Siga-nos nas redes

País

Covid-19: Hotéis poderão ser usados como centros de dia temporariamente

Publicado

em

Os estabelecimentos hoteleiros, de turismo de habitação e ‘resorts’ estão autorizados a serem temporariamente usados como escritórios, ‘showrooms’ e centros de dia, segundo decreto-lei publicado em Diário da República,

O diploma publicado no domingo, para alterar as medidas excecionais e temporárias relativas à pandemia da doença covid-19, especifica que esta autorização excecional e temporária abrange os empreendimentos turísticos, cuja classificação inclui estabelecimentos hoteleiros, aldeamentos turísticos, apartamentos turísticos, conjuntos turísticos (‘resorts’), empreendimentos de turismo de habitação, empreendimentos de turismo no espaço rural e, ainda, parques de campismo e de caravanismo.

Das medidas excecionais aplicáveis aos empreendimentos turísticos, introduzidas pelo decreto-lei que entrou em vigor hoje, dia seguinte ao da sua publicação, contam a possibilidade de disponibilizar a totalidade ou parte das unidades de alojamento que compõem estes empreendimentos para outros usos compatíveis.

E o diploma define esses usos: alojamento prolongado, com ou sem prestação de serviços; escritório e espaços de cowork; reuniões, exposições e outros eventos culturais; ‘showrooms’; ensino e formação e salas de convívio de centros de dia ou outros grupos ou organizações.

“O número de unidades de alojamento a disponibilizar para outros usos é definido pelas entidades exploradoras dos empreendimentos turísticos”, acrescenta, precisando que a afetação de parte ou da totalidade das unidades de alojamento pelas entidades exploradoras “não implica a perda” da qualificação como empreendimento turístico.

A disponibilização de unidades de alojamento depende do preenchimento de várias condições pelas respetivas entidades exploradoras, como a garantia da articulação dos novos usos com a atividade turística, sempre que esta se mantenha, e a comunicação ao Instituto do Turismo de Portugal da identificação das unidades de alojamento e o número de camas correspondentes a afetar a usos distintos da exploração turística.

“A disponibilização de unidades de alojamento para outros usos determina, na parte aplicável, o cumprimento das regras sanitárias fixadas pela Direção-Geral da Saúde, bem como das demais normas aplicáveis à atividade a desenvolver”, lembra o Governo no diploma.

Estes novos fins dos empreendimentos turísticos tinham sido, no início deste mês, reclamados pela Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), que em comunicado anunciou ter enviado ao Governo uma proposta para utilizações comerciais, de curta ou longa duração, das unidades de alojamento dos hotéis, desocupadas por causa da covid-19, e que já servem para alojamento a estudantes, no âmbito de protocolos com as Universidades ou semi-residência de profissionais de saúde.

A associação defendeu, na altura, que as unidades poderiam albergar “serviços de escritório, espaços de ‘cowork’, realização de reuniões, exposições e outros eventos culturais, showrooms, ensino e formação” e mesmo “centros de dia ou residências assistidas”.

Citado no mesmo comunicado, o presidente da AHP, Raul Martins, disse que “a situação é complexa”, destacando a luta pela “manutenção das empresas e dos postos de trabalho” e referindo que “a alteração temporária de uso das unidades de alojamento pode ser uma boa alternativa para muitos empreendimentos turísticos, porque hóspedes, que garantam a sustentabilidade do negócio” não se sabe quando voltarão. 

PARTILHE ESTE ARTIGO:

Jornal

Rádio

Artigos Recentes

Paíshá 6 horas

Conheça a chave da sorte do Euromilhões desta sexta-feira

Num sorteio sem sorte para Portugal apenas três portugueses acertaram no 4º prémio desta semana, equivalente a 1.200 euros. Sem...

Mundohá 6 horas

Covid-19: “As restrições são absolutamente fundamentais”

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, defendeu hoje que “as restrições são absolutamente fundamentais” para fazer face...

Paíshá 6 horas

Estudo: Idosos têm múltiplas doenças e dependem das instituições

Os idosos que vivem em lares ou frequentam os centros de dia têm múltiplas doenças e dependência e as instituições...

