Siga-nos nas redes

País

João Loureiro já regressou a Portugal e afirma ter sido “ingénuo” no caso da cocaína

Publicado

em

João Loureiro regressou hoje a Portugal e afirma ter sido “ingénuo” ou “utilizado” na situação que culminou na apreensão de mais de 500 quilogramas de cocaína num avião, no Brasil, sublinhando que foi “abruptamente envolvido num autêntico furacão”.

“Poderei eventualmente (ou não) ter sido ingénuo ou utilizado. Mas repito: sou absolutamente alheio ao que se passou, que não imaginaria sequer nos meus maiores pesadelos e é completamente contrário aos meus princípios de vida e que passei aos meus quatro filhos”, diz o empresário e advogado, após aterrar no Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto.

Assumindo que “ansiava” por este dia, e que “finalmente” está em Portugal, João Loureiro reconhece que não é o mesmo “que há pouco mais de um mês [27 de janeiro] saiu” do país a bordo do Falcon 900 da empresa OMNI – executive aviation, que descolou do Aeródromo Municipal de Tires, em Cascais, rumo ao Brasil.

“Fui abruptamente envolvido num autêntico furacão ‘sem saber ler nem escrever’. Estive três semanas praticamente sozinho e não desejo a ninguém o que comigo se passou. Confio em Deus, Ele sabe muito bem que sou totalmente alheio a tudo o que se passou, e confio que a verdade virá ao de cima”, frisa o advogado e antigo presidente do Boavista Futebol Clube.

Depois de descolar de Tires, às 14:20 de 27 de janeiro, o avião privado aterrou no aeroporto de Salvador, no estado da Bahia, pelas 21:15, hora local e, posteriormente, descolou de Salvador para o aeroporto de Jundiaí, no Estado de São Paulo, onde ficou estacionado cerca de uma semana.

Fontes ligadas à investigação explicaram à Lusa que nesse período as chaves da aeronave estiveram na posse de “pessoas estranhas ao voo e à operação”, as quais foram entregues pela tripulação, após autorização da administração da OMNI. A Lusa questionou a empresa de voos privados a quem autorizou a entrega das chaves, mas a mesma escusou-se a responder reiterando que é caso está em investigação e que é “totalmente alheia” aos factos relacionados com a apreensão da droga.

O Falcon 900 descolou depois de Jundiaí rumo a Salvador e, durante o voo, o comandante detetou falhas mecânicas, tendo solicitado uma inspeção técnica à aeronave.

Segundo o manifesto de voo da OMNI, a que a Lusa teve acesso, na viagem de Jundiaí para Salvador, realizada em 06 de fevereiro, seguiam a bordo, como passageiros, os empresários João Loureiro e Mansur Herédia, de nacionalidade espanhola, que se encontra em paradeiro incerto.

Durante a inspeção técnica foram descobertos pacotes suspeitos e chamada a polícia, que apreendeu a cocaína escondida na fuselagem da aeronave, a qual tinha sido dividida em embalagens com logótipos de marcas desportivas conhecidas.

Na mensagem enviada à Lusa, João Loureiro agradece ainda “todas as mensagens de carinho e solidariedade” que recebeu de “muitos portugueses, que compreenderam as difíceis condições” pelas quais passou nas últimas semanas, “devido à firme vontade” de contar a sua versão dos factos às autoridades brasileiras, explicando essa opção.

“Após o conhecimento que tomei da situação que todos conhecem, por respeito e vontade de colaboração com a justiça, [decidi]permanecer corajosamente no Brasil para, em primeira mão, prestar as minhas declarações junto às autoridades do país onde os acontecimentos tiveram lugar. Muitos no meu lugar seguramente não fariam o mesmo, o que, em meu entender, não tem sido devidamente valorizado”, lamenta o empresário.

João Loureiro deixa também um desejo.

“Só espero que um dia os seus verdadeiros responsáveis venham a ser descobertos por quem de direito, as autoridades competentes. Aliás, obviamente que se as autoridades competentes nacionais assim o entenderem, estou completamente disponível para também as esclarecer no momento próprio, como fiz com as brasileiras”, revela o advogado.

João Loureiro assume não guardar rancor, “mesmo a alguns que tudo fizeram para injustamente denegrir e menorizar” o seu nome, “vaticinando até (mal) que nem poderia regressar ao meu país e tantas outras coisas mais”.

“Sinceramente, não entendo a razão de ser de tanta incompreensão ou até ódio que por vezes têm por mim. Mas não sou de me ficar a lamentar, aceito o que a vida me traz, mesmo quando como neste caso é muito madrasta, e tenho o dever de seguir em frente, sobretudo quando sei nada de mal ter feito quanto à questão em apreço”, salienta Loureiro.

