Siga-nos nas redes

Economia

TAP irá perder 6,7 mil milhões de euros em receitas até 2025

Publicado

em

Durante a apresentação do plano de reestruturação da TAP, o ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos disse que a empresa vai perder 6,7 mil milhões de euros em receitas até 2025.

“A TAP tem mais 19% de pilotos por aeronave do que praticamente todos os concorrentes. A TAP tem mais 28% de tripulantes por aeronave do que a maior parte dos concorrentes”, disse Pedro Nuno Santos.

“A TAP tinha e tem um conjunto de ineficiências que a tornam menos competitiva do que os seus concorrentes, que são as companhias de bandeira. Antes da covid-19 tinha já um conjunto de desvantagens competitivas face às congéneres”, acrescentou.

Segundo o governante, “para produzir o mesmo, a TAP precisa de mais pilotos”, uma diferença face aos concorrentes diretos que, disse, tem que ser corrigido com o plano de reestruturação.

A informação foi transmitida em conferência de imprensa conjunta do ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, e do secretário de Estado do Tesouro, Miguel Cruz, no Ministério das Infraestruturas, em Lisboa, depois de o Governo ter entregado o plano de reestruturação da companhia aérea à Comissão Europeia, na quinta-feira.

O Governo estima que a empresa registe “perdas acumuladas de receitas de 6,7 mil milhões de euros até 2025”. “Inevitavelmente um ajustamento desta dimensão exige que a TAP faça também um ajustamento da sua dimensão para que o peso do apoio público seja menor” e para que esteja mais bem preparada para “beneficiar da recuperação da economia”, disse o ministro. 

Ainda de acordo com o governante, prevê-se que este ano a TAP transporte 28% dos passageiros transportados em 2019 e tenha uma quebra do volume de negócios superior a 75%.

Portugal entregou o plano de reestruturação a Bruxelas na quinta-feira.

Q acionista David Neeleman perdeu 169 milhões de euros quando saiu da TAP, garantiu hoje o ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, durante a apresentação do plano de reestruturação do grupo.

David Neeleman “tinha direito a prestações acessórias de 224 milhões de euros” ou seja, “no momento em que o Estado se tornasse maioritário, o privado ia pedir 224 milhões de euros”, disse o governante na conferência de imprensa a decorrer no Ministério das Infraestruturas, em Lisboa.

“O Estado não ia aceitar, ia disputar”, indicou, salientando que a solução mais aceitável foi pagar 55 milhões de euros ao acionista. Ou seja, acrescentou, “David Neeleman aceitou perder 169 milhões de euros”.

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 38 minutos

Covid-19: Mais 167 mortos e 6.702 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 167 óbitos provocados pela pandemia e 6.702 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Famalicãohá 1 hora

Junta de Freguesia de Castelões apoia habitantes com preenchimento e envio do IRS

A junta de freguesia de Castelões irá apoiar gratuitamente os habitantes no preenchimento e envio das declarações de IRS (MOD....

Bragahá 2 horas

André Ventura: Apoiantes do ‘Chega’ ameaçam jornalistas após comício em Braga

Após ser noticiado que estavam reunidas cerca de 160 pessoas durante o confinamento geral, indivíduos afetos à candidatura presidencial do...

Famalicãohá 3 horas

Joane: Mãe de jovem de 22 anos atropelado na A3 faleceu este domingo vítima de cancro

A mãe do jovem Luís Meira, que faleceu há duas semanas depois de ter sido atropelado na A3 quando prestava...

Regiãohá 4 horas

Empresa têxtil de Santo Tirso sobe salário mínimo dos trabalhadores para 700 euros

O grupo têxtil Polopiqué, sediado em Vilarinho, Santo Tirso, fixou o salário mínimo dos seus trabalhadores em 700 euros para...

Paíshá 4 horas

Confinamento: Governo pondera proibibição de venda de bebidas à porta dos cafés

Devendo aprovar novas medidas relacionadas com o confinamento, o governo vai reunir-se em conselho de ministros extraordinário na segunda-feira, disse...

Paíshá 5 horas

Alerta: Aviso Amarelo esta quarta-feira devido à chuva intensa

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informou hoje que todos os distritos de Portugal continental vão estar...

Paíshá 18 horas

Ministra: “Exceções são como em a março, a mentalidade das pessoas é que mudou”

Apelando à responsabilidade individual, Marta Temido considerou que a mentalidade das pessoas é que mudou em relação a março, sublinhando...

Paíshá 18 horas

Estado de emergência vai vigorar até à eleição do novo Presidente da República

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou hoje que o estado de emergência vai estender-se até ao fim...

Paíshá 18 horas

Covid-19: Portugal ocupa o 2.º lugar mundial dos países com mais novas infeções

A subida recente do número de casos de infeção por covid-19 em Portugal coloca o país na posição mais alta...

Desportohá 19 horas

Solidariedade: Cada golo marcado na ‘final four’ da Taça da Liga vale 2 toneladas de alimentos

Cada golo marcado na ‘final four’ da Taça da Liga de futebol, disputada entre Sporting, FC Porto, Benfica e Sporting...

Paíshá 19 horas

Movimento “Também somos portugueses” quer facilidades na votação dos emigrantes

Apelando hoje ao Governo e aos partidos políticos representados no Parlamento para a necessidade de alterar as leis eleitorais para...

Paíshá 19 horas

Ana Gomes: “Temos de derrotar André Ventura, é outro Hitler”

Comparando André Ventura a “aldrabões de feira que vendem banha da cobra”, a candidata presidencial Ana Gomes recebeu hoje palmas...

Paíshá 19 horas

Ministra da Saúde: “Estamos muito próximos do limite”

A ministra da Saúde admitiu este domingo que todo o sistema de Saúde, incluindo Serviço Nacional de Saúde (SNS), setor...

Paíshá 19 horas

Covid-19: Marcelo que acelerar processo de vacinação nos bombeiros

Defendendo o facto de transportarem doentes têm risco, idêntico ao pessoal do INEM, o Presidente da República e recandidato disse...

Famalicãohá 23 horas

Presidenciais: em Famalicão 1578 eleitores votam este domingo

São 1578 os eleitores que em Famalicão exercem, este domingo, o voto antecipado para as Eleições Presidenciais. Um número bastante...

Paíshá 23 horas

Reparação de vidros custou à CP quatro milhões de euros, nos últimos 10 anos

A CP – Comboios de Portugal gastou quatro milhões de euros nos últimos dez anos na reparação e compra de...

Paíshá 24 horas

Covid 19: mais 152 mortes e 10.385 casos em Portugal

Portugal regista, este domingo, mais 10.385 casos diários de covid-19, e registou 152 mortes nas últimas 24 horas, para um...

Paíshá 1 dia

Eleições: voto antecipado não consegue evitar longas filas

Este domingo está a ser marcado pelo voto antecipado para as eleições presidenciais que se realizam a 24 de Janeiro....

Famalicãohá 1 dia

Paróquias de Famalicão e Brufe desafiam famílias a sorrir

Está aí mais uma Jornada da Família, promovida pelas paróquias de Santo Adrião – Famalicão e de Brufe, este ano...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos