Siga-nos nas redes

Póvoa de Varzim

Empreitada de dragagens de 4,1 milhões arranca esta semana na Póvoa, Vila do Conde e Esposende

Publicado

em

A Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) arranca esta semana com os trabalhos da empreitada de dragagens nos portos do Norte, divulgou hoje a entidade.

O contrato plurianual de dragagens dos portos do Norte tem o valor total de 4,1 milhões de euros.

O arranque acontece depois do visto do Tribunal de Contas e da consignação dos trabalhos do contrato.

“Os primeiros trabalhos dizem respeito à realização dos levantamentos de atualização dos dados de batimetria em Póvoa de Varzim, depois Vila do Conde e, finalmente, em Esposende, no sentido de se conhecer o exato ponto de situação dos sedimentos nestes portos”, refere a DGRM, no comunicado.

“Com base nos resultados consolidados dos levantamentos, arrancarão as dragagens com duas dragas, uma nos portos de Póvoa de Varzim e Vila do Conde e uma segunda em Esposende”, acrescenta a DGRM.

De acordo com a direção-geral “será colocado em execução o primeiro contrato plurianual de dragagens da DGRM, aplicável aos portos do Norte, num valor total de 4,1 milhões de euros e para um horizonte temporal de 2021-2023”, cuja dotação orçamental é “totalmente proveniente do Orçamento de Estado”.

Entretanto, no porto de Vila Praia de Âncora decorrem ainda as dragagens, com base na parceria entre a DGRM e a Polis Norte, “pelo que o novo contrato plurianual só em 2022 contemplará trabalhos para este porto”.

De acordo com a DGRM, “a modalidade de contratação plurianual apresenta vantagens significativas de gestão e para a segurança da navegação nos portos em causa, uma vez que permite uma maior dotação orçamental, uma maior quantidade de sedimentos a dragar, melhor planeamento plurianual dos trabalhos e mais previsibilidade nas operações e atividades”.

“Com a programação plurianual, beneficiam, acima de tudo, os clientes destes portos, uma vez que passam a ter mais dias de operação durante o ano e mais segurança marítima nas saídas para o mar e regresso a porto, sendo também um importante passo na implementação do Plano Nacional de Dragagens elaborado pela DGRM em parceria com o LNEC”, conclui a DGRM.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

Póvoa de Varzim

Já começaram os trabalhos de drenagem no porto de pesca da Póvoa de Varzim

Publicado

em

Por

Os trabalhos de dragagens no porto de pesca da Póvoa de Varzim, distrito do Porto, referentes a 2022, já se iniciaram, com o objetivo de retirar 85 mi metros cúbicos de sedimentos, anunciou hoje a DGRM.

Através de um comunicado, a Direção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos informou que a operação se enquadra no contrato plurianual de dragagens de manutenção dos portos do Norte do país.

“As referidas dragagens foram precedidas dos levantamentos batimétricos, necessários à avaliação das reais condições de assoreamento neste porto, tendo-se agora dado início aos trabalhos de retirada dos excessos de sedimentos depositados”, refere.

Segundo a DGRM, os trabalhos no porto de pesca poveiro, um do mais movimentados da região norte, contemplam, “numa primeira fase, a dragagem da barra e canal de entrada, e, numa segunda fase, a dragagem da zona adjacente ao cais dos combustíveis, estando previsto um volume total de 85.000 metros cúbicos de sedimentos”.

Até 2023 governo pretende investir um total de 4,12 milhões de euros em dragagens anuais nos portos de Vila Praia de Âncora (Caminha), Esposende, Póvoa de Varzim e Vila do Conde.

Está previsto ser dragado um total de 525 mil metros cúbicos de areia, repartidos pelos portos de Vila do Conde (130 mil metros cúbicos) e Póvoa de Varzim (200 mil), no distrito do Porto, Esposende (115 mil), distrito de Braga, e Vila Praia de Âncora (80 mil), distrito de Viana do Castelo.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Celebram-se este domingo 18 anos da beatificação da Santa Alexandrina de Balasar

Publicado

em

Por

Nos próximos dias 24 e 25 de abril, celebra-se o 18.º aniversário da beatificação de Alexandrina Maria da Costa, carinhosamente conhecida como “Santinha de Balasar”, freguesia da Póvoa de Varzim.

No Domingo, dia 24, às 14:00, será inaugurada a Exposição “Milagres eucarísticos no Mundo”, um trabalho de Carlo Acutis e que apresenta uma seleção dos principais milagres que aconteceram durante vários séculos em diferentes países do mundo e reconhecidos pela Igreja, com fotografias e descrições históricas.

Na inauguração da exposição, Alexandre Duarte Freire irá proferir uma conferência tendo como tema “Os santos Místicos e a Eucaristia”.

O professor Alexandre é formado em Mística e professor na Universidade Católica. É o responsável pelo estudo e publicação dos escritos e obras de Alexandrina. Já foram publicadas três obras e, em breve, será publicada a quarta, “As Cartas ao Padre Humberto Pasquale”.

Durante o dia haverá sacerdotes para atender de Confissão. Pode acompanhar as celebrações através de www.alexandrinadebalasar.com.

Nascida a 30 de Março de 1904 no lugar de Gresufes, em pleno meio católico e rural de Balazar, para frequentar a escola primária, Alexandrina mudou-se em 1911 para o meio urbano da Póvoa de Varzim, onde viveu na pensão de um marceneiro, na Rua da Junqueira. Ao fim de dezoito meses, regressou à freguesia natal, para o lugar do Calvário, freguesia esta de Santa Eulália de Balazar onde, desde o tempo da sua quarta avó materna Tereza Maria da Costa Carneira — bisneta do Morgado da Santíssima Trindade, Pedro Carneiro da Gram —, é a terra onde viveu toda a sua família.

Com 14 anos, no dia de Sábado de Aleluia (antes da Páscoa) de 1918, estando a trabalhar em costura com a sua irmã Deolinda e outra menina, deu um salto do quarto onde estava para se defender de agressores que invadiram a casa, numa atitude semelhante à de Santa Maria Goretti que morreu em defesa da sua virgindade.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Mulher desaparecida em Rates na Póvoa de Varzim encontrada pela GNR em área de vegetação densa

Publicado

em

Por

Uma mulher de 64 anos que desapareceu, este domingo, na freguesia de S. Pedro de Rates, na Póvoa de Varzim, foi localizada, esta segunda-feira, por militares da GNR.

Depois de terem recebido o alerta, cerca das 20:00 de domingo, os militares da Guarda desencadearam de imediato uma operação de busca para encontrar a idosa desaparecida, acabando por percorrer toda a área envolvente e, na sequência das diligências policiais e na continuação das buscas, foi possível localizar a idosa com vida, numa zona de densa vegetação, através do binómio cinotécnico do Destacamento de Intervenção (DI) do Porto, cerca das 09:50 desta segunda-feira.

A idosa foi assistida no local, tendo sido posteriormente encaminhada para uma unidade hospitalar.
Na operação de busca e salvamento estiveram ainda presentes elementos da Cruz Vermelha de Macieira de Rates, Barcelos.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Jovem morre atropelado numa passadeira em frente à estação de metro da Póvoa

Publicado

em

Por

Foto JN

Um jovem de 28 anos morreu, na noite desta sexta-feira, depois de ser atropelado numa passadeira em frente à estação de metro da Póvoa de Varzim.

O alerta foi dado cerca das 22.30 horas desta sexta-feira. Segundo testemunhas, no embate, o rapaz foi projetado a 30 metros e o carro só parou a 100 metros do acidente. As causas são ainda desconhecidas.

Os Bombeiros da Póvoa e a PSP ocorreram ao local. O trânsito da Estrada Nacional 13, em frente à estação de metro, foi cortado nos dois sentidos.

Por volta das 0.30 horas, o corpo foi levado pelos bombeiros, que limparam a via. O condutor foi levado num carro da polícia e o veículo envolvido no acidente continua no local. Os pais da vítima também estiveram presentes e a mãe foi assistida pela psicóloga do INEM.

Inicialmente, a informação era de que se aguardava a chegada da Polícia Judiciária para a realização de perícias, mas a PJ acabou por não ir ao local.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Barcelos

Câmara da Póvoa pede inspeção a aterro sanitário de Barcelos por causa de “odores desagradáveis”

Publicado

em

Por

A Câmara da Póvoa de Varzim, do distrito do Porto, solicitou uma inspeção a um aterro sanitário instalado no município vizinho de Barcelos, que tem sido alvo de queixas da população pela emissão de “odores desagradáveis”, anunciou hoje o autarca poveiro Aires Pereira.

O equipamento, que está localizado na freguesia barcelense de Paradela, é gerido pela empresa Resulima, responsável pela recolha de resíduos nos municípios de Arcos de Valdevez, Barcelos, Esposende, Ponte da Barca, Ponte de Lima e Viana do Castelo, e entrou em funcionamento no início deste ano, mas, desde então, tem gerado a contestação dos habitantes das freguesias poveiras limítrofes de Rates e Laúndos.

“Não iremos tolerar que no século XXI seja aberto um aterro e que este não seja operado de acordado com as licenças respetivas, nomadamente no que diz respeito à questão dos odores desagradáveis”, disse Aires Pereira.

