Siga-nos nas redes

Economia

Presidente da Jerónimo Martins alerta para “gravíssima crise” que Portugal irá atravessar

Publicado

em

O presidente da Jerónimo Martins afirmou estar “mais cético” relativamente à economia portuguesa, considerando que vai “atravessar uma gravíssima crise”, e que “não é claro” como o Plano de Recuperação e Resiliência “vai funcionar”.

Questionado sobre se continua cético em relação à economia portuguesa por não crescer o suficiente, como afirmou em fevereiro de 2020, Pedro Soares dos Santos foi perentório: “Infelizmente estou mais cético, acho que vamos atravessar uma gravíssima crise”.

E isso “vai ter impacto na nossa vida muito grande nos próximos anos”, estimou o presidente da Jerónimo Martins.

“Esta crise pandémica não vem ajudar e acho que essa bazuca também não vai ajudar, porque quando estes investimentos não são pensados ou estas ajudas não são vistas para criar riqueza para que realmente a gente consiga sair da situação que está, deixa-me bastante cético”, considerou o gestor, que lidera o grupo que detém a cadeia Pingo Doce.

Relativamente ao Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) “que está proposto, para mim ainda não está totalmente claro como é que vai funcionar, nem em que áreas”, prosseguiu, salientando que aquilo que tem sido transmitido pela comunicação social portuguesa sobre o tema não o deixa “minimamente confortável”.

E reforçou: “Estou muito preocupado porque acho que nós vamos entrar numa crise novamente profunda”.

Questionado sobre há alguma medida concreta no PRR que devesse ser debatida neste momento, Pedro Soares dos Santos destacou dois pontos.

“Acho que o primeiro debate que devia ter sido feito no país é o que nós queremos como país ser realmente e onde é que nos queremos diferenciar em relação aos nossos concorrentes, que são os outros países”, apontou o gestor.

Pedro Soares dos Santos chamou a atenção para a diferença entre o plano da Alemanha e o de Portugal.

“Você olha para o plano estratégico da Alemanha: são 20 páginas. Olhe para o plano estratégico que foi publicado pelo Governo português, ultrapassa para aí as 150 páginas, o que significa que se fala muito e sai pouco, pelo menos do meu ponto de vista”, destacou o presidente da Jerónimo Martins.

A seguir “acho que era uma bela oportunidade de olhar para o turismo, a agricultura e, acima de tudo, criar uma nova indústria, mas muito assente na iniciativa privada, e isto eu não vejo”, lamentou.

“Não vejo como é que este Governo, com suas coligações, vai conseguir levar o país nesta direção”, acrescentou, salientando que isso o deixa “preocupado”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Economia

Combustíveis vão voltar a aumentar depois de nova subida no preço do petróleo. Barril já ultrapassa os 90 dólares

Publicado

em

Por

Uma recente subida no preço do barril de Brent (petróleo) faz prever mais aumentos no preço dos combustíveis, que continuam em “escalada” à várias semanas consecutivas, avança o jornal AWAY.

Pela primeira vez desde 2014 o preço do barril de Brent ultrapassa os 90 dólares, influenciado pela forte tensão criada na fronteira entre a Rússia e a Ucrânia e no Médio Oriente.

A mesma fonte sublinha ainda que o aumento do preço do barril de Brent, usado como referência para as cotações do petróleo, irá influenciar o preço dos combustíveis, cenário agravado ainda pelo final esperado dos apoios do governo neste sentido.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Serviço de carregamento de veículos elétricos da Galp volta a aumentar a 01 fevereiro

Publicado

em

Por

O serviço de carregamento de veículos elétricos da Galp vão voltar a aumentar a partir do dia 01 de fevereiro, apenas um mês depois da empresa ter atualizado as suas tarifas, resultando numa subida de 9,8% nas horas de vazio e de 7,5% nas horas fora de vazio.

De acordo com o jornal ECO, este novo aumento irá resultar num acréscimo de 5,6% nas horas de vazio e 4,5% fora de vazio.

