Siga-nos nas redes

País

Centros de Saúde com menos 9 milhões de consultas em 2020 devido à covid-19

Publicado

em

Segundo dados hoje divulgados pelo Movimento Saúde em Dia,  os cuidados de saúde primários registaram nos primeiros 10 meses deste ano menos nove milhões de contactos presenciais médicos e de enfermagem relativamente ao mesmo período de 2019.

Nos hospitais, as consultas presenciais sofreram uma redução de 2,7 milhões entre janeiro e outubro de 2020 do que em igual período do ano anterior, adiantam os dados apresentados no dia em que os representantes do movimento são ouvidos pela Comissão Parlamentar de Saúde.

Segundo o movimento, criado no verão passado pela Ordem dos Médicos e pela Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares, em parceria com a Roche, “o acesso dos doentes não covid aos serviços de saúde continuou dificultado, mesmo antes da segunda vaga da pandemia”.

“Tal como noutros cuidados, a realização de rastreios está a ser muito afetada. Nos primeiros 10 meses deste ano terão ficado por fazer 119 mil mamografias (uma queda de 16%), 81 mil rastreios do cólon e reto e houve menos 99 mil mulheres a realizar colpocitologia”, refere o movimento em comunicado.

A análise dos dados, feita pela MOAI Consulting para o Movimento Saúde em Dia, através de dados recolhidos no Portal da Transparência do Serviço Nacional de Saúde (SNS), “permite perceber que a pandemia de covid-19 continua a afetar vários milhares de cidadãos, adiando consultas, cirurgias, diagnósticos e tratamentos”.

Em setembro, o movimento tinha já apresentado dados dos primeiros sete meses, sendo que a conclusão desta nova análise continua a mostrar que permanece a redução acentuada da atividade assistencial.

“Estes dados não contemplam ainda o mês de novembro, quando a tutela deu luz verde aos hospitais para suspender a atividade não urgente, pelo que é expectável que, até ao final do ano, o cenário seja ainda mais agravado”, sublinha.

Nos cuidados de saúde primários, “o panorama de redução de atividade é claro”: houve menos 6,6 milhões de consultas médicas presenciais e menos 3,1 milhões de contactos presenciais de enfermagem, totalizando menos 9,7 milhões do que o registado em 2019.

Só no último mês de análise (outubro), as consultas presenciais nos centros de saúde reduziram-se 40% e as consultas médicas ao domicílio decresceram 43%.

A análise à atividade hospitalar mostra um cenário idêntico: entre janeiro e outubro deste ano houve menos 2,7 milhões de contactos hospitalares, entre consultas, cirurgias e urgências.

Em termos percentuais houve menos 18% de primeiras consultas, menos 9% de consultas subsequentes, menos 21% de cirurgias programadas e menos 10% de cirurgias urgentes, precisam os dados.

As urgências hospitalares mantêm a tendência de redução em comparação com 2019, com menos 27% de episódios. Entre estes não estão apenas os considerados pouco urgentes, triados com pulseiras verdes ou azuis. Aliás, os episódios triados com as pulseiras mais urgentes diminuíram 17% (pulseira vermelha), 21% (laranja) e 28% (amarela).

Nos meios complementares de diagnóstico e terapêutica (como análises e exames) só foi possível obter dados até setembro. Em comparação com o mesmo período de 2019, este ano realizaram-se menos 22 milhões destes atos.

Na Medicina Física e de Reabilitação, por exemplo, a quebra foi de 32% (menos 10,6 milhões de procedimentos), enquanto na pneumologia e imunoalergologia a redução foi superior a 40%.

O Movimento Saúde em Dia pretende alertar para “a importância de não mascarar sintomas e de não adiar visitas ao médico perante sinais de alerta”.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,5 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 5.122 em Portugal.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Economia

Governo propõe aumento salarial de 4,8% para a função pública

Publicado

em

O Governo apresentou hoje aos sindicatos da função pública a proposta de aumentos salariais para 2023, com as estruturas sindicais a exigirem um valor superior ao da inflação e o executivo a apontar para uma valorização de 4,8%.

