Siga-nos nas redes

País

Apoios extraordinários para a cultura já podem ser requisitados a partir desta quinta-feira

Publicado

em

Fonte do ministério da Cultura disse hoje que o formulário para requisição do apoio social extraordinário para os profissionais da Cultura, no valor único de 438,81 euros, estará disponível ‘online’ a partir de quinta-feira.

O apoio extraordinário aos artistas, autores, técnicos e outros profissionais da Cultura, no valor único de 438,81 euros, referente a um Indexante dos Apoios Sociais (IAS), destina-se a trabalhadores independentes, que tenham um código de atividade económica (CAE) ou de IRS (CIRS) no setor.

Este apoio insere-se nas medidas de resposta à crise provocada pelas restrições decretadas no âmbito da pandemia da covid-19, anunciadas em 14 de janeiro, pela ministra da Cultura, Graça Fonseca.

De acordo com a regulamentação destas medidas, publicada na segunda-feira em Diário da República, o apoio social extraordinário será atribuído “por ordem de apresentação dos pedidos, através de uma única prestação a cada requerente elegível”.

O pedido deve ser feito “por via eletrónica, mediante o preenchimento e submissão ‘online’ do respetivo formulário, através do sítio na Internet www.culturaportugal.gov.pt”.

No dia em que o formulário estará disponível, os deputados da Assembleia da República discutem quatro projetos-lei, da autoria do Bloco de Esquerda (BE), do Pessoas-Animais-Natureza (PAN), do PCP e da deputada não inscrita Cristina Rodrigues, para o reforço ou a criação de novas medidas de apoio ao setor da Cultura.

Entre outros, o BE defende o “alargamento de atividades elegíveis para apoio social extraordinário da cultura”, propondo que “o valor mínimo do apoio corresponda a 1,5 IAS [Indexante dos Apoios Sociais]”.

Já o PCP quer ver o apoio extraordinário no valor de 1IAS a ser alargado a “trabalhadores inscritos com atividade principal ‘1519 – Outros prestadores de serviços’, desde que a prestação de serviço incida em atividades de natureza cultural”.

Além disso, o partido comunista também defende que o valor a atribuir passe a corresponder a 1,5 IAS e que tenha “periodicidade mensal enquanto se mantiverem em vigor as medidas excecionais e temporárias de resposta à epidemia”.

Desde que este apoio social foi anunciado, em 14 de janeiro, estruturas representativas dos trabalhadores consideraram que o valor é insuficiente e corre o risco de, mais uma vez, não chegar a todos os trabalhadores.

Na segunda-feira, a associação Plateia – Profissionais de Artes Cénicas mostrou-se “particularmente descontente com o que é apresentado relativamente ao apoio de 1IAS (438 euros) aos trabalhadores da cultura”.

Para a Plateia, “é inaceitável que se excluam deste apoio todas as pessoas que, à data de 01/01/2020, tinham um contrato de trabalho (ainda que de curta duração ou ‘part-time’)”.

“Uma vez mais o Governo demonstra não compreender como é o trabalho neste setor, onde se transita ou acumula trabalho com contrato ou através de recibo verde. Muitas vezes os contratos de curta duração não dão lugar a subsídio de desemprego, pelo que estas pessoas não têm acesso à proteção social, tal como quem apenas trabalha através do recibo verde”, alertou.

A juntar a isso, “uma vez mais, o governo não soube dar resposta aos trabalhadores da cultura que não estão inscritos com os CAE agora indicados – como é o caso de quem tem um CAE de ‘outros serviços’ – excluindo novamente estas pessoas”.

Aquela associação defendeu também que “é urgente que o governo esclareça se os membros dos órgãos estatutários serão também excluídos do apoio, o que seria trágico”.

Para a Plateia é “incompreensível que depois de ter sido anunciado que este apoio era acumulável com todos os outros [apoios sociais], se saiba agora que apenas será acumulável com o Apoio Extraordinário à Redução de Atividade”.

O atraso com que as medidas são concretizadas foi, mais uma vez, criticado pela Plateia, para quem “é lamentável que este apoio (bem como os restantes apoios sociais) apenas vá chegar aos bolsos de quem dele precisa em março, na melhor das hipóteses”. Havendo “muita gente sem rendimentos desde janeiro, ou até antes, esta demora é intolerável”.

A Plateia recorda que quando a ministra da Cultura anunciou este apoio social, em 14 de janeiro, “ainda não se previa a paragem do setor nos meses de fevereiro e março, como agora se verifica”.

“Tendo em conta a extensão do confinamento, não compreendemos porque é que não há, desde já, um compromisso para a repetição deste apoio, com referência aos meses de fevereiro e de março”, refere a associação.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Famalicãohá 5 horas

Covid-19: 60% dos doentes hospitalizados continuam com pelo menos um sintoma após seis meses

Um estudo hoje divulgado conclui que 60% dos doentes hospitalizados com covid-19 continuam com pelo menos um sintoma seis meses...

