Siga-nos nas redes

País

Áreas mais rurais continuam com o pior acesso à internet móvel de Portugal

Publicado

em

O desempenho da Internet móvel é pior nas áreas predominantemente rurais de Portugal continental, de acordo com os estudos de avaliação do desempenho de serviços móveis da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) em cinco regiões.

Com o recurso ao teletrabalho e o ensino à distância, na sequência do estado de emergência devido à pandemia da covid-19, o tema do acesso à Internet tem estado na ordem do dia, com várias queixas sobre as dificuldades de algumas regiões do país em aceder ao ‘online’.

A Anacom realizou cinco estudos de avaliação do desempenho de serviços móveis de voz e dados (Internet) e da cobertura GSM (2G), UMTS (3G) e LTE (4G) disponibilizados pela Meo (Altice Portugal), NOS e Vodafone Portugal no Alentejo, Algarve, Área Metropolitana de Lisboa (AML), Centro e Norte.

Globalmente, as zonas predominantemente rurais são as que têm pior desempenho no acesso à Internet móvel, face às urbanas.

No Alentejo, os serviços de voz e de transferência de ficheiros “registam bons desempenhos globais, sendo mais visíveis diferenças entre os operadores e entre as tipologias de áreas urbanas ao nível da velocidade de transferência de dados, tanto no ‘download’ como no ‘upload’”, lê-se no estudo.

No indicador velocidade de transferência de dados, “os melhores desempenhos são observados nas áreas predominantemente urbanas”, conclui o estudo realizado entre 07 e 28 de maio de 2019, tendo sido percorridos 3.539 quilómetros, dos quais 342 em testes.

Nas áreas predominantemente urbanas do Alentejo “observam-se os melhores desempenhos, com rácios médios de sucesso no estabelecimento e manutenção de sessões de dados de 97,7%, na transferência da página ‘web’ de referência, e de 93,8% na transferência da página ‘web’ pública, com diferenças estatisticamente significativas face às restantes tipologias urbanas”.

Ou seja, o desempenho é melhor do que nas zonas rurais ou medianamente urbanas.

Também no Algarve, cujo trabalho de campo decorreu entre 20 e 29 de outubro, em que foram percorridos 273 quilómetros em testes, navegar na Internet em zonas rurais pode ser difícil, e em determinadas áreas medianamente urbanas também se detetam dificuldades.

Os serviços de navegação na Internet e Youtube ‘video streaming’ e também a latência de transmissão de dados no Algarve “apresentam desempenhos inferiores, face à transferência de ficheiros, observando-se também algumas diferenças entre operadores e tipologias de áreas urbanas”, refere o estudo, acrescentando que, “de uma forma geral, registam-se piores desempenhos nas áreas medianamente urbanas e predominantemente rurais”.

Aponta ainda que nas áreas predominantemente rurais e medianamente urbanas do Algarve “registam-se os piores desempenhos” do indicador de duração de transferência de página ‘web’, “sem diferenças estatisticamente significativas entre si, mas com diferenças estatisticamente significativas” face às predominantemente urbanas.

Também no Centro, os serviços de navegação na Internet móvel registam “piores desempenhos nas áreas predominantemente rurais”.

No que toca à transferência de ficheiros, “regista-se bom desempenho global, com algumas diferenças de desempenho entre os operadores e, de forma mais acentuada, entre as tipologias de áreas urbanas”.

A capacidade de estabelecer e de reter sessões de transferência de ficheiros e velocidade de transferência de dados (‘download’ e ‘upload’) “apresentam uma acentuada degradação nas áreas predominantemente rurais”, salienta o estudo.

Nos serviços de navegação na Internet e YouTube ‘vídeo streaming’, “e também a latência de transmissão de dados, apresentam desempenhos inferiores, face à transferência de ficheiros, observando-se também algumas diferenças entre os operadores e, de forma mais acentuada, entre as tipologias de áreas urbanas”.

Mais uma vez, de “uma forma geral, registam-se piores desempenhos nas áreas predominantemente rurais”, conclui o estudo, que decorreu entre 04 e 18 de dezembro último, tendo sido percorridos 344 quilómetros em testes.

No Norte, no que respeita à transferência de ficheiros, “nas áreas predominantemente rurais observa-se uma degradação acentuada” no indicador rácio de terminação de sessões de dados. Também aqui, na velocidade de transferência de dados, os melhores desempenhos são nas áreas predominantemente urbanas.

Em termos de estabelecimento e retenção de sessões de dados, nas áreas mais rurais os níveis do indicador “não ultrapassam 80,3%”, contra rácios superiores a 99,4% nas predominantemente urbanas, lê-se no estudo, que decorreu entre 03 e 13 de fevereiro de 2020, tendo sido percorridos 3.255 quilómetros, dos quais 303 em testes.