“Conforme anunciado no final de novembro, a Galp atualizou a partir de 1 de janeiro de 2022 os preços finais de eletricidade, sendo que o novo preço reflete o aumento do custo de aquisição de energia, bem como a previsão de redução das tarifas de acesso às redes, anunciada pela ERSE para 2022. Os novos preços do tarifário Galp Electric resultam desse aumento de janeiro e de um posterior acerto, em fevereiro, resultante do fim de um apoio financeiro relacionado com a isenção de parte da tarifa da Entidade Gestora da Mobilidade Elétrica (EGME)”, pode ler-se na resposta da empresa à mesma fonte.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Preço do pão sobe em 2022 para refletir subida dos custos de produção

Publicado

em

Por

O preço do pão deverá subir este ano, refletindo a subida nos valores dos fatores de produção, adiantou a Associação do Comércio e da Indústria de Panificação (ACIP), ressalvando que a decisão depende de cada empresa.

“Cabe a cada empresa tomar a decisão de subir, baixar ou manter o preço do seu pão, uma vez que o preço e o peso do pão é calculado em função do custo da sua produção e esse custo tem vindo a aumentar. Assim e, apesar de não se poder estabelecer uma percentagem para o acerto do pão, a variação nos preços da farinha, energia e mão-de-obra deverão ser um bom indicador da mesma”, apontou, em resposta à Lusa, o presidente da direção da ACIP, Luís Gonçalves.

Segundo este responsável, o aumento nos fatores de produção está a colocar “pressão no preço final” dos produtos, com muitas empresas da panificação e pastelaria a verem as suas margens de lucro “esmagadas numa luta pelo equilíbrio entre a satisfação do cliente e a viabilidade do negócio”.

No entanto, a ACIP notou que, apesar de preocupados, os empresários estão a “trabalhar ativamente na criação de soluções”.

Já no que se refere ao consumo, Luís Gonçalves notou que em 2021 foi “equivalente a anos anteriores”, o que se pode justificar pelo facto de o pão ser um bem “de primeira necessidade” e por fazer parte da dieta dos portugueses, que procuram produtos tradicionais, inovadores ou para dietas específicas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Eleições: Cada minuto de publicidade eleitoral na televisão custa 2.465 euros ao Estado

Publicado

em

Por

O Estado vai pagar 2.465 euros por cada minuto de tempo de antena transmitido nas televisões (RTP, SIC e TVI), num total de 2,3 milhões de euros que serão gastos nesta publicidade eleitoral, que envolve também as rádios.

No âmbito da campanha para a eleição da Assembleia da República do próximo dia 30 de janeiro, foram admitidas 23 candidaturas com direito de antena, segundo a Comissão Nacional de Eleições (CNE).

As candidaturas aceites foram a Aliança, Alternativa Democrática Nacional (ADN), Bloco de Esquerda (BE), CDS-PP, Chega, Ergue-te, Iniciativa Liberal (IL), Juntos Pelo Povo (JPP), Livre, Movimento Alternativa Socialista (MAS), Partido da Terra (MPT), Nós, Cidadãos!, Pessoas – Animais – Natureza (PAN), CDU (PCP/PEV), PCTP/MRPP, Partido Social Democrata (PPD/PSD), Madeira Primeiro (PPD/PSD.CDS-PP), AD/Aliança Democrática (PPD/PSD.CDS-PP.PPM), Partido Popular Monárquico (PPM), Partido Socialista (PS), Partido Trabalhista Português (PTP), Reagir Incluir Reciclar (RIR) e Volt Portugal.

A compensação atribuída às estações de televisão e rádios para a campanha totaliza, neste escrutínio, 2.389.600 euros.

Segundo a tabela publicada em Diário da República, a RDP vai receber 64.267,30 euros, a Rádio Comercial 214.318,60 euros e a Rádio Renascença 287.645,40 euros.

Em relação às estações de radiodifusão de âmbito regional, a M80 irá receber 36.602,15 euros, a TSF 36.602,15 euros e o Posto Emissor de Radiodifusão do Funchal 9.419,10 euros.

Os valores aumentam para as estações de televisão públicas e privadas: A RTP recebe 389.611 euros, a SIC 741.570 euros e a TVI 636.565 euros.