Nesse sentido, o autarca poveiro garantiu que já entrou em contacto com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), entidade responsável pela fiscalização deste tipo de equipamentos, que, segundo Aires Pereira, “se disponibilizou para fazer uma inspeção ao local, com a participação da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA)”.

O presidente da Câmara da Póvoa de Varzim lembrou, ainda, que fruto de alguma “pressão” feita autarquia, a empresa Resulima deu nota que “tomou medidas mitigadoras, nomeadamente a maior celeridade na cobertura dos resíduos e a colocação a uma nova barreira de aromatizadores que possam mitigar a saída dos cheiros”, mas não descartou a tomada de uma posição “mais dura” se o problema não for corrigido.

“Estamos a tratar do assunto ponto de vista jurídico, para que se a situação não se resolver e o aterro não operar de acordo com as condições de licenciamento, possamos tomar diligências”, garantiu Aires Pereira.

O autarca lembrou que as Juntas de Freguesia de Rates e Laúndos estão a “recolher assinaturas para no futuro, se necessário, poder sinalizar testemunhas que tenham sido afetadas por este problema”.

Este aterro de Paradela, operado pela Resulima, que começou a ser construído em 2017 e foi implementado numa área de 14 hectares, teve um custo de 28 milhões de euros, tendo sido anunciado como um equipamento moderno e tecnologicamente avançado.

O equipamento situa-se a algumas centenas de metros de um antigo aterro na freguesia de poveira de Laúndos, que depois de algumas décadas em funcionamento, foi recuperado e selado pela Lipor, empresa intermunicipal de gestão de resíduos do Grande Porto, em 2004, num investimento de 3,2 milhões de euros.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Celebram-se hoje 118 anos sobre o nascimento da “Santinha de Balasar”

Publicado

em

Por

Assinalam-se esta quarta-feira, 117 anos sobre o nascimento da Santa Alexandrina Costa, de Balasar, conhecida carinhosamente como “Santinha de Balasar” e que reúne milhares de fieis de norte a sul do país e não só.

Nascida em Gresufes, Balasar a 30 de Março de 1904 – Calvário, Balasar, 13 de Outubro de 1955, com o nome Alexandrina Maria da Costa, foi uma reconhecida mística católica portuguesa com fama de santidade, membro da Associação dos Salesianos Cooperadores, mais conhecida por ter influenciado o Papa Pio XII a efectuar a consagração do mundo ao Imaculado Coração de Maria.

Foi declarada beata pelo Papa João Paulo II a 25 de Abril de 2004.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Póvoa: Homem de 50 anos ferido gravemente após explosão de botija de gás em Balasar. Casa foi tomada pelas chamas

Publicado

em

Por

Um homem com cerca de 50 anos sofreu ferimentos graves na sequência de um incêndio, que provocou uma explosão, na sua habitação em Balasar, na Póvoa de Varzim, avança o JN.

De acordo com a mesma fonte, a casa já se encontrava parcialemte tomada pelo fogo, à chegada das forças de socorro dos Bombeiros da Póvoa de Varzim.

O rebentamento de uma botija de gás feriu o proprietário, embora a sua esposa tivesse saído ilesa deste acidente.

O alerta foi registado às 22:47.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Crime: Vendem Porsche furtado, queixam-se de roubo e levam seguro a tribunal

Publicado

em

Por

Carro de luxo foi viciado com dados de salvado alemão para ser “legalizado”, vendido para Espanha e dado como roubado. Casal, vendedor e dono de oficina acusados pelo MP.

A viciação de um Porsche Cayenne furtado perto do Aeroporto do Porto, com elementos de identificação de um salvado comprado na Alemanha, permitiu a um casal andar durante cerca de um ano com um veículo de luxo, até o vender em Espanha.

Logo de seguida, foi dado como furtado pelo casal, que exigiu uma choruda indemnização à seguradora, mas esta recusou a pagar.

O caso foi parar ao Tribunal da Póvoa de Varzim e seguiu até à Relação do Porto, onde os juízes deram razão à seguradora, por suspeitas de se tratar de uma burla.

O Porsche seria apreendido em França, revelando o esquema de recetação, falsificação de documento, simulação de crime e burla qualificada.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Póvoa de Varzim

Ondas gigantes encerram barras da Póvoa de Varzim, Vila do Conde e Esposende

Publicado

em

Por

O alerta é da Autoridade Marítima Nacional (AMN), que encerrou, este sábado, sete barras marítimas a toda a navegação devido à previsão de agitação marítima.

As barras marítimas de Caminha, Douro, Esposende, Vila Praia de Âncora, Póvoa do Varzim, Vila do Conde e Portinho da Ericeira estão fechadas a toda a navegação.