A ronda negocial com as três estruturas sindicais, a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, e a secretária de Estado da Administração Pública, Inês Ramires, realiza-se a uma semana da apresentação da proposta de Orçamento do Estado para 2023 (OE2023), que será entregue dia 10 no parlamento.

Os sindicatos exigem aumentos superiores à inflação, que o Governo estima ficar em 7,4% este ano, mas o primeiro-ministro, António Costa, rejeitou essa possibilidade, indicando, numa entrevista à TVI, em 12 de setembro, que a inflação a considerar deve ser de 2%, o objetivo de médio prazo fixado pelo Banco Central Europeu.

Na quinta-feira, no parlamento, o primeiro-ministro foi mais longe e adiantou que, na proposta a apresentar hoje aos sindicatos da função pública, além do referencial de 2% para a inflação, será considerada a produtividade e o diferencial previsto no acordo de rendimentos e competitividade apresentado pelo Governo na Concertação Social, que resulta num aumento anual de 4,8%.

“Quando eu referi os aumentos da função pública disse que a inflação de referência deve ser, como para tudo, o objetivo de médio prazo fixado pelo Banco Central Europeu, de 2% (…), mas depois deve ter em conta os ganhos de produtividade e o diferencial que é necessário para atingirmos em 2026 o peso dos salários no PIB, de 48%, que é a média europeia”, disse António Costa em resposta à coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, no debate sobre política geral.

“A proposta que apresentaremos na segunda-feira aos sindicatos será uma proposta que não desonrará o Estado”, acrescentou o primeiro-ministro.

Do lado dos sindicatos, o secretário-geral da Federação dos Sindicatos da Administração Pública (Fesap), José Abraão, disse à Lusa esperar que o Governo apresente “uma proposta de aumentos salariais que reponha o poder de compra perdido em 2022, tendo em conta a inflação verificada, já que esse foi o critério utilizado pelo Governo até agora”.

Este ano, os funcionários públicos tiveram uma atualização salarial de 0,9%, em linha com a inflação verificada em 30 de novembro de 2021, descontada a deflação de 0,1%.

Também a presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE), Helena Rodrigues, disse à Lusa esperar que a proposta do Governo de atualização salarial para 2023 “tenha em conta o interesse dos trabalhadores e que seja mais do que a inflação”.

Por sua vez, a Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública, da CGTP, reivindica aumentos salariais de 10% para todos os trabalhadores em 2023 e um mínimo de 100 euros de aumento por trabalhador.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Bombeiro perde a vida após colisão entre dois camiões na A29

Publicado

em

Um bombeiro com cerca de 45 anos, morreu, esta segunda-feira, em Esmoriz, na sequência de uma colisão entre dois camiões, na A29, que se encontra neste momento cortada.

Outras duas pessoas ficaram feridas.

Ambas viaturas seguiam no sentido sul-norte, tendo uma destas embatido na outra, que se encontrava parada na berma da estrada.

A vítima mortal pertencia à corporação dos Bombeiros de Esmoriz, a mesma que se encontra agora no local do acidente.

Foto: César Pinho / DR

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Corpo de Tânia Fernandes encontrado no rio. Estava desaparecida desde 24 de setembro

Publicado

em

Foi encontrado, esta segunda-feira, o corpo de Tânia Fernandes, desaparecida desde 24 de setembro, em Cabanas de Tavira.

O seu corpo foi retirado do rio Gilão, na manhã desta segunda-feira, por elementos da Polícia Marítima e bombeiros, já se encontrando em pré decomposição, de acordo com a CM.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Desporto

Piloto Miguel Oliveira vence na Tailândia

Publicado

em

O piloto português Miguel Oliveira venceu, este domingo, o Grande Prémio da Tailândia em MotoGP.

Miguel Oliveira partiu do 11° lugar da grelha para uma prova realizada à chuva e cujo início chegou mesmo a ser retardado, devido ao mau tempo.

Foi a segunda vitória da época para Miguel Oliveira, depois de, também com piso molhado, ter vencido na Indonésia.

“Sempre que temos oportunidade de correr em piso molhado, sou muito rápido. Quando começou a chover recordei a Indonésia, mas tentei manter os pés no chão e concentrei-me em fazer um bom arranque, sem erros”, disse o piloto de Almada, na “flash interview”, após o final da corrida.

