Siga-nos nas redes

País

Carrinha em contra-mão na autoestrada faz dois mortos e dois feridos (VÍDEO)

Publicado

em

Dois mortos e dois feridos foram o resultado de um violento acidente, que teve lugar, esta quinta-feira, ao quilómetro 17.5 da A1, em Vila Franca de Xira.

De acordo com várias fontes terá sido uma carrinha em contramão que provocou este acidente, que envolveu vários veículos.

O alerta foi registado cerca das 20:00.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

País

Bombeiros salvam cão fustigado por incêndio na Serra da Estrela (VÍDEO)

Publicado

em

Um vídeo captado recentemente, e agora partilhado nas redes sociais, mostra o momento em que um grupo de bombeiros, que combatia o grande incêndio que lavrou na Serra da Estrela, salvou a vida de um cão, visivelmente afetado pelas condições criadas pelas chamas.

Tudo terá contecido no local de Verdelhos, onde o animal foi encontrado ofegante e em estado de aflição.

Os bombeiros tentam salvar a vida do animal dando-lhe água para beber e molhando o seu corpo.

Nas redes sociais, multiplicam-se os agradecimentos às forças de socorro.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Consumo de cerveja aumenta em Portugal. Produção obrigada a seguir tendência

Publicado

em

De acordo com a Associação de Cervejeiros de Portugal houve um aumento da produção e consumo de cerveja no país.

Em Portugal, em 2021, foram produzidos 6.712 mil hectolitros de cerveja, dos quais 6.616 com álcool e apenas 96 sem álcool. Isto significa um aumento de 2,3% em relação aos valores registados em 2020, quando foram produzidos 6.559 mil hectolitros de cerveja em Portugal, 6.491 dos quais com álcool, e 98 dos quais sem álcool.

Em termos de consumo, houve também um aumento em relação a 2020, de 6,7%. Em 2021, os portugueses consumiram 5.001 mil hectolitros de cerveja, o que significou um consumo médio de cerca de 48 litros por habitante. Um número superior aos 46 litros consumidos por habitante em 2020, mas ainda abaixo dos valores registados em 2019, quando os portugueses consumiram, em média, 53 litros de cerveja por habitante.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Desporto

Desportistas olímpicos acusam presidente da Federação Portuguesa de Judo de opressão

Publicado

em

Os olímpicos Telma Monteiro, Catarina Costa, Bárbara Timo, Rochele Nunes, Patrícia Sampaio e Anri Egutidze acusam o presidente da Federação Portuguesa de Judo (FPJ) de opressão e apelam à intervenção da tutela do desporto.

Em carta assinada pelos seis judocas, mais Rodrigo Lopes, num total de sete dos 10 atletas do projeto olímpico da modalidade, são muitas as críticas a Jorge Fernandes, acusado de discriminação e ameaças, no que dizem ser um “clima insustentável e tóxico”.

São vários os pontos focados pelos judocas, que dizem ter reunido e exposto os problemas existentes ao presidente da FPJ, mas que esbarraram na “falta de compreensão, de flexibilidade e sensibilidade” do dirigente.

Os judocas lamentam que Jorge Fernandes continue a insistir na obrigatoriedade da presença em Coimbra em 70/80 por cento dos 52 estágios num ano, ameaçando com a exclusão da equipa, caso os atletas falhem esse pressuposto.

“Aquilo que foi uma boa solução durante o período em que a pandemia causada pela covid-19 impôs a criação de uma bolha de treino, em Coimbra, que nos permitiu estar nos Jogos em segurança, é hoje um dos fatores em que discordamos profundamente da estratégia imposta pela FPJ”, dizem.

Um cenário que, explicam, os impede de participar em estágios internacionais e treinarem com os melhores do mundo, além de o fazerem num local que dizem não ter condições: “por vezes, estão apenas oito atletas presentes para treinar, e durante o inverno chegar a estar sete graus dentro do pavilhão”.

No comunicado, os judocas revelam que Anri Egutidze, de origem georgiana, foi impedido por Jorge Fernandes, de falar a língua materna, e ficou fora de uma competição por “represália” a uma ausência de estágio e não, como se justificou, por questões de saúde.