Em relação aos tempos de antena televisivos, e de acordo com as grelhas divulgadas pela CNE, são 20 as candidaturas – Aliança, ADN, BE, CDS-PP, Chega, Ergue-te, IL, JPP, Livre, MAS, MPT, Nós, Cidadãos!, PAN, CDU, PCTP/MRPP, PSD, PS, PTP, RIR e Volt Portugal – que, no total, irão usufruir de 706,28 minutos desta publicidade eleitoral nas três televisões.

O tempo de antena que cada candidatura irá usufruir, em spots que, na maioria, duram três minutos, não é igual para todas.

A Aliança vai usufruir de 21,75 minutos nos três canais telvisivos, a ADN de 30,81, o BE de 40,05, o CDS-PP de 38,08, o Chega de 40,05, tal como o Ergue-te e a IL, o JPP de 25,23 minutos, o Livre, o MAS e o MPT de 40,05 minutos cada um, o Nós, Cidadãos! de 24,18, o PAN e a CDU de 40,05 cada, o PCTP/MRPP de 18,57, o PSD de 30,08, o PS de 40,05, o PTP de 31,56, o RIR de 40,05 e o Volt Portugal de 37,47 minutos.

Tendo em conta que as compensações às televisões totalizam 1.740.746 euros, cada um dos 706 minutos televisivos contemplados nestas grelhas custa 2.465 euros.

Segundo a Lei Eleitoral da Assembleia da República, as estações de rádio e de televisão reservam aos partidos políticos e às coligações tempos de antena durante o período da campanha eleitoral.

O tempo de antena nos canais da RTP e privados decorre nos dias úteis, durante 15 minutos, em horário nobre, entre as 19:00 e as 22:00. Aos sábados e domingos a sua duração é de 30 minutos, entre as 19:00 e as 22:00.

Em relação às rádios, a Radiodifusão Portuguesa (RDP) transmite, através dos emissores regionais e na emissão internacional, 60 diários, dos quais 20 minutos entre as 07:00 e as 12:00, 20 minutos entre as 12:00 e as 19:00 e 20 minutos entre as 19:00 e as 24:00.

As estações nacionais de rádio privadas transmitem 60 minutos diários, dos quais 20 minutos entre as 07:00 e as 12:00 e 40 minutos, entre as 19:00 e as 24:00.

As estações privadas de radiodifusão de âmbito regional transmitem 30 minutos diários.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Gasolina e gasóleo voltam a subir entre 2 e 3 cêntimos cada um já esta segunda-feira

Publicado

em

Por

O gasóleo e a gasolina deverão aumentar entre dois e três cêntimos por litro, segundo fonte do setor, citada pela Rádio Comercial.

Totalizando a quarta semana consecutiva de janeiro em que se regista a subida de preços. Consequência do aumento do valor da matéria prima nos mercados internacionais. 

O barril de brent, que serve de referência para os preços nacionais, está neste momento a negociar acima dos 86 dólares. 

Antes de qualquer destas alterações, Portugal continua com 8.ºª gasolina mais cara na União Europeia, enquanto que o gasóleo ocupa a 10.ª posição, no mesmo ‘ranking’.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Empresa tecnológica da Maia vai recrutar 200 engenheiros

Publicado

em

Por

A empresa Critical Manufacturing, dedicada à produção de software, com sede na Maia, quer recrutar cerca de 200 engenheiros, segundo o jornal online “Dinheiro Vivo”.

Em declarações àquela publicação, o CEO e confundador da tecnológica (que nasce a partir de antigos funcionários da entretanto encerrada Qimonda), Francisco Almada Lobo, revela que as condições de trabalho são idênticas às outras empresas do género, contando já com 300 colaboradores, 100 dos quais contratados no último ano.

O recrutamento arranca já no próximo mês de fevereiro, dedicado a engenheiros de gestão industrial e desenvolvimento de software, bem como suporte, marketing e comercial.

