Siga-nos nas redes

País

CTT iniciam hoje greve de três dias

Publicado

em

Reivindicando aumentos salariais e reforço de colaboradores para o serviço postal, distribuição e chefes de estação, os trabalhadores dos CTT cumprem hoje uma greve, que vai decorrer também na quarta e quinta-feira.

No dia 17 de novembro, o secretário geral do Sindicato Nacional dos Trabalhadores dos Correios e Telecomunicações (SNTCT), Vitor Narciso, disse que a greve deverá ter “um grande impacto no atendimento e no tratamento e distribuição de correspondência, mas é essa a intenção, para que a empresa perceba a indignação dos trabalhadores e a opinião pública perceba o que se passa nos CTT”.

De acordo com o sindicalista, o objetivo é que “seja reposta a normalidade nos CTT em termos de contratação coletiva e de qualidade do serviço público que é prestado à população, que é cada vez pior, com os atrasos a aumentar na distribuição de correspondência”.

Vitor Narciso lembrou ainda que o processo negocial se arrastou desde o início do ano e acabou sem qualquer acordo, já em fase de conciliação do Ministério do Trabalho, com a empresa a alegar falta de liquidez para os aumentos salariais.

“A empresa disse que não tinha dinheiro, mas pouco depois distribuiu prémios, com critérios subjetivos, e antecipou o pagamento do subsídio de Natal, parece que o problema não seria a alegada falta de liquidez, mas sim a falta de vontade de aumentar os salários”, afirmou, na altura.

Na passada sexta-feira, em comunicado, a Associação Nacional dos Chefes de Estação dos Correios (ANCEC) manifestou a sua total discordância e incompreensão em relação à greve geral convocada considerando-a “totalmente inoportuna” e que “em nada vem contribuir para a união dos profissionais dos CTT”.

A Associação Nacional de Responsáveis de Distribuição (ANRED), por seu turno, considerou que a paralisação “mais uma vez, tem na sua base motivações estritamente ideológicas e políticas” e referiu que, nas atuais condições, é “oportunista e lesiva dos interesses dos trabalhadores”.

Ambas as estruturas manifestaram surpresa e incompreensão em relação ao agendamento da greve geral, tendo em conta a atual conjuntura do país.

Os CTT já tinham condenado a greve devido à data escolhida, garantindo que não faltam colaboradores no quadro e que vão ser pagos prémios aos trabalhadores.

Num comunicado divulgado no dia 19 de novembro, os Correios vincaram que os compromissos com os trabalhadores têm sido assegurados, sublinhando que, perante a covid-19, não recorreram ao regime de ‘lay-off’, comparticiparam a vacina contra a gripe e anteciparam o pagamento do subsídio de Natal e dos prémios extraordinários.

Para os CTT, questionar a atribuição de prémios e a antecipação do subsídio “é de uma enorme insensatez”, ressalvando, no entanto, que este custo “em nada é comparável com o impacto que um aumento salarial teria nos resultados da empresa”.

Os Correios lembraram também que, anualmente, já estão salvaguardadas a diuturnidades e progressões de carreira, tendo o incremento sido, em média, de 4% nos últimos três anos.

Adicionalmente, referiram que os resultados da empresa estão a ser “fortemente” impactados pela pandemia e que o crescimento do tráfego de encomendas não compensa a descida do negócio correio, acrescentando que, à semelhança do que aconteceu noutros setores, houve um “incremento considerável” de custos para proteger os trabalhadores face ao novo coronavírus.

Os CTT rejeitam também as acusações de que faltam trabalhadores no quadro e de que a prestação do serviço postal universal não cumpre os padrões de qualidade, notando que sempre cumpriram o indicador geral de qualidade até que, em 2018, “a dois anos do fim do contrato de concessão”, a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) “decidiu alterar os critérios”.

A greve dos CTT abrange a distribuição postal e a rede de atendimento.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Desportohá 38 minutos

Rúben Amorim nega ter dito: “Conseguiste o que querias”, no final do jogo com FC Famalicão

O treinador do Sporting negou hoje ter proferido as palavras que lhe são atribuídas na deliberação do Conselho de Disciplina...

Paíshá 2 horas

Vacina portuguesa contra a Covid-19 mostrou ser promissora

Desenvolvida pela Immunethep, em Cantanhede, a vacina portuguesa contra a Covid-19 têm-se mostrado eficaz, pelo menos foi essa a conclusão...