De saída da KTM – vai correr pela Aprilia na próxima época -, Miguel Oliveira está “super feliz por esta vitória”.

“Foi à chuva, mas é igual, eu aceito vitórias em quaisquer condições”, concluiu.

Em segundo lugar, na Tailândia, ficou o australiano Jack Miller, em Ducati, que vai ficar com o lugar de Oliveira na KTM, na próxima temporada.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Combustíveis voltam  a subir esta segunda-feira

Publicado

em

O preço dos combustíveis vai aumentar novamente no início desta semana, depois de quatro semanas consecutivas de baixas. A previsão é que, a partir de amanhã, o preço do gasóleo aumente 2,5 cêntimos por litro e que a gasolina encareça cerca 1,5 cêntimos por litro.

A confirmar-se a previsão obtida junto do mercado petrolífero, o preço do gasóleo deverá então chegar aos 1,752 euros por litro e a gasolina poderá atingir os 1,713 euros por litro.

Desta forma, interrompe-se a tendência de descida verificada ao longo das semanas e o preço volta aos valores praticados no início de setembro.

Durante esta semana, a cotação do petróleo tem estado a aumentar e, neste momento, o valor está à volta dos 88 dólares por barril, o que acaba por influenciar o preço dos combustíveis.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Desporto

Vídeo: Rali de Famalicão marcado por dois pequenos acidentes esta manhã

Publicado

em

O rali de Famalicão ficou marcado esta manhã por dois pequenos acidentes.

Os choques aconteceram ao final da manhã, na PEC de Vale de S. Cosme, praticamente em simultâneo.

Sem feridos a registar, apenas danos materiais, os acidentes envolveram o carro zero de Rui Vilaça, e o carro de Márcio Pereira.

As imagens foram registadas por pessoas que estavam a assistir ao rali.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Cidade do Porto é o “Melhor Destino” da Europa para o turismo

Publicado

em

O Porto foi considerado o “Melhor Destino de Cidade da Europa” na 29.ª edição dos World Travel Awards, no mais conceituado prémio no setor do turismo.

A entrega do prémio teve lugar no hotel Hilton Mallorca Galatzo, na Costa de la Calma, nas Ilhas Baleares, em Espanha, onde foram também distinguidos o Algarve como “Melhor Destino de Praia da Europa” e Lisboa como “Melhor Destino de Cruzeiros da Europa”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Famalicão

Arquidiocese de Braga pede “perdão” pelos alegados abusos sexuais em Joane, Famalicão

Publicado

em

A Arquidiocese de Braga pediu este sábado “perdão” pelos alegados abusos sexuais imputados ao cónego Manuel Fernando Sousa e Silva em Joane, Famalicão, adiantando que em julho de 2022 foram impostas “medidas disciplinares” ao sacerdote.

Em comunicado enviado à agência Lusa, aquela arquidiocese especifica que as medidas passaram pela “necessidade de o suspeito se abster de exercer publicamente o seu ministério sacerdotal e, de modo particular, a celebração pública dos Sacramentos da Eucaristia e da Reconciliação, devendo recolher-se num clima de oração, reflexão e penitência”.

A arquidiocese pede perdão a todas as vítimas, “feridas física, emocional e espiritualmente pelos abusos sofridos”, um pedido que estende às famílias das vítimas e a todos os agentes pastorais da Paróquia de Joane e a toda a comunidade cristã.

“A comunidade paroquial tem sido sujeita a uma forte exposição mediática que reaviva memórias dolorosas, mas que contribui para trazer à luz factos que nunca deveriam ter acontecido. Reconhecemos que, neste caso, a Igreja falhou no seu dever de proteger os mais frágeis e vulneráveis”, acrescenta.

Refere que, em 21 de novembro de 2019, chegou à Comissão de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis da Arquidiocese de Braga (CPMAV) uma denúncia por parte de uma vítima, relatando ter sofrido abuso sexual por parte do referido sacerdote. Esta vítima mencionou a existência de outras vítimas.

O mesmo comunicado vinca que a CPMAV “disponibilizará de imediato, no âmbito das suas competências, um serviço de escuta destinado a todos quantos desejem partilhar as suas dolorosas experiências”.

