Siga-nos nas redes

País

Covid-19: Conheça as 10 exceções à circulação entre concelhos

Publicado

em

Um conjunto de exceções, como deslocações para trabalhar, por motivos de saúde ou outros “de urgência imperiosa”, são algumas das exceções à proibição de circulação entre concelhos entre 27 de novembro e 02 de dezembro e entre 04 e 08 de dezembro.

Desta vez não serão permitidas deslocações para assistir a espetáculos culturais, ao contrário do que aconteceu no último fim de semana de outubro e dia de Todos os Santos, em que a circulação entre concelhos também esteve proibida.

(continue a ler o artigo a seguir)


Emissão em direto da Fama Rádio e Televisão também disponível na Smart tv da sua casa. Instale grátis!



De acordo com o decreto do Governo que regulamenta a aplicação do novo estado de emergência devido à pandemia de covid-19 que entra em vigor às 00:00 de quarta-feira, será proibido circular para fora do domicílio entre as 23:00 de 27 de novembro e as 05:00 de 02 de dezembro e entre as 23:00 de 04 de dezembro e as 23:59 de 08 de dezembro, “salvo por motivos de saúde ou por outros motivos de urgência imperiosa”.

No decreto estão estabelecidas 10 exceções à proibição de circulação entre concelhos de Portugal continental, nomeadamente as deslocações para desempenho de funções profissionais com declaração emitida pela entidade empregadora ou pelo próprio, no caso de trabalhadores independentes e empresários em nome individual.

Os profissionais de saúde e trabalhadores de instituições de saúde e de apoio social, os professores e pessoal não docente dos estabelecimentos escolares, os agentes de proteção civil, as forças de segurança, os militares e os inspetores da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) não necessitam de declaração da entidade empregadora para circular.

Podem igualmente circular entre concelhos os titulares de órgãos de soberania, dirigentes dos parceiros socais e dos partidos políticos representados na Assembleia da República e “pessoas portadoras de livre trânsito emitido nos termos legais”, assim como ministros de culto, pessoal de missões diplomáticas e consulares e das organizações internacionais localizadas em Portugal.

São também permitidas as deslocações para os estabelecimentos escolares, para centros de dia, para participar em atos processuais e para atendimentos em serviços públicos, desde que munidos de um comprovativo do respetivo agendamento.

As deslocações necessárias para “saída de território nacional continental” e de cidadãos “não residentes para locais de permanência comprovada” podem igualmente ser realizadas, tal como “deslocações por outras razões familiares imperativas, designadamente o cumprimento de partilha de responsabilidades parentais”.

É ainda permitido o “retorno ao domicílio”.

O Governo anunciou no sábado as medidas de contenção da pandemia da covid-19 para o novo período de estado de emergência, que vigorará entre as 00:00 de terça-feira, 24 de novembro, e as 23:59 de 08 de dezembro.

Nos 127 concelhos classificados como de risco “extremamente elevado” (com mais de 960 casos de infeção por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias) e de risco “muito elevado” (com mais de 480 casos por 100 mil habitantes) continuará a vigorar o recolher obrigatório entre as 23:00 e as 05:00 nos dias úteis e entre as 13:00 e as 05:00 nos fins de semana e nos feriados de 01 e 08 de dezembro.

Nas vésperas dos feriados, os estabelecimentos comerciais vão estar encerrados a partir das 15:00 nestes 127 concelhos.

Nos 86 concelhos de “risco elevado” também haverá recolher obrigatório nos sete dias da semana entre as 23:00 e as 05:00.

Nas vésperas dos feriados não haverá aulas e a função pública terá tolerância de ponto. O Governo apelou ao setor privado para também dispensar os trabalhadores nestes dois dias.

A partir de terça-feira, as máscaras passam a ser obrigatórias nos locais de trabalho.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.381.915 mortos resultantes de mais de 58,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 3.897 pessoas dos 260.758 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

PARTILHE ESTE ARTIGO:
Publicidade Publicidade

OUVIR EMISSÃO RÁDIO

LER JORNAL

pub

Artigos Recentes

Famalicãohá 14 minutos

Famalicão: Casa das Artes apresenta ciclo dedicado à realizadora japonesa Kinuyo Tanaka

“Cartas de Amor” é o filme escolhido pelo Cineclube de Joane para a sessão de cinema desta quinta-feira, 30 de...

Famalicãohá 26 minutos

Famalicão: Recolha de lixo irá funcionar nos horários habituais no feriado desta sexta-feira

O Município de Famalicão informa que neste feriado de dia 01 de dezembro, dia da Restauração da Independência, a recolha...

Famalicãohá 37 minutos

Famalicão: Vale S. Martinho celebra quadra festiva com o Mercadinho de Natal este domingo

A freguesia de Vale S. Martinho em Famalicão realiza, este domingo, o seu Mercadinho de Natal, um evento que visa...

Regiãohá 1 hora

Trofa garante mais mobilidade para os cidadãos com integração na rede UNIR a partir desta sexta-feira

A AMP, área metropolitana do Porto, está a assistir à integração da Trofa na rede UNIR, esta sexta-feira, uma iniciativa...

Paíshá 1 hora

Banco Alimentar Contra a Fome realiza campanha de recolha de alimentos entre esta sexta-feira e domingo

O Banco Alimentar Contra a Fome realiza de 01 a 03 de dezembro uma nova campanha de recolha de alimentos...

Famalicãohá 2 horas

Famalicão: trabalhadoras da Santa Casa saíram à rua para reivindicar direitos laborais

Um grupo de trabalhadoras da Santa Casa da Misericórdia de Famalicão saiu esta quarta-feira, 29 de novembro, à rua para...

Regiãohá 14 horas

Estudantes do IPCA adaptam brinquedos eletrónicos para crianças com paralisia cerebral

Estudantes do Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA), em Barcelos, estão a adaptar brinquedos eletrónicos para que possam ser...

Famalicãohá 15 horas

Famalicão: Atropelamento faz um ferido na Avenida 25 de Abril

Um homem ficou ferido, ao final da tarde desta quarta-feira, na sequência de um atropelamento rodoviário na Avenida 25 de...

Famalicãohá 16 horas

Famalicão: Temperaturas mínimas descem 6.º graus esta quinta-feira. Chuva veio para ficar

Famalicão espera, esta quinta-feira, mais um dia de chuva onde também os termómetros devem registar uma descida, assim indicam as...

Famalicãohá 17 horas

Famalicão: Alunos de Esmeriz e Cabeçudos assinalaram Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa com atividade de sensibilização

As escolas do ensino básico do 1.º ciclo de Esmeriz, Cabeçudos e Dr. Nuno Simões de Famalicão organizaram, na passada...

Arquivo

Mais Vistos