Paíshá 3 horas

Desemprego pode chegar aos 7,3% no fim deste ano

O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, anunciou hoje que taxa de desemprego deste ano fique nos 7,3%,...

Póvoa de Varzimhá 4 horas

Póvoa de Varzim: PSP detém homem que recrutava mulheres para prostituição

Após quase seis meses de investigação, a PSP conseguiu deter várias pessoas suspeitas da prática do crime de lenocínio, entre...

Paíshá 4 horas

Covid-19: Mais 501 infetados e 2 mortes

De acordo com o Boletim Epidemiológico da Direção Geral de Saúde, registaram-se, nas últimas 24 horas, mais 501 infetados por...

Famalicãohá 5 horas

Fábricas da Coindu totalmente paradas desde terça-feira

A Coindu, empresa produtora de componentes para automóveis, tem atualmente as suas fábricas totalmente paradas desde a passada terça-feira devido...

Paíshá 7 horas

Governo aprova hoje novas medidas para a terceira fase do desconfinamento

As medidas da terceira fase do desconfinamento são, esta quinta-feira, aprovadas pelo Governo. Está previsto o regresso das aulas presenciais...

Regiãohá 8 horas

Homem com cerca de 70 anos encontrado baleado, já sem vida, na Estrada Nacional 13 em Vila do Conde

Um homem com cerca de 70 anos foi encontrado morto, com sinais de ter sido baleado, esta quinta-feira, em Vila...

Famalicãohá 8 horas

Continental Mabor cria novo parque industrial de mais de 42 milhões de euros com 55 postos de trabalho

O Governo declarou a utilidade pública da expropriação de terrenos para a criação do parque industrial da Continental Mabor em...

Famalicãohá 8 horas

Alerta Famalicão: Braga será hoje o distrito mais quente do país

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê que o distrito de Braga será, esta quinta-feira, o mais quente...

Paíshá 20 horas

Estado de Emergência: Marcelo admite confinamentos locais para conter a covid-19

O Presidente da República afirmou hoje esperar que o estado de emergência esteja a caminhar para o fim, sem dar...

Guimarãeshá 22 horas

Funcionários da Coelima “preocupados” com insolvência mas “empenhados e a produzir”

Os funcionários da Coelima, que hoje se apresentou à insolvência, estão “preocupados mas serenos” e vão continuar “empenhados e a...

Famalicãohá 24 horas

Atualização: Empresário de Famalicão atacado enquanto dormia por mulher que saltou muro da sua habitação

Numa informação recente feita chegar às redações, a Polícia Judiciária a firma que terão, ao que tudo indíca, sido motivos...

Póvoa de Varzimhá 1 dia

Primeiro ventilador nacional, produzido na Póvoa de Varzim começa a ser distribuído pelos hospitais nacionais

A primeira unidade de um ventilador produzido em Portugal e com certificação europeia foi hoje simbolicamente entregue a uma associação...

Paíshá 1 dia

Governo procura “justo equilíbrio” entre desconfinamento e restrições

O ministro da Administração Interna afirmou hoje que o Governo vai adotar na quinta-feira “um justo equilíbrio” entre desconfinamento e...

Paíshá 1 dia

É oficial: Estado de emergência renovado até 30 de abril

O parlamento autorizou hoje uma nova renovação do estado de emergência até 30 de abril para permitir medidas de contenção...

Famalicãohá 1 dia

Famalicão: Um ferido após colisão entre veículo pesado e ligeiro em Gavião

Uma pessoa ficou ferida ao final da manhã desta quarta-feira depois de uma colisão rodoviária envolvendo dois veículos de trasnporte...

Desportohá 1 dia

Hóquei Patins: Treinador famalicense assume-se como técnico principal do Infante Sagres

O treinador de hóquei patins famalicense Jorge Ferreira, irá passar a assumir o papel de treinador da equipa Infante Sagres,...

Paíshá 1 dia

Covid-19: Mais 8 mortos e 684 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 8 óbitos provocados pela pandemia e 684 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Famalicãohá 1 dia

Famalicão: Mulher de 45 anos detida por suspeitas da morte de empresário têxtil em julho 2020

Uma mulher foi detida, esta quarta-feira, em Famalicão, pela Polícia Judiciária, por suspeita ter ter morto o empresário Joaquim Sousa,...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos

ANUNCIE NESTE ESPAÇO > ligue +351252308147 ou WhatsApp para +351963964191