O serviço estará disponível na paróquia de Joane de forma presencial, sendo ainda possível recorrer ao mesmo por via telefónica ou por correio eletrónico.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Porto: Máquinas de vending com livros, café, água e preservativos, by Livraria Lello

Publicado

em

São seis os locais, entre o Porto e Matosinhos, onde a Livraria Lello colocou máquinas de vending que disponibilizam livros, café, água e preservativos, de acordo com o que noticia o JN. Sob o mote “Satisfying your craves”, que em português significa “a satisfazer os teus desejos”, o objetivo da icónica livraria é colocar o livro no mesmo patamar que outros bens de primeira necessidade.

Nos equipamentos estão disponíveis cinco clássicos, editados pela Livraria Lello: Amor de Perdição, O Grande Gatsby, O Principezinho, Orgulho e Preconceito e Romeu e Julieta.

Foto: JN

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Situação de alerta termina este sábado

Publicado

em

Termina este sábado a situação de alerta devido à covid-19, o que implica a revogação de várias resoluções e decretos-leis de combate ao vírus. Desta forma, deixam de existir baixas médicas por covid-19 e a realização de isolamento obrigatório para os casos confirmados.

O JN avança também que os testes à covid-19 deixam de ser prescritos pela linha SNS24. Esta decisão implica que um utente com um autoteste positivo terá de se dirigir ao centro de saúde para obter uma prescrição para realizar um teste confirmatório ao vírus nas farmácias ou nos laboratórios. Esta prescrição era, até então, obtida através da linha SNS24.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 5 horas

Famalicão: Câmara apresenta Brigada de Resgate Animal no Dia Mundial do Animal

A Câmara Municipal de Famalicão apresenta amanhã, 4 de outubro, Dia Mundial do Animal, a Brigada de Resgaste Animal de Famalicão, uma equipa...

Barceloshá 5 horas

Hackers atacam autarquias: Câmara de Barcelos alvo de ataque automático

O município de Barcelos foi vítima de um ataque informático, uma situação que está a causar “graves limitações”, anunciou hoje...

Famalicãohá 5 horas

Famalicão: Casal que furtou 175 litros de combustível detido pela GNR

A GNR deteve hoje um homem, de 40 anos, e uma mulher, de 30, por furto de combustível no concelho...

Regiãohá 5 horas

Pescadores das Caxinas resgatados em incêndio fizeram missa de agradecimento na famosa “Igreja do Barco”

Os pescadores das Caxinas, em Vila do Conde, que foram resgatados, esta terça-feira, na sequência de um incêndio na embarcação...

Famalicãohá 6 horas

Famalicão: Programa Erasmus + em destaque no arranque do ano letivo da CIOR

A Escola Profissional CIOR, de V N de Famalicão, leva a cabo, várias mobilidades noâmbito do programa Erasmus +, assim...

Economiahá 6 horas

Governo propõe aumento salarial de 4,8% para a função pública

O Governo apresentou hoje aos sindicatos da função pública a proposta de aumentos salariais para 2023, com as estruturas sindicais...

Paíshá 7 horas

Bombeiro perde a vida após colisão entre dois camiões na A29

Um bombeiro com cerca de 45 anos, morreu, esta segunda-feira, em Esmoriz, na sequência de uma colisão entre dois camiões,...

Bragahá 7 horas

Hospital de Braga registou 102 casos de violência sobre profissionais só em 2021

O Hospital de Braga registou, em 2021, um total de 102 situações de violência sobre profissionais de saúde, o que...

Famalicãohá 9 horas

Famalicão: Mulher que trabalhava em casa de alterne terá saltado de carro em andamento para evitar violação

Um homem está a ser julgado no Tribunal de Matosinhos, respondendo por um crime de violação, alegadamente cometido em setembro...

Desportohá 10 horas

Famalicão: Novas imagens mostram fuga de adeptos segundos antes da chegada das autoridades

Novas imagens, que agora surgem nas redes sociais, mostram a violência da rixa causada por adeptos do futebol que se...

Jornal

Rádio

Arquivo

FAMA NAS REDES