A AMN e a Marinha alertam toda a comunidade marítima e a população em geral para os cuidados a ter tanto na preparação de uma ida para o mar, como quando estão no mar ou em zonas costeiras.

Recomendam o reforço da amarração e manter uma vigilância apertada das embarcações atracadas e fundeadas, evitar passeios junto ao mar ou em zonas expostas à agitação marítima e não praticar a atividade da pesca lúdica, em especial junto às falésias e zonas de arriba frequentemente atingidas pela rebentação das ondas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

País

Homem de 68 anos detido com mais de três mil doses de cocaína na Póvoa de Varzim

Publicado

em

Por

Um homem de 68 anos foi detido, esta sexta-feira, pela Polícia de Segurança Pública (PSP) na Póvoa de Varzim, na posse de mais de três mil doses de cocaína, que terá sido apreendida pela força de segurança. Foram ainda apreendidas 18 aves de espécies protegidas.

De acordo com um comunicado da PSP divulgado este sábado, a autoridade policial realizou uma busca domiciliária e duas buscas não domiciliárias, na Póvoa de Varzim, tendo resultado na detenção do homem “aposentado” e a apreensão de cocaína “suficiente para 3.189 doses individuais”.

De realçar que o suspeito já tinha sido condenado por duas vezes ao cumprimento de pena de prisão efetiva, uma das quais de quatro anos e três meses e a outra de 10 meses em prisão domiciliária com pulseira eletrónica.

A PSP indicou também a apreensão de duas balanças de precisão, vários objetos utilizados na venda direta de droga, 135 euros em numerário, três telemóveis e 18 aves de espécies protegidas, entretanto, entregues ao Parque Biológico de Gaia, para serem libertadas.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Continuar a ler

Artigos Recentes

Sociedadehá 5 horas

Ministério Público instaura inquérito ao acidente com autocarro de peregrinos de Guimarães

 O Ministério Público (MP) instaurou um inquérito para averiguar as circunstâncias do acidente com um autocarro, na Autoestrada 1 (A1),...

Famalicãohá 5 horas

Trilho da Cangosta do Estevão com sinalética para ajudar a explorar Camilo

O “Trilho da Cangosta do Estevão” já pode ser calcorreado por exploradores modernos que buscam conhecer melhor a história e...

Paíshá 6 horas

Motorista do autocarro acidentado a caminho de Fátima será sepultado esta quarta-feira

Será sepultado, esta quarta-feira, António Araújo, de 58 anos, motorista do autocarro que morreu, no último sábado, após um aparatoso...

Famalicãohá 7 horas

Cada corporação de bombeiros de Famalicão ganha mais uma nova Equipa de Intervenção Permanente (EIP)

As corporações de bombeiros de Famalicão, que incluem os Bombeiros Voluntários de Famalicão, Bombeiros Voluntários Famalicenses e Bombeiros de Riba...

Famalicãohá 8 horas

Famalicense desempregado de 43 anos detido no Porto por suspeitas de tráfico de droga

A PSP deteve, esta segunda-feira, na Praça Almeida Garrett, no Porto, um homem suspeito de tráfico de droga, tendo na...

Bragahá 9 horas

ATUALIZAÇÃO: Criança de 2 anos encontrada sozinha em Braga tinha um olho ensanguentado e sapatos trocados dizem testemunhas

A criança de 2 anos encontrada sozinha, numa rua de S. Vicente, em Braga, suja e com fome, esta segunda-feira,...

Famalicãohá 9 horas

Famalicão: Bombeiros de Riba de Ave recebem apoio autárquico de 150 mil para aquisição de novas viaturas

A Câmara Municipal de Famalicão aprovou, esta terça-feira, na última reunião do executivo, a atribuição de um apoio financeiro de...

Famalicãohá 9 horas

O Parque da Devesa em Famalicão, vai ser palco da 11ª Gala do Bgreen Ecological Filme Festival

A edição deste ano contou com a particição de cerca de trezentos trabalho a concurso oriundos de diverso paises.

Paíshá 10 horas

Crianças portuguesas não vivem em casas saudáveis diz a UNICEF

As crianças portuguesas não vivem em ambientes saudáveis, sobretudo devido a problemas com a habitação, segundo um relatório do Fundo...

Paíshá 11 horas

Duas famílias, incluindo uma grávida e duas crianças despejadas após ocupação ilegal em Gaia

Duas famílias, incluindo uma grávida e duas crianças menores, foram esta terça-feira despejadas das casas que ocuparam ilegalmente no bairro...

Jornal

Rádio

Arquivo

FAMA NAS REDES