dr. Francisco Ramos”, disse Graça Freitas, que também desejou felicidades ao novo coordenador do plano de vacinação, almirante Henrique Gouveia e Melo.

Quanto ao plano de vacinação da covid-19, Graça Freitas disse que Portugal é “um estado desenvolvido”, que tem um Serviço Nacional de Saúde sólido, e que, mais uma vez, terá capacidade de se organizar para dar resposta a um grande desafio.

“Queria deixar aqui uma mensagem: [a vacinação] é uma esperança, é uma coisa positiva, de um modo geral está a correr bem. Não nos vamos apegar às coisas que correm menos bem para denegrir aquilo que está a acontecer e a correr bem”, afirmou a diretora-geral da Saúde.

“E quero aqui deixar bem claro uma coisa. De acordo com o número de vacinas que nós estamos a receber – nós só podemos vacinar com as vacinas que temos – estamos num ritmo muito bom. E quero também dizer aqui a todos os portugueses que, agora que estamos a entrar numa nova fase – a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) já teve unidades a vacinar esta semana e para a semana isto será generalizado -, que todos vão ser vacinados. Não podemos é ser vacinados todos no mesmo dia porque é impossível”, sublinhou.

Graça Freitas lembrou ainda que se está a iniciar a “vacinação dos mais velhos e de pessoas mais doentes” e assegurou que todos os portugueses vão ser convocados para serem vacinados.  

“Não serão todos chamados na primeira semana, nem na segunda, mas há mecanismos. Os utentes vão receber um SMS, que vem com o indicativo de 2424. Quando virem 2424 no SMS sabem que é uma convocatória para a vacinação”, disse.

Quanto às pessoas que não veem ou não estão atentas aos SMS, Graça Freitas lembra que há mecanismos alternativos para localizar as pessoas, seja por telefone, por carta ou através das autarquias e das forças de segurança.

“Portugal vacina há décadas. Milhões de pessoas são vacinadas todos os anos. Nós acabamos de fazer uma campanha da gripe que vacinou, em pouco mais de um mês e meio, dois milhões de pessoas. E mantemos o Programa Nacional de Vacinação a funcionar. Portanto, temos que confiar nas instituições, temos que confiar no planeamento, temos que confiar no que temos de positivo”, defendeu.

“Lapsos, erros, falhas incumprimentos, existem. Existem, mas vamos ver em que proporção e vamos ver como é que os conseguimos detetar e prevenir. Agora temos que olhar para o positivo. O positivo é que muito mais de 300 mil pessoas, mais propriamente de 360 mil pessoas, foram já vacinadas. E não foram vacinadas mais porque não chegaram mais vacinas e, como sabem, nós tivemos que aguardar vacinas para a segunda dose”, concluiu a diretora-geral da Saúde.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.269.346 mortos resultantes de mais de 104,3 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 13.257 pessoas dos 740.944 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 27 minutos

Centros de saúde com decréscimo de 75% de consultas Covid-19

Dados avançados hoje pelo jornal Público revelam que as consultas a utentes infetados Covid-19 sofreram um decréscimo de 75%, o...

Paíshá 1 hora

Covid-19: 33 mortes e 1071 novos casos

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Direção Geral de Saúde, registam-se, nas últimas 24 horas, 1071 novos casos confirmados...

Paíshá 1 hora

AstraZeneca pode começar a ser administrada a maiores de 65 anos

O chefe da Comissão Permanente para a Vacinação na Alemanha anunciou que vai alterar a recomendação que limitava o uso...

Paíshá 2 horas

GNR deteve 420 pessoas na última semana

No âmbito de operações de combate à criminalidade e de fiscalização rodoviária, a GNR deteve 420 pessoas na última semana....

Sociedadehá 3 horas

Nas últimas 24 horas, Açores não registou nenhum caso de Covid-19

O Arquipélago dos Açores já quase não regista casos de Covid-19. Aliás, esta sexta feira não houve nenhum caso confirmado,...

Regiãohá 3 horas

Fafe: Assalto à mão armada numa área de serviço na A7

Quatro homens encapuzados assaltaram, esta madrugada de sábado, pelas 5 da manhã, uma área de serviço da A7, em Fafe,...

Paíshá 4 horas

Covid-19: 140 pessoas impedidas de viajar a partir Porto, Lisboa e Faro

Entre 31 de janeiro e 25 de fevereiro, 140 pessoas foram impedidas de viajar pela PSP, revala o ministério da...

Famalicãohá 4 horas

Famalicão: Janeiro com 4742 desempregados. Mais 1330 que no ano anterior

O concelho de Famalicão registou no passado mês de janeiro um total de 4 742 desempregados inscritos no centro de...

Paíshá 5 horas

Preço dos combustíveis volta a subir esta segunda feira

Prevê-se que tanto o gasóleo como a gasolina aumentem 1 cêntimo por litro já a partir da próxima segunda feira....

Paíshá 5 horas

Porto: Incêndio esta madrugada deixa 11 pessoas sem casa

Onze pessoas ficaram desalojadas, esta madruga, num incêndio no Porto, mais concretamente na Rua Visconde de Setúbal, avança o Jornal...

Guimarãeshá 6 horas

Guimarães: Trânsito condicionado na variante de Creixomil

O trânsito na na variante de Creixomil, sentido nó da circular urbana (Hospital) – rotunda de Silvares, em Guimarães, estará...

Paíshá 6 horas

IHMT preocupado com produção clandestina de vacinas

Perante a iminente realidade da produção de vacinas no mercado clandestino com o objetivo de fazer face aos atrasos e...

Paíshá 7 horas

Óbitos por Covid-19 representam menos 25 mil anos de vida em Portugal

Um estudo levado a cabo pela Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP) verificou que a mortalidade prematura causada pela covid-19...

Paíshá 17 horas

António Costa alerta para “ilusão” de que “o pior já está totalmente ultrapassado”

O primeiro-ministro avisou hoje que se vive neste momento “uma fase perigosa” e de “ilusão” ao pensar-se que “o pior...

Paíshá 18 horas

Apostador português “saca” 2 milhões e meio no Euromilhões desta sexta-feira

Um apostador portugues venceu esta sexta-feira o 2.º prémio do Euromilhões, arrecadando quase 2 milhões e meio de euros, ao...

Paíshá 20 horas

Covid-19: Plano de desconfinamento será apresentado no dia 11 de março

O primeiro-ministro, António Costa, afirmou hoje que o Governo apresentará no dia 11 de março o plano de desconfinamento, adiantando...

Paíshá 20 horas

António Costa considera natural iniciar processo de desconfinamento pelas escolas

O primeiro-ministro, António Costa, considerou hoje natural que o desconfinamento comece pelas escolas, lembrando que Governo “resistiu o mais que...

Paíshá 22 horas

António Costa: “Não é o momento de aliviar o nível de confinamento”

O primeiro-ministro António Costa falou, esta sexta-feira aos portugueses, depois de aprovada ontem o alargamento do estado de emergência até...

Paíshá 22 horas

Covid-19: Descida generalizada das infeções confirmada pelo índice de transmissões de 0,68

O índice médio de transmissibilidade (Rt) do vírus SARS-CoV-2 está nos 0,68, mantendo a tendência decrescente de novos casos de...

Desportohá 23 horas

FC Famalicão: Silas espera “muitas ocasiões de golo” contra um Farense “ambicioso”

O treinador do Famalicão, Jorge Silas, disse hoje esperar uma equipa do Farense “ambiciosa” no jogo da 21.ª jornada da...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191