A empresa, que está a implementar um investimento de dois milhões de euros nas instalações, localizadas na TecMaia, tem uma carteira de .80 clientes e trabalha apenas para o mercado estrangeiro, com destaque para a China, e Estados Unidos”, revela o CEO.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Gasóleo sobe até 3 cêntimos esta segunda-feira. Gasolina sobe 2 cêntimos

Publicado

em

Por

Os combustíveis vão voltar a subir esta segunda-feira, com a evolução das cotações a apontar para um acréscimo até 3 cêntimos por litro no gasóleo e 2 cêntimos por litro, na gasolina.

Estas previsões são avançadas pela Multinews, que cita fontes ligadas ao setor.

Antes de qualquer destas alterações, Portugal continua com 8.ºª gasolina mais cara na União Europeia, enquanto que o gasóleo ocupa a 10.ª posição, no mesmo ‘ranking’.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Aumento da garantia dos automóveis usados pode fazer aumentar o preço em 500€

Publicado

em

Por

O aumento do tempo da garantia dos bens móveis para três anos, que já entrou em vigor com o novo ano, poderá traduzir-se num aumento do preço dos carros usados, numa média de 500 euros, disse o diretor-geral do Standvirtual à CM.

De acordo com Nuno Castel-Branco, “o impacto será mais sensível quanto mais antigo for o carro”, sublinhando que “500 euros num automóvel de 20 mil euros não tem o mesmo impacto que num de três ou quatro mil”.

Apontando o exemplo da vizinha Espanha, o diretor-geral do Standvirtual, afirma que Portugal devia também adoptar o sistema de aplicar apenas um ano de garantia para estes veículos, o período mínimo estabelecido pela UE.

Temendo que os consumidores comecem a optar por mercados de venda de carros paralelos, Castel-Branco lamenta que o setor que representa não tenha sido ouvido pelo Governo aquando a tomada desta decisão.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Combustíveis: Gasóleo sobe 3 cêntimos e gasolina sobe 1,5 na próxima segunda-feira

Publicado

em

Por

A próxima semana deverá começar com um aumento dos combustíveis, a verificar já no próximo dia 10 de janeiro, com gasolina simples 95 a subir 1,5 cêntimos por litro e o gasóleo simples a subir 3 cêntimos por litro, de acordo com os cálculos efetuados pelo jornal AWAY.

Antes de qualquer destas alterações, lembre-se que, em Portugal, o preço médio do gasóleo é de 1,522 euros por litro, enquanto que o preço médio da gasolina simples 95 é de 1,705 euros por litro.

Portugal tem a 9.ª gasolina mais cara entre os 27 países da União Europeia, 6,5 cêntimos acima da média europeia e 21 cêntimos mais cara do que em Espanha.

O preço gasóleo ocupa a 10ª posição do ranking europeu.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Ano começa com subida de 3 cêntimos no gasóleo e gasolina

Publicado

em

Por

O ano de 2022 começa com um aumento do preço dos combustíveis, que se deverá poder confirmar, já esta segunda-feira, avança o Autoportal, citando fontes ligadas a este setor.

De acordo com esta fonte, o preço do gasóleo e da gasolina deverá registar um aumento de cerca de 3 cêntimos.

Até à data, e antes de qualquer destas alterações de preço, o preço médio do gasóleo simples esta fixado nos 1,497, em Portugal, enquanto que a gasolina simples 95 tem o seu preço estabelecido nos 1,664 euros por litro.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Economiahá 4 horas

Combustíveis vão voltar a aumentar depois de nova subida no preço do petróleo. Barril já ultrapassa os 90 dólares

Uma recente subida no preço do barril de Brent (petróleo) faz prever mais aumentos no preço dos combustíveis, que continuam...

Famalicãohá 5 horas

Mercado Municipal de Famalicão nomeado para dois prémios de arquitetura

Depois de ter sido tema de um trabalho fotojornalístico na edição de janeiro da revista norte-americana “Architectural Record”, a Praça-Mercado...

Paíshá 6 horas

Atropelamento junto ao El Corte Inglês em Gaia tira a vida a homem de 71 anos

Um homem de 71 anos morreu, na tarde desta quinta-feira, atropelado na A44, em Vila Nova de Gaia, avança a...

