Siga-nos nas redes

Economia

Novo Banco: PSD acusa Governo de falta de “coragem” para dizer “basta”

Publicado

em

Insistindo que o Estado só deve cumprir os compromissos assumidos se houver garantias de que não está a ser enganado, o presidente do PSD, Rui Rio, acusou hoje o Governo de falta de coragem no processo do Novo Banco.

“Não foi da minha parte, nem da parte do PSD que alguma vez se disse que não honramos os compromissos. Agora uma coisa é honrar os compromissos, outra coisa é ter sérias dúvidas se o Estado não está a ser enganado, se os contribuintes portugueses não estão a ser enganados e lá vai um ano, dois anos e não fazemos nada, vamos deixando passar”, defendeu Rui Rio.

No Porto, o líder do maior partido da oposição acusou o Governo de falta de coragem para “dizer basta”, insistindo que os compromissos só devem ser assumidos se for clarificado que o Novo Banco “não fabricou” menos valias na venda dos ativos.

“É essa coragem que faltou ontem [quinta-feira] e que tem faltado ao Partido Socialista e ao Governo. A coragem que nós tivemos e outros grupos parlamentares também tiveram de dizer: alto, basta, vamos ver se está certo ou não está certo. Se estiver certo, cumprimos. Se não estiver certo basta de enganar o Estado”, declarou.

Na quinta-feira, após a aprovação da proposta do Bloco de Esquerda que anula transferência orçamental para o Fundo de Resolução, o primeiro-ministro, António Costa, garantiu à presidente do Banco Central Europeu, Christine Lagarde, que o Governo cumprirá os compromissos assumidos no quadro da venda do Novo Banco.

O líder do executivo português tinha atacado o PSD e Bloco de Esquerda por terem anulado a transferência orçamental para o Fundo de Resolução e garantido que não se deixará condicionar pela proposta de impedir a transferência de 476 milhões de euros para o Fundo de Resolução, que tem como destino o Novo Banco.

Em declarações hoje aos jornalistas, Rio insistiu que ambas partes tem de cumprir os compromissos assumidos, mas primeiro é necessário clarificar.

“Todos nós olhamos para o preço a que as coisas foram vendidas e ficamos com óbvias dúvidas e é uma vez e são duas e são quatro e são cinco. Temos de clarificar isto. O melhor que o PSD fez, foi solicitar, com o apoio de outros grupos parlamentares, uma auditoria a um organismo independente como é o Tribunal de Contas (?) que vai chegar a uma conclusão”, referiu.

Para o social-democrata, se a auditoria concluir que o Novo Banco cumpriu, o Estado tem de honrar os seus compromissos, pelo que considerou desnecessárias as declarações do primeiro-ministro António Costa que veio já garantir que o Estado cumprirá ?

“Eu, para honrar um compromisso, é preciso que a outra parte honre também o compromisso. Portanto eu acho que é quase desnecessário dizer o Estado vai honrar os seus compromissos. Tem de honrar, isto não é a `república das bananas´, o Estado tem de honrar os seus compromissos, mas da mesma forma, para honrar os seus compromissos a contraparte também tem de estar a honrar os compromissos. Neste caso, estar a vender os ativos que tem de vender a preços reais de mercado, sem estar a fabricar as menos valias”, rematou.

Questionado sobre as noticias que dão conta que o deputado social-democrata Álvaro Almeida quis votar contra a proposta do BE, mas direcção da bancada do PSD não permitiu, Rui Rio disse apenas que tem ideias e vai em frente, “quem quiser vem, quem não quiser não vem”.

O deputado pediu que lhe fosse dada liberdade de voto porque a proposta do Bloco vai ter consequências: “Põe em causa toda a estabilidade do sistema financeiro português”.

O PSD inaugurou, no Porto, uma campanha de cartazes de rua que evoca os 40 anos da morte de Francisco Sá Carneiro. No total, são 15 cartazes, com mensagens diferentes, 10 dos quais espalhados pelas cidades do Porto e Lisboa.

Na cerimónia de hoje, o presidente do PSD descerrou simbolicamente um desse cartazes que dizia: “Não há nada que pague a sinceridade na ação política”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Póvoa de Varzimhá 5 minutos

Póvoa de Varzim: PSP detém homem que recrutava mulheres para prostituição

Após quase seis meses de investigação, a PSP conseguiu deter várias pessoas suspeitas da prática do crime de lenocínio, entre...

Paíshá 32 minutos

Covid-19: Mais 501 infetados e 2 mortes

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Direção Geral de Saúde, registaram-se, nas últimas 24 horas, mais 501 infetados por...