Também Telma Monteiro e Bárbara Timo, que fizeram um estágio em Itália a expensas próprias, dizem que a FPJ, através do secretário Sergiu Oleinic, questionou se as mesmas estavam lá e que a luso-brasileira foi repreendida pela presença.

“Não compreendemos qual o padrão de coerência — o presidente da Federação diz que os atletas podem realizar estágios internacionais a expensas próprias, mas quando isso acontece sofrem ameaças, represálias e são chamados à atenção”, questionam.

Ainda em relação aos estágios fora de Portugal, os judocas criticam também a FPJ por tratar das estadas e viagens à última hora, “o que mostra a desorganização em que se vive, prejudicando a preparação dos atletas”.

Os sete judocas dizem também não entender que seja a Federação de judo a gerir as bolsas de preparação atribuídas pelo Comité Olímpico a cada um dos atletas, que as conquistou através de determinados resultados desportivos.

“Sendo que cada bolsa deveria ser — por lei — destinada apenas ao atleta a que é atribuída”, explicam, acrescentando que a FPJ tem descontado das bolsas o pagamento de cada treinador que acompanha o atleta e que essa despesa “deveria ser suportada” pela Federação.

Entre vários assuntos, Jorge Fernandes é também acusado de fazer as convocatórias da seleção, em detrimento dos treinadores, e de ter tido um comportamento inadequado para com os judocas de origem brasileira, Rodrigo Lopes, Bárbara Timo e Rochele Nunes.

O presidente da FPJ é acusado de ter, na reunião em que lhe expressaram o descontentamento, categorizado a origem dos três judocas e o facto de assinarem o documento em que dão conta da situação que vivem, chamando-os de “ingratos”.

A judoca Bárbara Timo terá mesmo alegado que as idas para Coimbra contribuíram para a depressão que viveu e tornou pública, mas que o presidente da FPJ terá respondido que ninguém a obrigou a vir do Brasil para Portugal.

A judoca Bárbara Timo terá mesmo alegado que as idas para Coimbra contribuíram para a depressão que viveu e tornou pública, mas que o presidente da FPJ terá respondido que ninguém a obrigou a vir do Brasil para Portugal.

“Várias vezes foi feita a referência à origem dos atletas, que devem ser tratados com respeito e direito a expressar preocupações ou fazer sugestões semelhantes a qualquer outro atleta português”, dizem. “Várias vezes foi feita a referência à origem dos atletas, que devem ser tratados com respeito e direito a expressar preocupações ou fazer sugestões semelhantes a qualquer outro atleta português”, dizem.

A menos de dois anos dos Jogos Olímpicos de Paris2024, os judocas finalizam que “urge uma gestão criteriosa” da carreira desportiva e financeira e pedem que as respetivas bolsas olímpicas sejam geridas pelo Comité Olímpico de Portugal.

A menos de dois anos dos Jogos Olímpicos de Paris2024, os judocas finalizam que “urge uma gestão criteriosa” da carreira desportiva e financeira e pedem que as respetivas bolsas olímpicas sejam geridas pelo Comité Olímpico de Portugal.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Subida de preços na alimentação e combustível responsável pela maior taxa de inflação desde 1992

Publicado

em

Portugal registou a maior taxa de inflação em 30 anos, com o índice de preços ao consumidor a acelerar para 9,1% em Julho, graças ao aumento dos preços da alimentação, habitação e energia, hotéis e restaurantes e transportes.

O Instituto Nacional de Estatística (INE) confirmou em Julho os números da inflação anual que tinha anteriormente publicado há duas semanas, revelando um aumento da taxa de 0,4 pontos percentuais em comparação com o mês anterior.

A taxa de inflação mede a variação de preços de um cabaz de bens e serviços que consumimos diariamente, tais como alimentos, vestuário, casa e energia, em relação ao período anterior.

Para a maior taxa de inflação anual desde Novembro de 1992, quatro classes de produtos contribuíram principalmente, de acordo com o gabinete de estatística: habitação, água, electricidade, gás e outros combustíveis (16,6%), hotéis e restaurantes (14,8%), alimentação e bebidas não alcoólicas (13,9%) e transportes (12,8%).