O empresário recorda que o processo está em segredo de justiça, assumindo que agora “é o tempo de dar espaço à justiça para atuar” e de ele descansar junto da família.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 20 minutos

Juízes pedem “punição mais eficaz” para para titulares de funções públicas que ocultem riqueza

 A Associação Sindical dos Juízes Portugueses (ASJP) entregou aos grupos parlamentares uma proposta de alteração à lei com vista a...

Famalicãohá 35 minutos

Famalicão: Estão abertas as candidaturas aos Selos Visão’25

A iniciativa promovida pela Câmara Municipal, Selos Famalicão Visão’25, já abriu as suas inscrições, visando distinguir os projetos que mais...

Famalicãohá 1 hora

Famalicão: Saiba onde vão estar os radares da PSP durante o mês de abril

A PSP já divulgou, esta terça-feira, a localização dos radares para controlo de velocidade, em Famalicão e concelhos adjacentes. No...

Famalicãohá 2 horas

Famalicão: Caso de covid-19 numa criança encerra Centro Social de Oliveira Santa Maria

O infantário do Centro Social Paroquial de Oliveira Santa Maria, Famalicão, está encerrado desde ontem, segunda-feira, após uma criança que...

Famalicãohá 2 horas

Homem morre esta manhã no apeadeiro de Barrimau

Um homem com 55 anos, residente em Famalicão, faleceu esta manhã no apeadeiro de Barrimau, em Calendário. O indivíduo foi...

Bragahá 14 horas

Homem queimado na cara com tocha por usar camisola do Benfica, em Braga

Um ficou ferido, este domingo, no centro de Braga, depois de uma agressão motivada por rivalidade clubística. De acordo com...

Famalicãohá 15 horas

Câmara de Famalicão concede apoios à juventude e bombeiros voluntários

Os famalicenses com idades entre os 18 e os 35 anos, residentes no concelho há pelo menos três anos, vão...

Barceloshá 16 horas

Homem morre soterrado em Barcelos após derrocada de terras na estrada Nacional 206

Um homem com cerca de 50 anos faleceu, esta tarde, em Barcelos, depois e ter ficado soterrado numa vala, onde...

Famalicãohá 18 horas

Grupo de artistas de Famalicão leva “Democracia, os Filhos dos anos 90 e a Tecnologia”, aos palcos de todo o país

A estrutura de criação Momento – Artistas Independentes, de Famalicão, estreia neste mês o primeiro espetáculo de uma trilogia sobre...

Famalicãohá 19 horas

Famalicão: Mulher sofre queimaduras após cair na casa de banho com água quente ligada

Uma mulher com cerca de 57 anos sofreu queimaduras depois de um acidente na banheira da sua própria habitação, na...

Famalicãohá 19 horas

Incêndio em Arnoso Santa Maria mobiliza bombeiros para zona florestal

Um incêndio deflagrou na tarde desta segunda-feira, numa zona de mato, nas proximidades da Rua Alto do Quintela, em Arnoso...

Paíshá 20 horas

Português de 18 anos surfou a maior onda de sempre na Nazaré e quer entrar para o Guiness

O jovem surfista português António Laureano. de apenas 18 anos, vai candidatar-se ao Guinness World Record depois de ter surfado...

Paíshá 21 horas

Covid-19: Índice de transmissibilidade (Rt) subiu hoje para 1,04

 O índice de transmissibilidade (Rt) nacional do novo coronavírus em Portugal subiu hoje para 1,04 e a incidência de casos...

Sociedadehá 22 horas

Grupo Desportivo do Louro anuncia retorno às competições da Divisão de Honra e 1.ª Divisão da AF de Braga

O Grupo Desportivo do Louro anunciou, esta segunda-feira, o seu retorno às competições na Divisão de Honra e Primeira Divisão...

Paíshá 22 horas

Covid-19: Mais 2 mortos e 271 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 2 óbitos provocados pela pandemia e 271 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Regiãohá 22 horas

GNR registou 38 infrações no âmbito da legislação de covid-19 no distrito de Braga em 7 dias

Entre os dias 05 e 11 março, a GNR levou a efeito um conjunto de operações, no distrito de Braga...

Paíshá 24 horas

António Guterres inclui juiz Ivo Rosa em bolsa de magistrados da ONU

António Guterres, secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), convidou o juiz Ivo Rosa a incluir-se numa bolsa de magistrados...

Paíshá 24 horas

Cartão do Cidadão passa a ser recebido em casa definitivamente

A secretária de Estado da Justiça, afirmou que o cartão de cidadão vai passar a ser sempre entregue em casa...

Paíshá 1 dia

GNR recebe candidatos para Curso de Formação de Guardas

A Guarda Nacional Republicana encontra-se em processo de concurso para constituição da sua reserva de recrutamento. O concurso que dará...

Economiahá 1 dia

Primeiros reembolsos de IRS deverão ser recebidos já a meio desta semana

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) já começou a processar os primeiros reembolsos do IRS e o valor deverá chegar...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191