Siga-nos nas redes

País

Avanço do mar no Norte de Portugal: “Em breve, vamos ter de retirar pessoas da zona costeira”

Publicado

em

O avanço da água do mar e o défice sedimentar tornam difícil a vida na linha costeira e no Norte, há zonas onde já se devia ter começado a realojar pessoas, defendem alguns especialistas.

“Um caso paradigmático são as torres de Ofir em que, desesperadamente, se tenta que elas se mantenham erguidas, quando, se vivêssemos num país a sério, elas há muito teriam sido demolidas, e não se teria gastado dinheiro público para proteger interesses privados”, vaticina Adriano Bordalo e Sá, hidrobiólogo, investigador do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar.

O cientista reconhece que, “para um autarca, a decisão também não é simples”, mas diz que “é preciso coragem”.

Olhando para as projeções avançadas pela Climate Central para 2030 de inundações anuais relacionadas com a subida do nível das águas do mar no território português, saltam à vista os estuários do Tejo e do Mondego, mas é a mancha vermelha da zona de Aveiro a que mais assusta.

Mais acima, zonas como Esmoriz, Espinho, Matosinhos, incluindo o porto de Leixões, Ofir e Viana do Castelo também inspiram cuidados.

“Definitivamente, não creio que tenhamos condições para continuar a investir dinheiros públicos para proteger interesses privados. Não podemos estar com medidas pontuais para proteger algo que não é possível mais proteger”, reitera.

O problema, considera Bordalo e Sá, não se resolve “com paninhos quentes: elaborar projetos, elaborar programas, elaborar seja o que for, com palavras muito bonitas e com gráficos muito coloridos, mas para ficar tudo na mesma”.

“Em breve, vamos ter de começar a retirar pessoas da zona costeira”, defende, acrescentando que “é muito mais barato prevenir do que tratar”.

Carlos Coelho, investigador do Departamento de Engenharia Civil da Universidade de Aveiro, lembra que, para mitigar o avanço da água do mar, é possível introduzir areia no sistema costeiro, fazer obras de proteção da orla costeira, ou “a demolição e relocalização de determinadas estruturas e bens”.

Estes cenários “podem ter custos de primeiro investimento muito diferentes, e depois custos ao longo do tempo também diferentes”, disse.

“Se estivermos a pensar num horizonte temporal correspondente a um ciclo político, tudo o que são investimentos grandes à partida não são boas opções, porque não têm retorno ao fim de quatro ou cinco anos, mas só ao fim de 20 anos”, refere.

O engenheiro frisa que o tempo de ação não é o adequado à velocidade com que as coisas estão a mudar: “enquanto não é feita uma medida mais de fundo, muitas vezes são necessárias as medidas reativas”.

“Estes processos de planeamento prévio, sem ser reativo, são sempre demorados e pouco compatíveis com a escala de tempo da natureza”, prossegue.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Famalicãohá 5 horas

Vilarinho das Cambas celebra Festas em Honra de Santo Isidro este fim de semana

A freguesia de Vilarinho das Cambas celebra, nos dias 02 e 03 de outubro, as Festas em Honra de Santo...

Desportohá 5 horas

FC Famalicão: Alexandre Penetra renova até 2026

O Famalicão, da I Liga portuguesa de futebol, anunciou hoje a renovação de contrato com o central Alexandre Penetra até...

Paíshá 5 horas

Papa apela para que os jovens façam uma a “peregrinação espiritual” rumo à Jornada Mundial da Juventude

O Papa Francisco apelou, esta segunda-feira, para que os jovens fieis façam uma “peregrinação espiritual rumo à Jornada Mundial da...

Famalicãohá 6 horas

Famalicão distinguido com a Bandeira Verde ECOXXI pelo 5.º ano consecutivo

Vila Nova de Famalicão voltou a ser distinguido, pelo quinto ano consecutivo, com o galardão Bandeira Verde ECOXXI, numa cerimónia...

Famalicãohá 7 horas

Famalicense Sofia Oliveira fica em 1.º lugar em campeonato internacional de kickboxing

A lutadora de kickboxing famalicense Sofia Oliveira disputou, este fim de semana, o torneio WAKO Balkan Open 2021 na Bósnia...

Famalicãohá 7 horas

Autárquicas/Famalicão: PSD-CDS/PP vence em 22 das 34 freguesias. Abstenção foi de 37%

Os famalicenses votaram, nas Eleições Autárquicas, realizadas este domingo, e deram, em mais de metade das freguesias, a vitória à...

Famalicãohá 9 horas

Autárquicas: Mulheres passam a liderar 28 das câmaras municipais de Portugal

Das 308 câmaras do país, 28 foram ganhas por uma mulher, o que corresponde a aproximadamente 9% do total e...

Paíshá 10 horas

Covid-19: Mais 1 morto e 230 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 1 óbito provocado pela pandemia e 230 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Famalicãohá 10 horas

Famalicão: Casa das Artes recebe festival Close-Up em outubro. Conheça aqui o cartaz

A Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão vai receber, entre 16 e 23 de outubro, a sexta edição...

Famalicãohá 11 horas

Cinco detidos por condução com excesso de álcool este fim de semana entre Famalicão e Braga

Quatro homens e uma mulher, com idades entre os 22 e 66 anos, foram detidos, este fim de semana, entre...

Famalicãohá 11 horas

Famalicão: Homem de 31 anos por conduzir sem ter carta de condução

Um homem de 31 anos foi detido, na noite deste domingo, em Famalicão, por conduzir sem qualquer documento que o...

Famalicãohá 12 horas

Famalicão: Iniciativa JustGreen está de volta com palestra sobre descarbonização

A iniciativa JustGreen está de volta com mais uma ação de capacitação, desta vez sob o tema da descarbonização, numa...

Famalicãohá 12 horas

Eleições: PSD dominou distrito de Braga com nove câmaras, PS fica com cinco

O PSD conquistou nove câmaras do distrito de Braga, as mesmas que em 2017, enquanto o PS subiu de quatro...

Famalicãohá 12 horas

Antas e Abade de Vermoim: Manuel Alves da coligação PSD-CDS/PP venceu com 50% dos votos

A contagem dos votos, efetuada nas freguesias de Antas e Abade de Vermoim, na noite deste domingo, dá a vitória...

Famalicãohá 12 horas

Francisco Gonçalves do Movimento Independente Por Delães venceu com 40% das votações

A contagem dos votos, efetuada na freguesia de Delães, na noite deste domingo dá a vitória ao candidato Francisco Gonçalves.

Famalicãohá 12 horas

Lousado: Jorge Ferreira da coligação PSD-CDS/PP vence com 71% dos votos

A contagem dos votos, efetuada na freguesia de Lousado, na noite deste domingo dá a vitória ao candidato Jorge Ferreira.

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: Sol e chuva nos primeiros dias de outono

As previsões do Instituto Portuguê do Mar e da Atmosfera para o concelho de Famalicão indicam que apesar de uma...

Famalicãohá 13 horas

Famalicão: Veículo ligeiro despista-se ao início da manhã em Seide S. Paio

Uma viatura ligeira despistou-se, na manhã desta segunda-feira, em Seide S. Paio. Sem grandes anos aparentes, o veículo de quatro...

Famalicãohá 22 horas

Duarte Veiga vence com 51% das votações pelo Movimento Por Ruivães e Novais

A contagem dos votos, efetuada na freguesias de Ruivães e Novais, na noite deste domingo dá a vitória ao candidato...

Famalicãohá 22 horas

Lemenhe, Mouquim e Jesufrei: Coligação PSD-CDS/PP vence com 63% dos votos

A contagem dos votos, efetuada na freguesias de Lemenhe, Mouquim e Jesufrei, na noite deste domingo, dá a vitória ao...

Arquivo

FAMA NAS REDES

AUTÁRQUICAS: DOMINGO, 26 DE SETEMBRO, A PARTIR DAS 20H, NÃO PERCA EM DIRETO A NOITE ELEITORAL NA FAMA RÁDIO E TELEVISÃO…

Carregue no PLAY para iniciar o streaming. 

A emissão começa no final do anúncio. Veja a toda a largura do seu ecrã, quando terminar o anúncio, carregando nas setas do canto inferior direito. Desfrute!