Siga-nos nas redes

País

OMS: Covid-19 terminará “quando o mundo decidir acabar com ela”

Publicado

em

A pandemia da Covid-19 terminará “quando o mundo decidir acabar com ela”, afirmou este domingo o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), alegando que estão disponíveis “todas as ferramentas” para combater o vírus SARS-CoV-2.

“A pandemia vai acabar quando o mundo decidir acabar com ela. Está nas nossas mãos, temos todas as ferramentas de que precisamos”, salientou Tedros Adhanom Ghebreyesus, na abertura da Cimeira Mundial da Saúde, que reúne anualmente políticos e profissionais do setor em Berlim.

O responsável da OMS lamentou ainda que o “mundo não tenha usado essas ferramentas com sabedoria”, uma vez que as “quase 50 mil mortes por semana” associadas à Covid-19 a nível global indicam que “a pandemia está longe de acabar”.

O objetivo global da OMS, anunciado em setembro, é que cada país vacine pelo menos 40% da sua população até ao final do ano e que 70% da população mundial esteja imunizada até meados de 2022. A meta inicial era que todos os países tivessem vacinado pelo menos 10% da sua população até final de setembro, mas esta percentagem não foi alcançada em 56 países.

Para inverter a baixa taxa de vacinação especialmente em países pouco desenvolvidos, a OMS e a ONU anunciaram, no início do mês, uma nova estratégia de vacinação global contra a Covid-19 que necessita de oito mil milhões de dólares (6,9 mil milhões de euros) para assegurar uma distribuição equitativa de vacinas.

Na conferência, Tedros Adhanom Ghebreyesus considerou que as novas metas de vacinação estabelecidas “são alcançáveis”, mas alertou que para isso os países e as empresas que controlam o fornecimento de vacinas devem “traduzir suas declarações em ações”.

“Os países que já atingiram a meta de 40%, incluindo todos os países do G20 [as 20 maiores economias mundiais], devem ceder vacinas” ao sistema internacional Covax e ao Fundo Africano para a Aquisição de Vacinas, instituído pela União Africana, defendeu o diretor-geral da organização.

Numa mensagem de vídeo gravada, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, reiterou que “o triunfo das vacinas – desenvolvidas e colocadas no mercado em tempo recorde — está a ser anulado pela tragédia da distribuição desigual” ao nível mundial.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Famalicãohá 26 minutos

16 votos separaram Paulo Rangel de Rui Rio em Famalicão

Rui Rio foi reeleito este sábado presidente do PSD com 52,43% dos votos, em eleições diretas que disputou com o...

Sociedadehá 38 minutos

90 mil pessoas vacinadas este sábado com a terceira dose da vacina contra a Covid-19

Portugal alcançou, este sábado, um recorde diário na administração de doses de reforço da vacina contra a covid-19. Foram vacinadas,...

Paíshá 18 horas

Covid-19: Portugal regista mais 12 mortos 3364 novos casos

Portugal regista, este sábado, mais 12 mortos e 3364 novos casos de covid-19, de acordo com a mais recente atualização...

Paíshá 19 horas

Processo de vacinação contra a Covid vai acelerar e pode atingir 90%

O coronel Carlos Penha-Gonçalves prometeu este sábado intensificar o processo de vacinação contra a Covid-19 e manifestou-se convicto de que...

Paíshá 19 horas

Graça Freitas diz que estão a ser investigados casos da Omicron em Lisboa

A diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, admitiu hoje que estão a ser investigados casos da nova variante do vírus que...

Mundohá 21 horas

Comprimido anti-covid-19 da Merck é eficaz segundo regulador norte-americano (FDA)

O comprimido anti-covid-19 desenvolvido pela Merck é eficaz no tratamento do novo coronavírus, afirmou a Administração de Alimentos e Drogas...

Paíshá 21 horas

Aluno de 16 anos acusado de bater na professora em escola do Porto

Docente de escola secundária do Porto participou o incidente à PSP. Alegado agressor foi suspenso preventivamente e aguarda procedimento disciplinar....

Guimarãeshá 23 horas

Cortejo do Pinheiro em Guimarães volta a ser cancelado

As Festas Nicolinas não terão este ano o tradicional cortejo do Pinheiro, que teria lugar na próxima segunda-feira, dia 29,...

Paíshá 24 horas

Rui Rio e Paulo Rangel disputam hoje liderança do PSD em eleições diretas

De acordo com o site do PSD, o universo eleitoral para as décimas eleições diretas do partido é de 45.973...

Paíshá 1 dia

Campanha do Banco Alimentar este fim de semana conta com a ajuda de 20 mil voluntários

A primeira campanha presencial do Banco Alimentar contra a Fome no contexto da pandemia vai contar com 20 mil voluntários...

Paíshá 1 dia

Farmácias reforçam-se para corrida aos testes covid

Preparam-se para pico de afluência por causa das novas regras para travar a covid-19. Já há reservas para o Natal....

Paíshá 1 dia

Empresas vão receber apoio até 112 euros pelo aumento do salário mínimo em 2022

O Governo confirmou, sexta-feira, na Concertação Social o aumento do salário mínimo de 40 euros em 2022, para 705 euros,...

Paíshá 2 dias

Motociclista apanhado em flagrante pela PSP a fazer “cavalinho” em plena via

Um motociclista foi apanhado por um elemento da PSP enquanto fazia um “cavalinho”, manobra que consiste em levantar a roda...

Paíshá 2 dias

Festas universitárias de Coimbra responsáveis por “explosão” de covid-19 em 42 concelhos

O INSA detetou uma “subida abrupta” de uma das sublinhagens da variante Delta após a Latada de Coimbra, que se...

Desportohá 2 dias

Judoca Telma Monteiro ganha medalha de ouro no Grand Slam de Abu Dhabi

A judoca portuguesa Telma Monteiro conquistou hoje a medalha de ouro no Grand Slam de Abu Dhabi, ao vencer na...

Paíshá 2 dias

Tempo excessivo com tablets e smartphones está a afetar a inteligência das crianças -Estudo

Os períodos de tempo excessivos que as crianças passam, nos dias de hoje, em contacto com ecrãs interativos, como os...

Famalicãohá 2 dias

Famalicão: Infeções por covid-19 duplicaram no espaço de uma semana

Os dados da Direção-Geral da Saúde referentes à incidência de novos casos da covid-19, das duas últimas semanas, no concelho...

Paíshá 2 dias

Covid-19: Mais 8 mortos e 3205 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 8 óbitos provocados pela pandemia e 3205 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Paíshá 2 dias

Centros de vacinação abertos em dezembro para segunda dose Janssen a maiores de 50 anos

Os centros de vacinação vão estar abertos nos dias 05, 08, 12 e 19 dezembro para vacinar a população com...

Famalicãohá 2 dias

Famalicão: Parque D. Maria II já disponibiliza 82 lugares de estacionamento

Abriu hoje parte do parque de estacionamento da Praça D. Maria II, no centro da cidade de Famalicão. A abertura...

Arquivo

FAMA NAS REDES