Siga-nos nas redes

País

Chega pede despesas de telefone e internet pagas aos funcionários em teletrabalho

Publicado

em

O Chega entregou no parlamento um projeto de resolução no qual recomenda ao Governo que dê “o exemplo” e pague as despesas de telefone e ‘internet’ aos trabalhadores do Estado que estão em teletrabalho.

Num projeto de resolução que foi hoje entregue na Assembleia da República, e ao qual a agência Lusa teve acesso, o Chega recomenda ao Governo que “efetue o pagamento das despesas de telefone e ‘internet’ dos trabalhadores do Estado, quando em teletrabalho, sendo processado o mesmo com efeitos retroativos ao ano de 2020”.

Na exposição de motivos da iniciativa (que não tem força de lei), o deputado único do Chega salienta que “o Governo esclareceu, recentemente, que as empresas têm de suportar os custos de telefone e ‘internet’ dos seus trabalhadores quando estes estejam em teletrabalho”.

“Ora, tendo o Estado tornado obrigatório o teletrabalho desde 2020 [devido à pandemia de covid-19], não tem suportado tais encargos, que assim têm onerado gravosamente os seus próprios trabalhadores, claramente não tendo aplicado a estes o que impõe às empresas privadas”, critica André Ventura.

O deputado acusa o Governo de “fazer de conta que ainda não se apercebe desta dura e triste realidade: que são afinal os seus trabalhadores que custeiam os instrumentos de trabalho em benefício do Estado”.

“Por maioria de razão, o Estado enquanto empregador deve dar o exemplo e, consequentemente, com caráter urgente, reconhecer o direito ao pagamento de tais encargos em relação aos seus próprios trabalhadores, devendo ser processado o mesmo com efeitos retroativos ao ano de 2020”, pede André Ventura, defendendo ser “de inteira justiça e de absoluta coerência exigir do Estado o mesmo que este exige aos empregadores privados”.

Para o Chega, não existem “motivos para que os trabalhadores do setor público não recebam pelas despesas que têm vindo a efetuar ao serviço do Estado quando, claramente, é este que deve fornecer aos seus trabalhadores, enquanto entidade patronal, os equipamentos/instrumentos de trabalho indispensáveis à atividade profissional que exercem”.

O também líder demissionário do Chega nota também que “diversas estruturas representativas de profissionais do setor público têm insistentemente dado conta deste problema como, por exemplo, os professores e os profissionais da Inspeção Tributária, entre outros, sem que o Governo se tenha pronunciado sobre o mesmo”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 20 minutos

Covid-19: Mais 4 mortos e 553 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 4 óbitos provocados pela pandemia e 553 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Regiãohá 23 minutos

Estafeta entregava refeições e droga em sistema de ‘take-away’ na Maia

Um jovem de 20 anos, foi detido, esta quinta-feira, pela GNR da Maia, na posse de 1.000 doses de haxixe...

Famalicãohá 1 hora

Câmara Municipal desenvolve “Estratégia Local de Habitação”

A Câmara Municipal de Famalicão, está a desenvolver uma Estratégia Local de Habitação (ELH) , com o apoio da Faculdade...

Guimarãeshá 2 horas

GNR encerra “festa ilegal” em Guimarães com 23 pessoas

A GNR encerrou uma “festa ilegal” devido à covid-19, que juntava 23 pessoas num bar em Caldas das Taipas, Guimarães,...

Famalicãohá 2 horas

Bênção do cemitério de Gondifelos terá lugar este domingo com a presença de Paulo Cunha

O presidente da Câmara Municipal de Famalicão, Paulo Cunha, irá estar presente, este domingo, pelas 10:30, na cerimónia de bênção...

Bragahá 3 horas

Braga: Stand em Amares acusado de fuga ao IVA na importação de automóveis

 O Ministério Público acusou o dono de um stand de automóveis em Caldelas, concelho de Amares, de fraude fiscal qualificada,...

Famalicãohá 4 horas

Famalicão: Nuno Sá e mais uma dezena de deputados investigados por alegadas moradas falsas

O deputado famalicense do PS, Nuno Sá, eleito pelo núcleo de Braga encontra-se sob investigação pelo Ministério Público por possíveis...

Sociedadehá 4 horas

Suspeita da morte de empresário de Famalicão fica em prisão preventiva

Um juiz de instrução criminal no Tribunal de Guimarães aplicou hoje prisão preventiva a uma mulher suspeita do homicídio, à...

Paíshá 4 horas

Ponto por Ponto: Conheça as novas regras do desconfinamento e os locais onde se aplicam

Portugal avança na segunda-feira para a terceira etapa do desconfinamento com o regresso às aulas presenciais no secundário e no...

Paíshá 18 horas

Lojas do cidadão reabrem esta segunda-feira com atendimento presencial por marcação

 As lojas do cidadão vão reabrir na segunda-feira com atendimento presencial por marcação na generalidade do país, anunciou hoje o...

Paíshá 19 horas

Casamentos e batizados voltam a ser permitidos mas limitados a 25% da capacidade dos espaços

A partir da próxima segunda-feira os casamentos e batizados voltam a ser permitidos no território continental, ainda que limitados a...

Sociedadehá 19 horas

Restaurantes, cafés e pastelarias poderão abrir o serviço no interior a partir de segunda-feira

 Os restaurantes, cafés e pastelarias poderão abrir o serviço de mesa no interior, limitado a grupos de quatro pessoas, anunciou...

Paíshá 19 horas

Famalicão passa para a nova fase de desconfinamento com menos restrições

O primeiro-ministro António Costa fala neste momento aos portugueses depois da renovação do estado de emergência aprovado hoje. A maior...

Desportohá 20 horas

Rúben Amorim nega ter dito: “Conseguiste o que querias”, no final do jogo com FC Famalicão

O treinador do Sporting negou hoje ter proferido as palavras que lhe são atribuídas na deliberação do Conselho de Disciplina...

Paíshá 22 horas

Vacina portuguesa contra a Covid-19 mostrou ser promissora

Desenvolvida pela Immunethep, em Cantanhede, a vacina portuguesa contra a Covid-19 têm-se mostrado eficaz, pelo menos foi essa a conclusão...

Paíshá 22 horas

Desemprego pode chegar aos 7,3% no fim deste ano

O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, anunciou hoje que taxa de desemprego deste ano fique nos 7,3%,...

Póvoa de Varzimhá 24 horas

Póvoa de Varzim: PSP detém homem que recrutava mulheres para prostituição

Após quase seis meses de investigação, a PSP conseguiu deter várias pessoas suspeitas da prática do crime de lenocínio, entre...

Paíshá 1 dia

Covid-19: Mais 501 infetados e 2 mortes

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Direção Geral de Saúde, registaram-se, nas últimas 24 horas, mais 501 infetados por...

Famalicãohá 1 dia

Fábricas da Coindu totalmente paradas desde terça-feira

A Coindu, empresa produtora de componentes para automóveis, tem atualmente as suas fábricas totalmente paradas desde a passada terça-feira devido...

Paíshá 1 dia

Governo aprova hoje novas medidas para a terceira fase do desconfinamento

As medidas da terceira fase do desconfinamento são, esta quinta-feira, aprovadas pelo Governo. Está previsto o regresso das aulas presenciais...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191