Famalicãohá 43 minutos

Fábricas da Coindu totalmente paradas desde terça-feira

A Coindu, empresa produtora de componentes para automóveis, tem atualmente as suas fábricas totalmente paradas desde a passada terça-feira devido...

Paíshá 3 horas

Governo aprova hoje novas medidas para a terceira fase do desconfinamento

As medidas da terceira fase do desconfinamento são, esta quinta-feira, aprovadas pelo Governo. Está previsto o regresso das aulas presenciais...

Regiãohá 4 horas

Homem com cerca de 70 anos encontrado baleado, já sem vida, na Estrada Nacional 13 em Vila do Conde

Um homem com cerca de 70 anos foi encontrado morto, com sinais de ter sido baleado, esta quinta-feira, em Vila...

Famalicãohá 4 horas

Continental Mabor cria novo parque industrial de mais de 42 milhões de euros com 55 postos de trabalho

O Governo declarou a utilidade pública da expropriação de terrenos para a criação do parque industrial da Continental Mabor em...

Famalicãohá 4 horas

Alerta Famalicão: Braga será hoje o distrito mais quente do país

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê que o distrito de Braga será, esta quinta-feira, o mais quente...

Paíshá 16 horas

Estado de Emergência: Marcelo admite confinamentos locais para conter a covid-19

O Presidente da República afirmou hoje esperar que o estado de emergência esteja a caminhar para o fim, sem dar...

Guimarãeshá 19 horas

Funcionários da Coelima “preocupados” com insolvência mas “empenhados e a produzir”

Os funcionários da Coelima, que hoje se apresentou à insolvência, estão “preocupados mas serenos” e vão continuar “empenhados e a...

Famalicãohá 20 horas

Atualização: Empresário de Famalicão atacado enquanto dormia por mulher que saltou muro da sua habitação

Numa informação recente feita chegar às redações, a Polícia Judiciária a firma que terão, ao que tudo indíca, sido motivos...

Póvoa de Varzimhá 21 horas

Primeiro ventilador nacional, produzido na Póvoa de Varzim começa a ser distribuído pelos hospitais nacionais

A primeira unidade de um ventilador produzido em Portugal e com certificação europeia foi hoje simbolicamente entregue a uma associação...

Paíshá 21 horas

Governo procura “justo equilíbrio” entre desconfinamento e restrições

O ministro da Administração Interna afirmou hoje que o Governo vai adotar na quinta-feira “um justo equilíbrio” entre desconfinamento e...

Paíshá 22 horas

É oficial: Estado de emergência renovado até 30 de abril

O parlamento autorizou hoje uma nova renovação do estado de emergência até 30 de abril para permitir medidas de contenção...

Famalicãohá 24 horas

Famalicão: Um ferido após colisão entre veículo pesado e ligeiro em Gavião

Uma pessoa ficou ferida ao final da manhã desta quarta-feira depois de uma colisão rodoviária envolvendo dois veículos de trasnporte...

Desportohá 1 dia

Hóquei Patins: Treinador famalicense assume-se como técnico principal do Infante Sagres

O treinador de hóquei patins famalicense Jorge Ferreira, irá passar a assumir o papel de treinador da equipa Infante Sagres,...

Paíshá 1 dia

Covid-19: Mais 8 mortos e 684 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 8 óbitos provocados pela pandemia e 684 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Famalicãohá 1 dia

Famalicão: Mulher de 45 anos detida por suspeitas da morte de empresário têxtil em julho 2020

Uma mulher foi detida, esta quarta-feira, em Famalicão, pela Polícia Judiciária, por suspeita ter ter morto o empresário Joaquim Sousa,...

Famalicãohá 1 dia

Bombeiros Famalicenses resgatam cão caído dentro de poço com 6 metros

Os Bombeiros Voluntários Famalicenses foram destacados, ao final da manhã desta quarta-feira, para uma situação de resgate animal, em Lemenhe,...

Guimarãeshá 1 dia

Têxtil de Guimarães Coelima pede insolvência após quebra de vendas superior a “60%”

 A empresa têxtil de Gumarães, Coelima apresentou-se hoje à insolvência, na sequência da quebra de vendas “superior a 60%” provocada...

Paíshá 1 dia

Um quinto da população portuguesa é pobre e a maior parte destes trabalha – Estudo

Um quinto da população portuguesa é pobre e a maior parte das pessoas em situação de pobreza trabalha, sendo que...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191