Por outro lado, a saúde foi a única classe de consumo por objetivo que viu uma redução nos preços (-3,57%) e que estará relacionada com o fim das taxas de utilização no SNS desde 1 de Junho.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

GNR identifica suspeitos de burlas com MB Way em Porto e Braga

Publicado

em

A GNR do Porto identificou oito pessoas, com idades entre os 33 e 61 anos, por crimes de burla através da aplicação MB Way nos distritos do Porto, Braga, Aveiro, Coimbra e Évora, informou hoje aquela força de segurança.

Em comunicado, a GNR esclareceu que os suspeitos, cinco homens e três mulheres, foram identificados na segunda-feira, no âmbito de uma investigação que decorria, por burla através da plataforma MB Way, realizada pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Porto da GNR.

Os militares da Guarda apuraram que os alegados burlões “abordavam as vítimas, convidando as mesmas para a criação de contas de MB Way, solicitando que estas lhes fornecessem os códigos de acesso das contas criadas, retirando posteriormente, elevadas quantias monetárias das contas bancárias das vítimas”.

“No decorrer das diligências policiais foi possível proceder à localização e identificação dos oito suspeitos, tendo sido efetuadas 18 buscas domiciliárias, nove em domicílios e nove em veículos, que culminaram na apreensão de diversos cartões bancários e outros documentos relacionados com atividade financeira e ainda diverso vestuário furtado”, refere a mesma nota.

Ainda segundo a GNR, os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Tomar.

A ação contou com o reforço dos Núcleos de Investigação Criminal (NIC) de Braga, Cantanhede, Évora e de Oliveira de Azeméis e com o apoio da Policia de Segurança Pública (PSP) do Porto.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Corrida Auchan está de volta para promover prática de desporto e solidariedade

Publicado

em

Depois de dois anos de interrupção, está de volta a Corrida Auchan, na sua 9.ª edição, com data marcada para 10 de setembro, no Centro Desportivo Nacional do Jamor, em Oeiras.

Visando promover a atividade física entre pessoas de todas as idades, este evento desportivo será composto por diversas provas: corrida de 10 km; caminhada de 5 km; corrida Rik&Rok para os mais novos; Street Basket; assim como a experimentação de outras modalidades desportivas como atletismo, canoagem, crossfit, ginástica, gincana de ciclismo, golfe, karts, ténis, tiro com arco e voleibol.

O evento, promovido pela Auchan Retail Portugal, passa agora a fazer parte da Auchan Live, a agenda de eventos da marca que surge com o objetivo de criar experiências memoráveis para os consumidores e de ligar a Auchan com o exterior. Esta é a primeira vez que um evento da Auchan Live é realizado fora de portas, em contacto com a natureza.

A Corrida Auchan surgiu em 2013, no Autódromo do Estoril, local que manteve até 2019, com exceção em 2014 que passou por Guimarães, pelo Autódromo do Estoril e Autódromo de Portimão. Privilegiando sempre a prática desportiva em família, a Corrida reforçou o programa de iniciativas ao longo dos anos com diversas atividades. Em 2020, devido à Covid-19, não foi possível a realização do evento presencial, pelo que a organização celebrou a oitava edição de forma virtual. Os 2.500 inscritos permitiram que a Auchan efetuasse um donativo de 5.000€ à Fenacerci – Federação Nacional de Cooperativas de Solidariedade Social. Em oito edições, a Corrida Auchan já recebeu cerca de 29.000 atletas.

O evento é apoiado pelo Centro Desportivo Nacional do Jamor, Federação Portuguesa de Atletismo e Federação Portuguesa de Basquetebol, com organização técnica da HMS Sports.

As inscrições para a Corrida Auchan já estão abertas e podem ser efetuadas em corridaauchan.pt.