Paíshá 7 horas

Região Norte: “Tem havido uma certa estabilização, mas não é de todo uma situação confortável”

 A aparente “estabilização” da região Norte em cerca de 3.000 casos diários do novo coronavírus na última semana “não diminui...

Economiahá 7 horas

CIP é contra a proibição de venda de artigos como livros, roupa nos supermercados

 A Confederação Empresarial de Portugal (CIP) mostrou-se hoje contra a proibição de venda de artigos como livros, roupa e objetos...

Economiahá 7 horas

Restaurantes com serviço de ‘take-away’ sem limites no horário de funcionamento

Os restaurantes a funcionar em regime de ‘take away’ durante o atual confinamento geral não terão limites nos horários de...

Paíshá 7 horas

CGTP alerta Governo sobre trabalhadores sem ATL para os filhos

A CGTP interpelou hoje o Governo sobre o encerramento de atividades de ocupação dos tempos livres (ATLs) e centros de...

Desportohá 10 horas

FC Famalicão: “Não me passava pela cabeça estar em último”

O treinador do Famalicão admitiu hoje, a dois dias do jogo com o Santa Clara, da 14.ª jornada da I...

Desportohá 12 horas

FC Famalicão: Ivo Rodrigues reforça plantel até 2024

O mais recente reforço do Futebol Clube de Famalicão é Ivo Rodrigues, o extremo, de 25 anos, vindo do Antuérpia,...

Paíshá 12 horas

Covid-19: Mais 159 mortos e 10.663 novos infetados nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 159 óbitos provocados pela pandemia e 10.663 novos casos de infeção, segundo o relatório diário emitido...

Paíshá 12 horas

Auchan Retail Portugal distinguida como “Marca n.º1 na Escolha do Consumidor de 2021”

A distinção de “Marca n.º1 na Escolha do Consumidor 2021” foi atribuída à Auchan Retail Portugal, na categoria ‘Hiper e...

Paíshá 13 horas

Covid-19: Profissionais de saúde dos hospitais privados iniciaram hoje a vacinação

Os profissionais de saúde dos serviços prioritários de hospitais do setor privado e social começaram hoje a ser vacinados contra...

Paíshá 14 horas

Confinamento Geral: Proteção Civil informa população via SMS

Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil enviou, esta sexta-feira, um comunicado à população, em forma de SMS, onde relembra...

Paíshá 15 horas

Covid-19: Norte e Centro responsáveis por 61% dos novos casos

Segundo dados divulgados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), a mortalidade em 60 concelhos portugueses foi durante o mês...

Economiahá 15 horas

Confinamento: Governo fixa preço do gás até ao final de janeiro

No âmbito do confinamento decorrente da pandemia de covid-19,  os preços máximos para o gás engarrafado, variam entre os 19,54...

Famalicãohá 15 horas

Padre Carlos Gomes de Santiago de Antas faleceu esta quinta-feira devido à covid-19

O padre famalicense Carlos Gomes faleceu esta quinta-feira devido a problemas causados pela covid-19. Natural de Santiago de Antas, o...

Paíshá 16 horas

Petição pela abertura das salas de estudo já leva mais de 3.000 assinaturas

Defende que as salas de estudo se mantenham abertas durante o confinamento decretado pelo Governo que hoje começou, mais de...

Famalicãohá 16 horas

Paulo Cunha dirige mensagem aos famalicenses no início do novo confinamento generalizado

O presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, emitiu esta quinta-feira, um comunicado aos famalicenses num dia em que Portugal entrou...

Paíshá 17 horas

Voos de fora da UE para Portugal estarão limitados até ao final de janeiro

Portugal prorrogou até final do mês de janeiro as medidas restritivas relativas ao tráfego aéreo de fora da União Europeia...

Paíshá 17 horas

Alerta Famalicão: Distrito de Braga sob “Aviso Amarelo” até sábado devido ao frio intenso

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), oito distritos de Portugal continental estão hoje e sábado sob...

Arquivo

FAMA NAS REDES

Mais Vistos