Famalicãohá 7 horas

Associação Engenho de Desenvolvimento do Vale do Este aprova orçamento para 2021

Os associados da Engenho – Associação de Desenvolvimento do Vale do Este  aprovaram, no passado domingo, por unanimidade, o Plano...

Famalicãohá 9 horas

Famalicão: Pessoas acumulam-se em longas filas, à chuva, no Centro de Vacinação de Vale S. Cosme

Não é a primeira vez que acontece. Aliás, nos últimos dias, segundo relatos de várias pessoas, têm-se formado longas filas...

Desportohá 9 horas

Famalicão: Vermoim recebeu mais de 150 participantes para passeio de BTT

O Floresta BTT, sediado em Vermoim, promoveu este sábado, 8 de maio, o Arga Tinta Adventure, um passeio de BTT...

Famalicãohá 10 horas

Famalicão: Secretário de Estado da Educação, João Costa, participa no III Ciclo de Conferências em Educação

O secretário de Estado da Educação, João Costa, vai participar como orador em mais uma sessão do III Ciclo de...

Famalicãohá 10 horas

Paulo Cunha fala amanhã aos famalicenses sobre o seu futuro e permanência na corrida às autárquicas

O presidente da Câmara de Famalicão, Paulo Cunha, vai tomar, amanhã, uma posição sobre a questão da candidatura às eleições...

Desportohá 11 horas

I Liga: Árbitro Manuel Mota irá dirigir Vitória SC x FC Famalicão desta quarta-feira

Já foi definido pelo Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol a equipa de arbitragem para o jogo entre...

Famalicãohá 11 horas

Piscinas de Famalicão, Joane, Ribeirão e Oliveira S. Mateus retomam regime livre

As piscinas cobertas de Famalicão começam a recuperar a sua atividade normal com o desenrolar do plano de desconfinamento estipulado...

Paíshá 11 horas

Covid-19: Mais 1 morto e 158 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 1 óbito provocados pela pandemia e 158 novos casos de infeção, segundo o relatório diário, emitido...

Famalicãohá 14 horas

Famalicão: Empresa Pafil inaugura novas instalações no concelho

A Pafil, empresa têxtil especializada em vestuário de alta performance, escolheu e Famalicão para concretizar um plano de expansão nacional...

Guimarãeshá 14 horas

Covid-19: Fuga de gás atrasa vacinação no Pavilhão Multiusos de Guimarães

O programa de vacinação contra a covid-19 agendado para hoje no Pavilhão Multiusos de Guimarães arrancou com hora e meia...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Três detidos este fim de semana por condução com excesso de álcool

Três pessoas, com 22, 30 e 40 anos foram detidas durante este fim de semana pela PSP, por condução sob...

Desportohá 15 horas

GD Natação de Famalicão regressa de torneio regional com vitórias, medalhas e acesso às provas nacionais

O Grupo Desportivo de Natação de Famalicão, destacou-se este fim de semana, no Torneio Regional de Juvenis, Juniores e Seniores,...

Famalicãohá 15 horas

Atletismo: Liberdade FC atinge 5 novos recordes pessoais nas provas de preparação deste domingo

Realizaram-se este domingo as Provas de Preparação dos escalões de formação na Pista do Estádio 1º de Maio, em Braga, nas...

Famalicãohá 16 horas

Famalicão: Um ferido após colisão entre ligeiros, esta manhã, em Riba de Ave

Uma pessoa ficou ferida, na manhã desta segunda-feira, depois de uma colisão entre dois veículos ligeiros, na Estrada Nacional 310,...

Desportohá 16 horas

I Liga: Sporting assegura hoje título de campeão nacional caso FC Porto não vença ao Farense

 O FC Porto recebe hoje o Farense, em jogo da 32.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, e está...

Famalicãohá 1 dia

Presidente da Junta de Ribeirão expressa surpresa com saída de Paulo Cunha da “corrida autárquica”

Neste dia em que foi noticiado que o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, não irá concorrer nas próximas eleições...

Famalicãohá 1 dia

Paulo Cunha admite “decisão em curso” reforçando que os famalicenses estarão sempre “primeiro”

Neste dia em que foi noticiado que o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, não irá concorrer nas próximas eleições...

Entretenimentohá 1 dia

Cão do presidente da Irlanda boicota-o enquanto este faz uma intervenção em direto

O presidente da Irlanda, Michael D Higgins, fez um declaração, em direto, para lamentar a morte de um ator recentemente...

Famalicãohá 1 dia

Quem é Mário Passos, o candidato da coligação PSD/CDS à Câmara de Famalicão?

Nasceu a 3 de fevereiro de 1966 e é natural da freguesia famalicense de Nine. É casado e pai de...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191