PROGRAMA DA 9a CORRIDA AUCHAN

09 SETEMBRO – Centro Desportivo Nacional do Jamor (relvado informal, próximo da pista no 2
do CAR de Atletismo)
10h00 às 18h00 | entrega de kits de participação

10 SETEMBRO – Centro Desportivo Nacional do Jamor
10h00 | início das atividades desportivas
10h00 | início do Street Basket
10h00 | entrega de kits de participação
16h00 | corrida Rik&Rok
17h30 | corrida 10 km + caminhada 5 km
18h30 | cerimónia de Pódio
19h30 | encerramento do evento

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Jovem desaparecida desde 01 de agosto encontrada com vida pela PSP

Publicado

em

Foi encontrada a deambular pela rua e desorientada a jovem de 23 anos que estava desaparecida desde o dia 01 de agosto em Tomar.

Depois de os seus pertences terem sido encontrados junto à Santa Casa da Misericórdia em Lisboa, terá sido um elemento da PSP que identificou a jovem, no Cacém, em Sintra.

De acordo com a CM, o discurso de Vanessa não era coerente, não conseguindo sequer explicar sequer como foi parar naquele local.

Apesar disto, o seu estado de saúde aparenta ser estável.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Economia

Seguradoras vão pagar cerca de 8 milhões em indemnizações pelos incêndios deste verão

Publicado

em

As seguradoras estimam o pagamento de indemnizações de 8 milhões de euros por incêndios ocorridos durante a situação de contingência e alerta decretada em Julho, de acordo com um inquérito da APS, a Associação Portuguesa de Seguradoras.

Conclusões de um inquérito aos membros, divulgado hoje, indicam também que Leiria foi o distrito com mais sinistros reportados, mas que os sinistros envolvendo o maior número de prejuízos foram reportados nos distritos de Faro (do incêndio em Almancil/ Quinta do Lago) e Aveiro.

Quase todas as perdas reportadas dizem respeito a seguros multi-risco, tanto comerciais como industriais (49%) e residenciais (37%).

“A situação que o país atravessou recentemente, e a crescente frequência dos eventos climáticos que estão na sua origem, reforçam a importância do seguro como elemento de mitigação das perdas sofridas e como factor de estabilidade na vida das pessoas e empresas”, disse o presidente da APS, José Galamba de Oliveira, num comunicado.

Segundo dados do Instituto para a Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), o período até 31 de Julho de 2022 registou o quinto maior número de incêndios e a terceira maior quantidade de áreas ardidas desde 2012.

Julho é o mês (até agora) com o maior número de fogos rurais – 40% do total este ano. É também o mês com as áreas mais ardidas – 46.996 hectares, o que representa 81% de todas as áreas ardidas registadas este ano.

Os cinco maiores incêndios (até agora) ocorreram todos em Julho; o que consumiu a maior área foi no município de Murça, Vila Real, a 17 de Julho (7.058 hectares), seguido do incêndio de Pombal, Leiria, onde arderam 5.126 hectares (8 de Julho).

O incêndio de Chaves, Vila Real, no dia 15 de Julho, surge em 3º lugar, com 3.368 hectares ardidos, seguido de Carrazeda de Ansiães, Bragança (7 de Julho), com 3.330 hectares ardidos, e Ourém, Santarém, também a 7 de Julho, que consumiu 2.936 hectares.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Chuva de meteoros e “super-lua” serão visíveis no céu esta sexta-feira

Publicado

em

Uma nova super-lua iluminará novamente o céu na sexta-feira, ao mesmo tempo que se espera que a chuva de meteoros Perseid atinja o seu pico.

As super-luas ocorrem quando a lua cheia coincide com o período de aproximação da lua à Terra e este ano já houve três, em Maio, Junho e Julho. Em 2023 e 2024, prevê-se que o fenómeno se repita quatro vezes por ano.

Os Perseids são uma das chuvas de meteoros mais famosas do Hemisfério Norte e atingem o seu auge nos dias 11, 12 e 13 deste mês. O nome foi dado pelos astrónomos Lewis Swift e Horace Tuttle, que descobriram o fenómeno em 1863.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Banhos em 5 praias de Matosinhos desaconselhados após incêndio em fábrica de tintas

Publicado

em

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) desaconselhou hoje a prática balnear em cinco praias de Matosinhos, no distrito do Porto, devido a um foco de poluição causado por um incêndio numa fábrica de tintas, em Leça da Palmeira.