Paíshá 6 horas

IPMA prevê agravamento da seca “muito provável” em Portugal continental

O Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) considerou esta quinta-feira que é “muito provável” que a seca meteorológica se...

Paíshá 6 horas

Covid-19: Aberto autoagendamento para maiores de 18 anos para dose de reforço

As pessoas com 18 ou mais anos podem, a partir de hoje, fazer o autoagendamento para a toma da dose...

Famalicãohá 7 horas

Famalicão: Riopele diversifica negócio para os segmentos militar e automóvel

A indústria automóvel e os segmentos profissional e militar são duas novas apostas da têxtil Riopele, que encara o setor...

Famalicãohá 8 horas

Famalicão: antiga Silma dá lugar a nova zona habitacional Vai nascer a poente da cidade de Famalicão uma nova zona...

Paíshá 8 horas

Sismo sentido na tarde desta quinta-feira “abalou” região Norte

A região Norte de Portugal sentiu, ao início da tarde desta quinta-feira (14:44), um sismo que Um sismo com magnitude...

Paíshá 8 horas

Já foi encontrada Iara: Desaparecida esta quarta-feira em Matosinhos

Já apareceu a jovem Iara, desaparecida em Matosinhos, na noite desta quarta-feira. Uma nota elaborada pela sua mãe e publicada...

Regiãohá 8 horas

Fica absolvido o casal acusado da morte de idoso que tinham aliciado para relações sexuais e roubo em Santo Tirso

Um casal acusado de aliciar um idoso para uma relação sexual para depois o roubar e agredir e que acabria...

Famalicãohá 8 horas

Trabalhadores da Santa Casa da Misericórdia de Famalicão em greve

Os trabalhadores do lar S. João de Deus da Santa Casa da Misericórdia de Famalicão iniciaram, esta quinta-feira, uma greve...

Famalicãohá 8 horas

Obras da Estação Rodoviária de Famalicão sofrem novo atraso e ficam mais caras

As obras de reabilitação na Estação Rodoviária de Famalicão só deverão ficar concluídas dentro de quatro meses e vão ficar...

Paíshá 9 horas

Covid-19: Mais 41 mortos e 65.706 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 41 óbitos provocados pela pandemia e 65.706 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Paíshá 10 horas

Legislativas: CDS-PP quer “complemento social de pensão” para idosos

O presidente do CDS-PP defendeu hoje um “complemento social de pensão” para ajudar os idosos a aquecerem as suas casas...

Paíshá 10 horas

Covid-19: Testes rápidos de antigénio de uso profissional continuam gratuitos em fevereiro

Os testes rápidos de antigénio de uso profissional vão continuar a ser comparticipados no mês de fevereiro, tendo em conta...

Paíshá 11 horas

Idosa de 87 anos espera 12 horas para ser atendida em hospital de Gaia

Uma idosa de 87 anos esperou cerca de 12 horas para ser atendida no Hospital Eduardo Santos Silva, em Vila...

Paíshá 11 horas

Pequena Sofia precisa de uma operação urgente aos rins. Família pede ajuda na internet

Os pais de Sofia Martins de 7 anos levam a cabo uma campanha de angariação de fundos para uma cirurgia...

Paíshá 12 horas

Programa “Big Brother” domina pesquisa por “sondagens” no Google mesmo com as Legislativas “à porta”

Meros dias antes das Eleições Legislativas de 2022, assunto central das notícias e conversas das últimas semanas, vários internautas repararam...

Paíshá 12 horas

Luísa Bartolomeu e pastor belga “Maet” representam Portugal no o Campeonato do Mundo de Obediência Canina

A Campeã Nacional de Obediência Canina, Luísa Bartolomeu vai representar Portugal, entre 22 e 26 de junho, no Campeonato do...

Paíshá 13 horas

Covid-19: Médicos de família propõem 10 medidas para um combate à pandemia mais eficiente

 Os médicos de família apelaram hoje para uma revisão urgente da organização do combate à pandemia e a um reforço...

Arquivo

FAMA NAS REDES