Por sua vez, a AML apresenta “bons ritmos médios de transferência de dados”, um serviço de navegação da Internet com “razoáveis durações médias de transferências de páginas ‘web'”, conclui o estudo sobre a região, realizado entre 25 de maio e 05 de junho do ano passado, tendo sido percorridos 285 quilómetros em testes.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 7 minutos

António Guterres inclui juiz Ivo Rosa em bolsa de magistrados da ONU

António Guterres, secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), convidou o juiz Ivo Rosa a incluir-se numa bolsa de magistrados...

Paíshá 34 minutos

Cartão do Cidadão passa a ser recebido em casa definitivamente

A secretária de Estado da Justiça, afirmou que o cartão de cidadão vai passar a ser sempre entregue em casa...

Paíshá 48 minutos

GNR recebe candidatos para Curso de Formação de Guardas

A Guarda Nacional Republicana encontra-se em processo de concurso para constituição da sua reserva de recrutamento. O concurso que dará...

Economiahá 1 hora

Primeiros reembolsos de IRS deverão ser recebidos já a meio desta semana

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) já começou a processar os primeiros reembolsos do IRS e o valor deverá chegar...

Paíshá 2 horas

Covid-19: Menores de 60 anos com 1.ª dose de AstraZeneca podem tomar 2.ª dose de outra marca

 A Direção-Geral da Saúde (DGS) admite que as pessoas, abaixo dos 60 anos, que receberam a primeira dose da vacina...

Famalicãohá 2 horas

Famalicão: Céu nublado, máximas de 22.º graus e possibilidade de geada esta noite

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê para a região Norte, a formação de gelo e geada esta...

Desportohá 2 horas

Famalicão: Jovem do GD Natação foi o Melhor Nadador Masculino no Meeting de Felgueiras

O jovem atleta do Grupo Desportivo de Natação de Famalicão, Afonso Silva, foi o nadador mais premiado no Metting de...

Desportohá 15 horas

FC Famalicão “empata” Sporting na corrida pelo 1.º lugar

 O Sporting voltou a ceder terreno na I Liga portuguesa de futebol pelo segundo jogo consecutivo, ao empatar hoje 1-1...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Incêndio urbano mobiliza bombeiros para Calendário

Um incêndio urbano deflagrou num pavilhão, ao início da noite deste domingo, em Calendário, na Rua António Santos Oliveira. Para...

Guimarãeshá 21 horas

GNR detém dois homens por furto de veículos em Guimarães

O Comando Territorial de Braga da GNR anunciou, este domingo, a detenção de dois homens por furto de veículos e...

Famalicãohá 21 horas

Diretor da Cior empossado vice-presidente da Associação das Escolas Profissionais

Decorreu na passada sexta-feira a tomada de posse dos órgãos sociais da Associação Nacional das Escolas Profissionais (ANESPO), onde o...

Paíshá 22 horas

Covid 19: Portugal regista mais seis mortes e 566 novos casos este domingo

Confirma-se, agora, um total de 16.916 mortes e de 827.494 pessoas infetadas desde o início da pandemia. Segundo o boletim...

Famalicãohá 1 dia

PAN lança manifesto pelo fim de uso de herbicidas em Famalicão

A Comissão Política Concelhia do PAN Famalicão lançou um manifesto pelo fim do uso de herbicidas para controlo de ervas...

Famalicãohá 1 dia

Câmara de Famalicão financia obras na Igreja de Arnoso Santa Eulália

A Câmara Municipal de Famalicão aprovou a atribuição de um apoio financeiro, de 15 mil euros, à Fábrica da Igreja...

Paíshá 1 dia

Menos acidentes e mortes nas estradas em 2020 e no início de 2021

A PSP divulgou, este domingo, o balanço da sinistralidade rodoviária de 2020 e do primeiro trimestre de 2021. O ano...

Paíshá 1 dia

Mais de metade dos portugueses não vai fazer férias no verão

Cerca de 52% dos portugueses não tencionam fazer férias neste verão. Doss restantes 48% que o tencionam fazer, a maioria...

Desportohá 1 dia

Ribeirão FC vota constituição de SAD no próximo dia 17

O Ribeirão Futebol Clube (FC) marcou para o próximo dia 17 de abril uma assembleia geral extraordinária para deliberar e...

Paíshá 1 dia

Empresas de distribuição defendem venda dos autotestes nos super e hipermercados

O diretor-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) defendeu, em entrevista à Lusa, a venda dos autotestes covid-19...

Desportohá 2 dias

Famalicão: Jovem atleta de Joane apura-se para os Campeonatos da Europa de Juvenis

O atleta de Joane, Francisco Silva alcançou os mínimos para o apuramento para os Campeonatos da Europa de Juvenis, que...

Paíshá 2 dias

Covid-19: Portugal poderá atingir 120 novas infeções diárias durante os próximos dois meses

Portugal poderá acumular 120 novos casos de covid-19 por cada 100.000 habitantes nos próximos dois meses, de acordo com a...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191