A prática balnear foi desaconselhada nas praias do Aterro, Azul-Conchinha, Boa Nova-Senhora, Fuzelhas e Leça da Palmeira, até “as análises à água indicarem que os valores se encontram dentro dos parâmetros de referência”, divulgou hoje a Autoridade Marítima Nacional (AMN) em comunicado.

A APA e a Unidade de Saúde Pública de Matosinhos foram contactadas pelas 22:00 de segunda-feira, na sequência de um incêndio que deflagrou ao início da noite numa fábrica de tintas em Leça da Palmeira.

A Proteção Civil de Matosinhos alertou as autoridades para a possibilidade de surgir um foco de poluição no mar, devido ao rápido deslocamento das águas residuais, através do sistema de águas pluviais, até uma ribeira que desagua na praia Azul.

“Na sequência do alerta foram de imediato ativados para o local elementos do comando-local da Polícia Marítima e da Capitania do Porto de Leixões, bem como do Departamento Marítimo do Norte, que constataram a presença de um foco de poluição numa zona de difícil acesso, tendo sido contactada posteriormente uma empresa especializada para proceder à recolha do material poluente”, explicou a AMN na nota de imprensa.

O incêndio, que começou por volta das 19:45, foi controlado e extinto durante a tarde de hoje por diversas corporações de bombeiros de Matosinhos, Gondomar e Maia, acrescentou ainda.

A Câmara de Matosinhos também divulgou, em comunicado, o desaconselhamento de banhos nas cinco praias “até indicação em contrário”, apelando ainda “à compreensão” dos cidadãos.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Artigos Recentes

Famalicãohá 9 horas

Famalicão: Casa das Artes recebe Gala Solidária IPO Pediatria com música animação humor magia e circo

Realiza-se no próximo dia 09 de setembro (sexta-feira) A Gala Solidária IPO Pediatria, na Casa das Artes de Famalicão. Num...

Paíshá 10 horas

Bombeiros salvam cão fustigado por incêndio na Serra da Estrela (VÍDEO)

Um vídeo captado recentemente, e agora partilhado nas redes sociais, mostra o momento em que um grupo de bombeiros, que...

Regiãohá 11 horas

Bombeiros dominam incêndio em garagem de prédio na Trofa

Um incêndio deflagrou na garagem de um edifício na Trofa, ao final da manhã desta quinta-feira, de acordo com a...

Desportohá 11 horas

Famalicão/Xadrez: Inês Silva obtém título de Mestre FIDE

As Olimpíadas de Xadrez 2022, evento que se realiza de 2 em 2 anos, disputaram-se emChennai, na Índia, de 29...

Desportohá 12 horas

Treinador do FC Famalicão preparado para um SC Braga “grande”

O treinador do Famalicão admitiu hoje que espera uma partida difícil com o Sporting de Braga, uma equipa que se...

Paíshá 12 horas

Consumo de cerveja aumenta em Portugal. Produção obrigada a seguir tendência

De acordo com a Associação de Cervejeiros de Portugal houve um aumento da produção e consumo de cerveja no país....

Desportohá 13 horas

Desportistas olímpicos acusam presidente da Federação Portuguesa de Judo de opressão

Os olímpicos Telma Monteiro, Catarina Costa, Bárbara Timo, Rochele Nunes, Patrícia Sampaio e Anri Egutidze acusam o presidente da Federação...

Economiahá 13 horas

Subida de preços na alimentação e combustível responsável pela maior taxa de inflação desde 1992

Portugal registou a maior taxa de inflação em 30 anos, com o índice de preços ao consumidor a acelerar para...

Paíshá 13 horas

GNR identifica suspeitos de burlas com MB Way em Porto e Braga

A GNR do Porto identificou oito pessoas, com idades entre os 33 e 61 anos, por crimes de burla através...

Economiahá 14 horas

Crise: Presidente da Ryanair diz que acabou o tempo do voos a 10 euros

O presidente executivo da Ryanair, Michael O’Leary, avisou hoje que o tempo dos voos a 10 euros acabou, devido à...

pub

Jornal

Rádio

Arquivo

FAMA NAS REDES